Início » Computador » Novo Mac Mini tem processador Intel de 8ª geração e custa a partir de R$ 6.999

Novo Mac Mini tem processador Intel de 8ª geração e custa a partir de R$ 6.999

Novo computador quase que abandona as portas USB tradicionais, mas pouco muda no visual externo

André Fogaça Por

A Apple aproveitou a manhã desta terça-feira (30) para anunciar uma nova geração do Mac que estava na lista de esquecidos pela empresa desde 2014: o Mac Mini. Agora em versão preta, o menor e mais simples computador da empresa da maçã embarca em processadores Intel de oitava geração e abandona o HD.

Por fora, a mesma novidade do novo Macbook Air está presente e é o corpo de alumínio completamente feito com material reciclado. A mudança mais notável, ainda longe do lado interior, é a nova cor preta – a mesma que está no iMac Pro e em alguns dispositivos móveis da própria marca.

Por dentro, o Mac Mini abandona de vez a opção de ter um disco rígido e entra de cabeça na memória SSD, com até 2 TB. A Apple garante que essa opção é até quatro vezes mais rápida do que o antigo sistema de armazenamento e o desempenho só agradece com o processador, que vai até um Intel Core i7 de oitava geração, entregando até cinco vezes mais velocidade do que a geração anterior – que utilizava processadores de quarta geração.

Em gráficos, ainda que em uma solução de chip integrado e que está longe de ser o ideal para jogos, a Apple promete 60% de ganho em desempenho. Em RAM, agora o pequeno computador deixa de lado o DDR3, passa para o DDR4 de até 2.666 MHz e em até 64 GB em padrão SO-DIMM, que é a memória pequena que encaixa em notebooks e que pode ser removida para upgrade.

A ventilação continua com uma única ventoinha na parte inferior, só que com um esquema de resfriamento mais moderno e inteligente, garantindo que o calor saia com mais facilidade. Perto da saída de ar quente estão as quatro portas USB do tipo C e que são compatíveis com o Thunderbolt 3 – o que garante que você pode colocar uma GPU externa e aumentar consideravelmente o poder de fogo do Mac Mini.

Ainda por lá ficam apenas duas portas USB-A, uma saída HDMI e a entrada para cabo de rede no padrão RJ45. Para a segurança dos dados que podem chegar por este cabo ou por redes sem fio, a Apple também inseriu o chip T2 e que faz seu trabalho para garantir que o Mac Mini fique mais protegido do que as gerações anteriores.

Quando e quanto?

O novo Mac Mini chega ao mercado internacional a partir do dia 7 de novembro e a pré-venda começa amanhã. A configuração inicial inclui um Intel Core i3 quad-core, 8 GB de RAM, 128 GB de SSD e custará US$ 799 (aproximadamente R$ 3 mil). O máximo que o computador pode ter é um Core i7 com seis núcleos de até 4.2 GHz, 64 GB de RAM e 2 TB de SSD, mas ainda sem preço – será caro.

https://www.youtube.com/watch?v=YDmEu5KQR1E

No Brasil os preços ficam assim:

  • Core i3, 8 GB e 128 GB SSD: R$ 6.999
  • Core i5, 8 GB e 256 GB SSD: R$ 9.399

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Paçaro

Eu uso pra trabalho, mas uso Linux. Eu sei que pra certas aplicações/profissões o Mac é melhor, mas não entendi o "do caralho". Um upgrade bem meia boca.

Caio Cartaxo

So da para comprar fora, comprar no Brasil ficou a mercê de quem ou ta cagando dinheiro ou realmente é muito desinformado.

Caio Cartaxo

A Apple ta viajando completamente nos preços, quem compra os produtos dela so por gostar tem que ser muito rico mesmo viu... Nao vejo a hora das vendas caírem e eles sentirem a pressão do mercado.

Caio Cartaxo

Amigo muita gente trabalha com Mac, se voce nao trabalha sim voce nao vai sentir o do caralho kkkk, e eu sinceramente duvido voce comprar um PC e conseguir rodar o hackintosh com perfeição, sempre vai da conflitos... Agora o Windows roda sim perfeitamente no boot camp. Quem usa computador para trabalho, tem outras preferências amigao.

O fantástico senhor raposo

Essa historia de que o OS X e mais polido e estável é mentira.

Magnosama

incrível que algo assim tenha mercado,
mesmo nos eua...

Gertrudes, a Lhama

Não vem nem cabo HDMI

mpcasais

Eu ia vir aqui falar sobre desvantagens e tals
Mas não precisa né gente? Já chegou no ponto de xapralá...

Fausto Almeida

Sem ofensas mas nossa, que texto mal escrito. Duro de ler. Leio o Tecnoblog há anos, ouço o podcast etc. Gosto de vir aqui. Mas o redator deste texto tá oh... muito amador.

@cheesepaulo

sola rapaz, http://www.iphonehacks.com/...

alguns modelos de 2014 vieram com essa bosta soldada.

Wendell Favacho

Eu também não vi, tenho um 2014 comprado por 2.000 reais i5 2,6ghz e 8gb de ram... Achei caro pro que é, imagina esse aí

Wendell Favacho

Verdade... Tenho um 2014... Ram soldada, só dá pra trocar o hd

Alberto Prado

Supondo que a Apple gaste o dobro que a MS para desenvolver o OS X (por dizer ser mais polido e estável e blablablá), que vende o W10 por USD $100,00 (no varejo). O que me parece não ser factível, já que ela desenvolve pra uma gama bem específica de HW, mas só supondo mesmo pra extrapola muito, então seria 200 dólares. Então sobraria 600 dólares para o HW. Quando muito isso aí fabricado em escala não deve custa nem 250 dólares direto. Mais de 100% de lucro.
Toda empresa tem que visa lucro é lógico. Mas ainda assim, mesmo que eu não compre, eu me sinto meio idiota por uma empresa querer que eu compre isso. Quase Tipo o tal do Juicero.

Magnosama

misericórdia

Vitor

Com o SSD tão barato no mercado, não sei porque as fabricantes colocam isso como se fosse um item "de luxo", enquanto um SSD pelo menos para o sistemas e programas deveria ser padrão, mas cobram como se fosse algo muito mais foda do que um I7.

Exibir mais comentários