Início » Celular » Apple A12X Bionic, do novo iPad Pro, chega perto do Intel Core i7 em benchmark

Apple A12X Bionic, do novo iPad Pro, chega perto do Intel Core i7 em benchmark

iPad Pro (2018) tem processador mais rápido da Apple; A12X Bionic tem quase mesmo benchmark que Intel Core i7 do MacBook Pro

Felipe Ventura Por

O novo iPad Pro tem o processador mais rápido já feito pela Apple, e ele chega bem perto do desempenho da Intel. O A12X Bionic tem quase a mesma pontuação de benchmark que o Core i7 usado no MacBook Pro. É uma prévia do que podemos esperar de futuros Macs na plataforma ARM em 2020.

O novo iPad Pro

O novo iPad Pro

Segundo o MacRumors, o novo iPad Pro alcança pontuações single-core e multi-core de 5.025 e 18.106, respectivamente. Enquanto isso, o MacBook Pro de 15 polegadas começa em 4.928 e 21.165 — trata-se do processador Intel Core i7 de oitava geração com seis núcleos de 2,2 GHz.

O chip A12X Bionic tem um processador de 8 núcleos. Segundo a Apple, ele é mais rápido que 92% dos PCs portáteis mais vendidos nos últimos 12 meses. Enquanto isso, o chip gráfico de 7 núcleos promete desempenho semelhante ao Xbox One S.

Essa combinação parece ser mesmo impressionante. Na keynote da semana passada, vimos uma representante da Adobe editar um arquivo de 3 GB do Photoshop no iPad Pro. Ele não sofreu nenhum engasgo, mesmo lidando com uma imagem de 12.000 x 12.000 pixels com dezenas de camadas.

Apple deve lançar MacBooks sem chips da Intel em 2020

A Apple vem fazendo diversas comparações entre o iPad e laptops com Windows. Na apresentação do novo iPad Pro, ela disse que sua linha de tablets ultrapassou as vendas de notebooks da HP, Lenovo e Dell. Ainda assim, o iOS não tem a mesma versatilidade que um sistema operacional feito para desktops.

Claro, os processadores da Apple não ficarão restritos a iPhones e iPads. Diversos rumores dizem que a empresa vai lançar MacBooks sem componentes da Intel em 2020.

Ela estaria trabalhando em um projeto chamado Kalamata, com o objetivo de adaptar o macOS para a plataforma ARM. Além disso, ela abriu um laboratório nos EUA e contratou ex-funcionários da Intel para trabalhar em chips personalizados.

Segundo o analista Ming-Chi Kuo, a Apple não precisaria mais depender do cronograma de lançamentos da Intel, e teria maiores margens de lucro adotando chips próprios. Quanto ao desempenho para os usuários, o A12X Bionic mostra que isso não deve ser um problema.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Sérgio Luiz

A Sambug não fábricas mais os Socs da Apple, isso vem da Época do 6s quando a Sambug tava fazendo processadores com desempenho reduzido, diante do processador da TSMC, o da TSMC tinha uma Litografia de 16nn contra 14nn do processador Sambug, além disso o da TSMC era mais rápido e consumia menos energia apesar da litografia maior, Depois disso a Apple abandou a Sambug e decidiu ficar com a Linha de produção da TSMC já que a Mesma tava cumprindo com o seu Dever, afinal de contas imagina você comprar uma iPhone e ele ter o desempenho diferente do que o prometido, complicado isso né?

Nesse Exato momento há Sambug só fábrica telas oleds para o iPhone XS, e XS Max.

Bruno Sousa
Rod

Projeta.

Paulo Cruz

Deveria rodar mais rápido pelo preço, mas também quero ver rodar assim com tudo que tenho instalado aqui.

Marcos Antonio

Leu a parte q fala sobre a apresentação com um arquivo de 3gb sem sofrer engasgos?

Gabriel Arruda

O iPad está sendo comparado com MacBook Pro de 15 polegadas, que tem processador HQ (45W) de seis núcleos. Esses processadores só rodam com poder total em notebooks gamer, esses finos como MacBook Pro e XPS 15 fazem throttling por causa do aquecimento. Um device meio equivalente, como um Surface Pro ou qualquer ultrabook de 13 polegadas, não chega nessa desempenho.

Um notebook de $800 e 15 polegadas com processador HQ deveria ser bem mais rápido que um tablet de 12 polegadas, O que não é o caso, pelo atraso da Intel com sua arquitetura x86.

Matheus Santana

a apple nem fabrica microprocessadores, quem fabrica para ela é a samsung, e outra, isso é so benchmark, não diz quase nada sobre como será o desempenho dele em tarefas...

Ícaro

Depende, se for um notebook da Apple não chega nem perto

Arley Martins

Nao vale o preço cobrado. Apple alucinou no iphone ano passado e esse ano e esta no mesmo ritmo do Ipad tbm, tanto é que as vendas cairão e muito em breve o lucro cairá, pois os endinheirados também vai para de comprar, pois vão ver que não vale toda a fortuna gasta. Tudo é questão de tempo.

Guaip

Eu acho que vamos migrar os PCs para ARM aos poucos também, mas agora acho que o bicho pega ainda.
Esse da Apple é mais rápido que um Intel Core porque tem um hardware e software completamente em sintonia, e por mais que seja multitarefas, ele vai se peidar mais que um Celeron quando várias abas estiverem abertas ao mesmo tempo, incluindo um video do youtube passando no fundo, o Photoshop aberto em outro canto, etc.

Por enquanto parece comparar carro com moto. Uma moto pode até andar mais rápido sendo mais leve e econômica, mas se tiver que levar a família e malas junto, não adianta nem tentar.

Drax

Esse modelo é, na verdade, uma compactação do modelo anterior (que é chamado de FAT) com um leve upgrade no processador para poder fazer upscaling para 4K

João Almeida

cara, vc sabe q o ipad pro é 800 dólares e no maximo de espaço é 1,5k, enquanto pro macbook pro no talo pra chegar perto do ipad pro precisa ter 3k.. kkkk nada ver que vc ta falando. é impressionante por ser altamente eficiente, menor e oferecer um desempenho igual e ate as vezes melhor

Robert Rey

E mesmo assim não aceita nem um simples HD externo para transferência de arquivos!

DeadPull
Segundo a Apple, ele é mais rápido que 92% dos PCs portáteis mais vendidos nos últimos 12 meses.


Deve ser porque 92% dos PCs portáteis (notebooks) vendidos nos últimos 12 meses têm hardware ruim a mediano, e custam bem menos do que esse ipad super caro. Um notebook com faixa de preço semelhante a esse ipad com certeza entrega muito mais desempenho.

Helmut

Concordo que não precisa ser tão compacto pela questão de funcionalidade, porém, acho interessante (e desafiador) conseguir colocar o hardware (+tela) de alta performance em tão pouco espaço.
De certa forma é isso que estão vendendo e acho o preço "ok" para um mercado mais maduro.

Exibir mais comentários