Início » Celular » Huawei diz que vai lançar smartphone dobrável com 5G

Huawei diz que vai lançar smartphone dobrável com 5G

Celular com tela dobrável da Huawei é prometido para meados de 2019

Por
1 ano atrás

A briga entre Samsung e Huawei para ver quem lança o primeiro smartphone dobrável continua: o chairman da fabricante chinesa, Ken Hu, confirmou que o primeiro aparelho flexível da Huawei também terá suporte a redes 5G e será lançado em meados de 2019.

O anúncio foi realizado durante um painel no Fórum Econômico Mundial, que “parecia mais um conjunto coreografado de declarações do que uma discussão fluida”, segundo o Telecoms. Ken Hu focou mais no aspecto 5G do que na tela dobrável: a conexão permitiria a reprodução de vídeos em alta definição por streaming em telas grandes (e dobráveis) e uma inteligência artificial baseada em nuvem, graças à baixa latência.

Não há detalhes muitos oficiais sobre o produto. Rumores apontam que a Huawei deverá lançar o celular com uma tela OLED fabricada pela parceira chinesa BOE e uma quantidade inicial pequena de unidades, que pode ficar entre 20 e 30 mil aparelhos. O objetivo não seria vender muito, mas atrair os holofotes para a marca, que já é a segunda maior fabricante de smartphones do mundo.

O BGR nota que faz sentido incluir a conexão 5G em um celular dobrável — esse formato garante mais espaço para antenas adicionais e uma bateria que dê conta das altas velocidades.

Samsung também promete celular dobrável

Além da Huawei, a Samsung também está na disputa para lançar um smartphone dobrável. O CEO DJ Koh promete apresentar o produto ainda em novembro, durante uma conferência para desenvolvedores, mas não ficou claro quando (ou se) o celular será vendido aos consumidores.

Uma das preocupações da Samsung é apresentar uma utilidade para um celular dobrável: “Mesmo desdobrado, que tipo de benefício isso traria comparado ao tablet? Se a experiência desdobrada for a mesma de um tablet, por que os consumidores o comprariam?”, diz Koh.

No caso da Samsung, as informações dão conta de que o aparelho teria display de 7 polegadas quando aberto e um preço bem alto, na casa dos US$ 1.500.

Mais sobre: