Início » Computador » Lenovo volta a liderar vendas mundiais de PCs; Microsoft estreia no top 5 dos EUA

Lenovo volta a liderar vendas mundiais de PCs; Microsoft estreia no top 5 dos EUA

É a primeira vez que a Microsoft aparece entre as cinco maiores fabricantes de PCs nos Estados Unidos

Paulo Higa Por

Os relatórios publicados pelo Gartner e pela IDC nesta quarta-feira (10) trouxeram duas novidades. A primeira é que a Lenovo, que havia perdido a liderança global para a HP nas vendas de computadores, voltou à primeira posição. Além disso, parece que os esforços da Microsoft com a linha Surface estão dando resultado: é a primeira vez que a empresa de Redmond aparece entre as principais marcas nos Estados Unidos.

Segundo o Gartner, foram vendidos 67,2 milhões de computadores no mundo no terceiro trimestre de 2018, um aumento de 0,1% em relação aos 67,1 milhões no mesmo período do ano passado. Isso mostra uma estagnação do setor, que cresceu na Ásia, Europa e África, mas foi puxado por quedas em outras regiões: a América Latina é a que apresentou o maior declínio, com redução de 8,5% nas vendas.

A IDC destaca que as vendas em todas as regiões superaram as expectativas, embora a demanda tenha sido restringida por “muitos mercados emergentes que tiveram que enfrentar obstáculos desfavoráveis com relação à moeda e fatores político-econômicos”. Diz também que “havia algumas preocupações sobre a escassez de processadores”, em referência aos problemas de fornecimento da Intel, mas a maioria das fabricantes conseguiu atender à demanda.

Há uma divergência entre as duas consultorias com relação às vendas de cada fabricante no terceiro trimestre de 2017. Para a IDC, a Lenovo ficou ligeiramente atrás da HP nas vendas naquele período, com a mesma fatia de 22,5% do mercado global. No Gartner, a fabricante chinesa não chegou a perder a liderança: tinha 21,4%, contra 20,5% da HP.

Estas são as fabricantes que mais venderam PCs no mundo no terceiro trimestre de 2018, segundo o Gartner:

  1. Lenovo: 15,89 milhões (23,6%)
  2. HP: 14,63 milhões (21,8%)
  3. Dell: 10,74 milhões (16%)
  4. Apple: 4,93 milhões (7,3%)
  5. Acer: 4,07 milhões (6,1%)
  6. Asus: 4,01 milhões (6%)
  7. O resto: 12,93 milhões (19,2%)

E este é o relatório da IDC:

  1. Lenovo: 16,15 milhões (24%)
  2. HP: 15,36 milhões (22,8%)
  3. Dell: 11,47 milhões (17%)
  4. Acer: 4,87 milhões (7,2%)
  5. Apple: 4,76 milhões (7,1%)
  6. O resto: 14,77 milhões (21,9%)

Por que há essa diferença? Os critérios são diferentes: ambas as consultorias consideram no cálculo os desktops e notebooks tradicionais, mas o Gartner exclui os Chromebooks e contabiliza os tablets com Windows; já a IDC exclui os tablets com Windows e contabiliza os Chromebooks.

Microsoft estreia entre as que mais vendem nos Estados Unidos

Microsoft Surface Laptop 2

O Gartner publicou ainda um recorte específico para o mercado americano, um dos poucos em que a Microsoft vende a linha Surface. É a primeira vez que a empresa aparece entre as cinco principais marcas, com 602 mil máquinas comercializadas, um crescimento de 1,9% em relação ao mesmo período de 2017, enquanto a Apple despencou 7,6%.

Este é o ranking de vendas nos Estados Unidos, onde as marcas americanas dominam:

  1. HP: 4,53 milhões (30,7%)
  2. Dell: 3,83 milhões (25,9%)
  3. Lenovo: 2,28 milhões (15,4%)
  4. Apple: 2,02 milhões (13,7%)
  5. Microsoft: 602 mil (4,1%)
  6. O resto: 1,51 milhões (10,2%)

A Microsoft apresentou recentemente o Surface Pro 6, o Surface Laptop 2 e o Surface Studio 2 para renovar sua linha de PCs. Será que ela vai conseguir se consolidar nesse mercado?

Mais sobre: , , ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Zico
Brasileiro dá valor a um monte de merda. Daí fica esperando por salvadores: Lula, Bolsonaro, o caralho a 4. Ele é o principal culpado ssaporra toda e fica querendo culpar o governo. Não aprendeu até hoje a boicotar um produtinho de merda qq e agora tá votando num zé que passou mais de 20 anos sugando sem retorno e que agora é que vai melhorar tudo. Tem que ser muito besta mesmo.Por isso um celular custa uma moto. E os trouxas pagam.
Marcello Rolla
Americano adora notebook da Apple. Eu tive um MacBook por uns meses e devolvi. A experiência foi a mesma de usar um PC com Linux Ubuntu: bonitinho, mas não faz nada do que vc quer. Não é a toa que MS domina o mercado.
𝕵𝖆𝖈𝕶 ⚡𝖎𝖑𝖘𝖆𝖓
Talvez seja uma forma da Microsoft não afrontar muito os próprios parceiros.
Mendonza
Raciocínio lógico nesse debate ilógico.
Willyamm
Samsung nem deu as caras
Miguel
Não zoei ninguém não, amigo. Tá vendo eu dando risada de alguém ali?
DeadPull
O cara não pode comprar e zoa outro por também não poder comprar? Parece mendigo rindo da miséria de outro mendigo. Não faz o menor sentido.
DeadPull
Quando eu tiver a oportunidade de visitar os States, irei diretamente a uma loja da M$ só pra comprar uma maravilha dessa.
Miguel
E ta errado?Eu também não posso comprar. Mas isso não quer dizer que exista uma parcela da população que possa.
Jairo ☠️
Infelizmente só importando.
Guilherme Andrade
Lá vem o argumento de "voce não pode comprar"
Eduardo Braga
Argumentou toda
Miguel
Piada pra você que não pode pagar por um.
grande_dino_2
Bacana.Eu tenho muita vontade de testar os Surface Books, principalmente pra ver como é usar uma tela 3:2.Pena que não vai acontecer tão cedo.
Orivaldo Pagani
Apple em 4º lugar parece piada se fosse venda de Iphone okMas de Desktop e Notebook e piada nee...