Início » Jogos » Nintendo Switch Online apaga saves na nuvem 180 dias após ser cancelado

Nintendo Switch Online apaga saves na nuvem 180 dias após ser cancelado

Nintendo Switch Online remove Cópia de Segurança na Nuvem (Save Data Cloud Backup) em até 180 dias se for cancelado

Felipe Ventura Por
1 ano atrás

A Nintendo esclareceu sua política de saves de jogos para o Switch Online. Se você cancelar o serviço, a Cópia de Segurança na Nuvem (Save Data Cloud Backup) permanecerá nos servidores da empresa por até 180 dias. Depois desse prazo, seus dados serão removidos. A assinatura está disponível no Brasil por R$ 74,25 ao ano.

"Se a assinatura do Nintendo Switch Online expirar, o usuário não poderá acessar a Cópia de Segurança na Nuvem. No entanto, a Nintendo permitirá acesso aos backups para usuários que voltem a assinar o serviço em até 180 dias", explica a empresa na seção de perguntas frequentes.

Antes, a Nintendo dizia apenas: "não podemos garantir que os dados na nuvem sejam retidos por um longo período após o fim da assinatura".

Esta é uma política menos generosa que na concorrência. A Microsoft não exige assinatura, liberando o backup de graça no Xbox One. "Qualquer pessoa inscrita no serviço Xbox Live pode armazenar jogos salvos na nuvem", diz o FAQ.

Enquanto isso, a Sony oferece armazenamento na nuvem para assinantes do PlayStation Plus, e disse no lançamento em 2011 que "saves de jogos serão mantidos por seis meses" após o cancelamento.

No entanto, o FAQ atual nem menciona esse prazo, indicando que não apaga os dados: "se sua associação do PS Plus expirar e você tiver dados salvos no armazenamento online... será possível acessá-los quando sua associação do PS Plus for renovada". É possível guardar até 10 GB de saves do PS4 (ou 150 MB para o PS3 e Vita).

Nintendo pode liberar backup local do Switch no futuro

A Nintendo não permite fazer backup local do Switch, mas isso pode mudar no futuro. Ela diz em uma página de suporte: "embora não tenhamos nada adicional para anunciar sobre este assunto, tenha certeza de que ouviremos com atenção o feedback de nossos clientes".

Alguns jogos, como Pokémon Let’s Go, Splatoon 2 e Dead Cells não têm suporte a saves na nuvem. A Nintendo diz que eles poderiam ser usados "para afetar injustamente os rankings de multiplayer online", e quer "garantir o fair play".

Além disso, ela explica que os saves de jogos NES "não serão removidos a não ser que o usuário faça isto manualmente". Eles ficam armazenados localmente no console, mas só podem ser acessados com uma assinatura ativa do Switch Online.

A Nintendo oferece o Switch Online no Brasil. Ele custa R$ 14,80 por 30 dias; R$ 29,70 por três meses; R$ 74,25 por um ano (individual); e R$ 129,95 por 12 meses no pacote familiar, em até oito contas.

Com informações: IGN.