Início » Negócios » Cofundadores do Instagram deixam Facebook após disputa com Zuckerberg

Cofundadores do Instagram deixam Facebook após disputa com Zuckerberg

Kevin Systrom e Mike Krieger ficaram frustrados com o maior envolvimento de Mark Zuckerberg no Instagram

Felipe Ventura Por

Os cofundadores do Instagram, Kevin Systrom e Mike Krieger, se demitiram de seus cargos no Facebook e deixarão a empresa nas próximas semanas. Eles se desentenderam com Mark Zuckerberg, que quer exercer maior controle sobre o aplicativo. Os cofundadores do WhatsApp também saíram.

Segundo o TechCrunch, as tensões entre a chefia do Instagram e do Facebook aumentaram este ano. A rede social foi adquirida em 2012 por US$ 715 milhões, e Zuckerberg concordou em deixar o app funcionar de forma independente.

No entanto, isso começou a mudar. À medida que o crescimento do Facebook desacelera, Zuckerberg depende cada vez mais do Instagram para ganhar dinheiro. Por isso, ele quer ditar os rumos do app.

Mike Krieger (à esquerda) e Kevin Systrom

Systrom e Krieger já estavam frustrados com o maior envolvimento diário de Zuckerberg, segundo a Bloomberg. Além disso, ele colocou um executivo mais próximo e leal no cargo de vice-presidente de produto do Instagram: trata-se de Adam Mosseri, que comandava o Feed de Notícias.

Fontes dizem que Mosseri deve ser o sucessor de Systrom e Krieger como CEO do Instagram, mas a empresa ainda não confirma isso. Ele poderia pressionar o Instagram a fazer mais pelo Facebook, tornando-o mais integrado e menos independente.

O Instagram tem mais de um bilhão de usuários ativos, atraindo um público mais jovem, e segue em expansão graças às Stories. Enquanto isso, o Facebook já tem mais de 2,2 bilhões de usuários, e menos perspectivas de crescimento. Isso significa um espaço mais limitado para exibir anúncios, sua principal fonte de receita.

A equipe atual do Instagram, com os cofundadores Krieger e Systrom no centro

Cofundadores do WhatsApp também saíram do Facebook

"Mike e eu estamos gratos pelos últimos oito anos no Instagram e seis anos com a equipe do Facebook", escreve Systrom em comunicado. "Estamos prontos para nosso próximo capítulo." Ele não menciona Zuckerberg nem qualquer outro executivo do Facebook.

Enquanto isso, Zuckerberg diz:

Kevin e Mike são líderes de produto extraordinários e o Instagram reflete seus talentos criativos combinados. Eu aprendi muito trabalhando com eles nos últimos seis anos, e realmente gostei. Desejo-lhes tudo de bom e estou ansioso para ver o que eles criarão no futuro.

Os cofundadores do WhatsApp também deixaram o Facebook. Brian Acton investiu US$ 50 milhões no concorrente Signal e apoiou a campanha #DeleteFacebook após o escândalo Cambridge Analytica.

Por sua vez, Jan Koum saiu do Facebook após desentendimentos envolvendo a criptografia do WhatsApp. Executivos queriam enfraquecer as proteções do aplicativo para facilitar o uso do WhatsApp Business, voltado para empresas. Acton e Koum abriram mão de até US$ 1,3 bilhão para sair do Facebook.

Com informações: TechCrunch, Bloomberg.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Felipe Liʍa
enquanto o snapchat "privilegiar" os iPhones em detrimento dos Android, acho dificil eles crescerem mais!
Felipe Liʍa
facebook tb tem essas "buscas escondidas" q vc pode olhar todos os posts, comentarios, fotos, que algum amigo ja fez, mesmo que ele tenha ocultado no feed dele!
🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ
Jovens estão abandonando o facebook só isso já é um bom indício de que não vai bem.
🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ
Essa teimosia do Mark vai acabar matando a Facebook Inc.
João
Não tem muito o que inovar. Orkut estava falindo e ele tinha algo bom na mão, o povo só começou a usar. É questão de criar algo que o povo quer.
Raul Amoretti de Souza
quer fazer caridade? Vem para o Joyz!! Joyz é um app de filantropia!
MaTSuBa ✔
Ou vende pro Facebook ou fica que nem o Snapchat, sufocado por Instagram Stories, WhatsApp Stories e Facebook Stories... kkkkkO Capitalismo vai estragar muita coisa ainda... Infelizmente nada pode ser feito! Briga de gente grande! Vide caso dos rapazes do WhatsApp que abriu mão da grana pra sair fora.... Tio Zucker não é nada legal... rs rs...
S Y N T H W A V E + L O V E R
Esse Zuck vai ser daqueles velhos que vão ficando isolados com o tempo.
Anakin
Mais uma vez Tio Zuck se mostrando um verdadeiro mala rs
Relevante seu comentário. Me lembra ao Sean Parker do Napster, que por um tempo sempre foi muito lembrado mas quase desapareceu hoje em dia. Facebook é mais e maior do que o Napster foi no seu auge, mas imagino que possa acontecer o mesmo.
Muttley
Vai começar a lambança, está na hora de procurar uma nova rede social. Se o Snapchat for esperto aproveita essa oportunidade pra se reerguer(não curto o Snap). Será que Systrom e Krieger vão se acomodar ou criar algo novo?
Danilo
Ideia de rede social: uma que não seja exposto aos demais o que você curte ou segue. É isso que tem afastado os jovens do Facebook.E interessante ver que nem todo mundo sabe que dá para ver o que os amigos curtem no Instagram. Basta ir lá e ver um monte de homem casado curtindo fotos de bundas e peitos, algo que não fazem no Facebook :P
André
https://opensource.fb.com/
Leandro Gonçalves
Boaa...Ai dar um jeito de inserir a ideia de vintage no projeto . Pronto. A galera vem com tudo...hahahah
zoiuduu .
sobreanuncios nada a ver, tipo, vc ta ouvindo um psytrance de 2 horas no google e aparece uma propaganda de pagode....o que vc prefere?1) ver ads aleatórios,2) deixar o google,face,etc, ver suas peskisas e ver ads que tem a ver com vc.(não há uma terceira opção)
João Almeida
Agora o Instagram despenca de vez
DeadPull
À medida que o crescimento do Facebook desacelera, Zuckerberg depende cada vez mais do Instagram para ganhar dinheiro. Por isso, ele quer ditar os rumos do app.Estrago no Facebook realizado com sucesso. Próximo passo: estragar o Instagram.
Luís Carlos Soares
É o preço que se paga por trabalhar com Zuckerberg, Instagram já foi bom, quando você só via conteúdo de seu interesse, depois veio dar sugestões de perfil de pessoas ou páginas que você não quer seguir e em seguida os anúncios...
Marlos
Reativa o Orkut que vocês quebram o Facebook. 😛
Luís Carlos Soares
Eu perdi a paciência com o tipo de sugestões que eles me mandavam, política, a turma do projaquistão, das mansões de Hollywood, e depois anúncios nada a ver, cheguei uma hora e deletei a conta
tuneman
sim, só tolo pra achar que uma empresa dessas vai fazer caridade. hahahaha
tuneman
Facebook já está tonando-se "coisa de velho"...., e pensar que alguns anos atrás as redes sociais eram uma revolução.
Leandro Gonçalves
Mark Zuckerberg parece aquele menino mimado pelos pais a vida toda, que em hipótese alguma permite ser contrariado...Eu temo cada vez mais pelo Instagram. Uma rede social que era muito boa, mas que hoje está altamente saturada, com várias funções inúteis que só ajudam a promover cada vez mais milhares de pessoas fúteis que são capazes de dar a vida para ter um sub-fama passageira...
Antony
Penso que esse seja uma das essências do capitalismo, não?
Alisson Santos
Acho que o Zuckerberg nunca deixará seu nome na história da internet, assim como os executivos do Yahoo ou Aol também nunca deixaram. Com o tempo a gente percebe que ele tem mais sorte do que talento ou criatividade. O sucesso do Facebook foi uma "errada", depois disso o Zuckerberg só tem copiado ou comprado. Não lembro da última vez que a empresa de fato inovou.
Carlin
" Eu aprendi muito trabalhando com eles", tudo no Facebook ou sobre a sua tutela, se torna sobre o Zuckerberg. Dependo das circunstancia isso acaba se tornando um problema, o Facebook não consegue trabalhar com as empresas menores que lhe pertencem como o Google (Alphabelt) vem trabalhando, o excesso de controle pode acabar destruindo esse "império"!
Renan Maia Fernandes
Isso que é complicado, você vende ao Facebook e vê seu app criado com criatividade sendo engolido pela monetização e sede por dinheiro ou você não vende e vê seu app (Snapchat) sendo engolido pela concorrência desleal e sanguinária do Facebook.