Início » Gadgets » Fossil Sport é um smartwatch com Wear OS e Snapdragon 3100

Fossil Sport é um smartwatch com Wear OS e Snapdragon 3100

Fossil lança relógio de pulso inteligente com Wear OS (antes Android Wear), boa duração de bateria e resistência à água 5 ATM

Por
43 semanas atrás

A Fossil faz relógios de pulso, incluindo smartwatches, para marcas como Diesel, Emporio Armani, Misfit e Skagen. Ela também tem modelos com marca própria; é o caso do novo Fossil Sport, com processador Snapdragon Wear 3100, resistência à água e Wear OS (antes Android Wear).

O Fossil Sport é o primeiro smartwatch da marca a usar o processador Wear 3100, que consome menos energia. Começando em US$ 255, ele também é o primeiro relógio acessível com esse chip (usado no Montblanc Summit 2 de US$ 900).

Este dispositivo possui touchscreen circular e vem em dois tamanhos diferentes: você escolhe entre uma caixa de 41 mm ou 43 mm. São seis cores diferentes: preto, cinza, azul, verde, vermelho e rosa.

Há também 28 pulseiras de silicone intercambiáveis nos tamanhos de 18 mm e 22 mm; todas são resistentes à água. O relógio em si pode ser usado para natação; ele tem resistência à água em até 5 ATM. A Fossil diz que você pode lavar as mãos, tomar banho e pular na piscina “sem medo”.

Fossil Watch tem recarga rápida de bateria e GPS

A bateria de 350 mAh promete durar 24 horas com todos os recursos de smartwatch, mais dois dias em modo de baixa energia que apenas mostra as horas — um total de três dias. A recarga rápida garante 80% de bateria em uma hora.

Ele roda Wear OS e recebe notificações de celulares rodando Android 4.4+ ou iOS 9.3+. Temos ainda um monitor de frequência cardíaca, GPS independente do celular, NFC para Google Pay, e microfone para comandos de voz com o Google Assistente.

O Fossil Sport está disponível para compra e custa US$ 255 nos EUA. A empresa vende smartwatches no Brasil (modelos Fossil Q), mas ainda não trouxe seu lançamento para o país.

Com informações: The Verge, XDA Developers.

Tecnocast 083 – Quem precisa de um smartwatch?

As grandes empresas de tecnologia estão lançando smartwatches há anos. Mas o Android Wear, maior sistema operacional de smartphones, ainda não emplacou nos wearables. O Apple Watch, embora esteja batendo recordes de vendas, não chega nem perto de ser a galinha dos ovos de ouro que é o iPhone. E a Samsung, principal fabricante de smartphones, não lançou nada de sucesso no segmento até hoje.

Mas afinal, quem precisa de um smartwatch? Por que o Android Wear não emplacou até agora? E para que serve um gadget tecnológico no pulso? Dá o play que a gente discute tudo em uma hora: