Início » Celular » Instagram cria tag de nome para mais pessoas encontrarem seu perfil

Instagram cria tag de nome para mais pessoas encontrarem seu perfil

A nova solução do Instagram é parecida com o Snapcode, mas não usa códigos

Victor Hugo Silva Por

O Instagram liberou uma nova solução para permitir que você se conecte a outras pessoas com mais facilidade. Batizada de tag de nome, ela é basicamente uma tela com seu nome de usuário para alguém fazer a leitura com outro celular e encontrar o seu perfil.

Ao contrário do que acontece com no Snapchat, o método do Instagram não usa códigos, mas, sim, o seu nome de usuário. Após a leitura, a outra pessoa pode começar a te seguir ou acessar seu perfil para ver as últimas fotos.

Tag de nome no Instagram

Para ver sua tag de nome, basta ir até o seu perfil, abrir o menu – o ícone com três traços horizontais – e escolher a opção Tag de nome. Na tela seguinte, você verá uma espécie de cartão com seu nome de usuário.

A área pode ser personalizada: é possível mudar de cor ao tocar em qualquer área da tela ou mudar o estilo ao clicar no botão exibido na parte superior. Além do degradê, é possível escolher entre os estilos de emojis e de selfies.

Caso você queira usar seu celular para encontrar o perfil de outra pessoa, é possível ir na mesma tela e escolher a opção Ler uma tag de nome. Outra alternativa é ir diretamente na câmera do Instagram, que também consegue fazer a leitura.

O aplicativo ainda permite enviar a tag de nome para outras pessoas por meio de mensagens SMS ou de plataformas como o Facebook e o WhatsApp. A solução já está disponível em todo o mundo para usuários do Instagram no Android e no iOS.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Augusto M. Garrucho

HAHAHAHAHAHAHA Justo!

Augusto M. Garrucho

Fato,pensei exatamente nisso... E ela tem formas que favorecem (placa de carro feelings).

Kang Otro ✓

Acho que eles pensaram que já copiaram demais o Snapchat. Essa, provavelmente, é a última facada.

Matheus Gonçalves

Acho que hoje em dia é bem mais fácil processar caracteres, identificar, reconhecer e interpretar, ainda mais sabendo qual é a fonte.

Augusto M. Garrucho

Negócio bizarro... Usaram reconhecimento de caracteres ao invés do clássico QR Code (ou similar, como o Snapchat).