Início » Celular » Nokia 106 é um celular simples com bateria de 21 dias e jogo da cobrinha

Nokia 106 é um celular simples com bateria de 21 dias e jogo da cobrinha

Nokia 106 tem corpo resistente, lanterna embutida e jogo Snake; HMD Global também vende smartphones Android

Felipe Ventura Por

A HMD Global vem lançando uma série de smartphones Nokia com Android, mas não se esqueceu das origens da marca em celulares simples. O Nokia 106 tem corpo resistente de policarbonato, lanterna embutida, bateria de 21 dias e o jogo da cobrinha.

Claro, como este é um feature phone, ele vem com especificações bem modestas. O Nokia 106 possui tela de 1,8 polegadas com resolução 160 x 120 que não é sensível a toque. Por dentro, encontramos um processador MTK 6261D, 4 MB de RAM e 4 MB de armazenamento interno, o suficiente para até 2.000 contatos e até 500 mensagens SMS.

O Nokia 106 vem com o Snake, famoso “jogo da cobrinha”, e também oferece prévias de títulos como Nitro Racing, Danger Dash e Tetris — mas é preciso pagar por eles. Você controla a interface do sistema operacional Series 30+ com o botão direcional e o teclado alfanumérico.

O destaque fica, é claro, para a autonomia e a resistência física. A bateria removível de 800 mAh promete 15 horas de tempo de ligação e até 21 dias em standby. Ela pode ser carregada pela porta microUSB.

O corpo é feito de policarbonato e “feito para durar”; riscos e arranhões ficam menos perceptíveis porque a cor penetra toda a superfície. Ele está disponível apenas na cor cinza; suas dimensões são 111,15 x 49,5 x 14,4 mm e 70,2 g.

O aparelho tem suporte a dois chips e rádio FM, além de contar com uma lanterna embutida e entrada para fone de ouvido. No entanto, ele só funciona em redes 2G (GSM 900/1800) e não tem câmera.

O Nokia 106 já está à venda na Índia pelo equivalente a R$ 320, mas não espere vê-lo oficialmente no Brasil — a HMD não vende seus produtos por aqui.

Com informações: Nokia, The Verge.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Celso

Interessante que a HMD resgatou essa versão do Snake (se eu não me engano, é o Snake Xenzia, que até onde consta, veio de fábrica pela última vez em um Nokia X1, e que eu tive a oportunidade de jogar pela primeira vez em um 1208, além de ser umas das melhores versões do jogo - se não o melhor), ao invés de incluir uma nova versão do jogo (como fez no 3310 de 2017).

No mais, embora esse aparelho já não tenha mais o mesmo apelo que outrora, é uma pena não vê-lo no Brasil, onde seria uma boa alternativa em meio a opções de fabricantes tão controversas, como Positivo, Multilaser, DL e Lenoxx.

John Smith

Não vou entrar na discussão Nokia x HMD porque já falei muito sobre isso em outros momentos. Mas pesquise e verá que a divisão é mais tênue do que você poderia imaginar.

Corvo

Concordo contigo eu só comentei este caso mesmo pois a única certeza que temos ao sair na rua é que estamos a mercê da sorte, quando esses vermes saem de casa com a intenção de fazer o mal eles fazem independente de qualquer coisa, por isso esse mal tem que ser cortado pela raiz.

Corvo

Aqui em Brasília um garoto morreu essa semana porque não tinha um smatphone bom, tomou um tiro a cara =[

John Smith

Como ele comentou, só comprar aquelas léplicas de iPhone que tem até Android modificado pra imitar o iOS.

John Smith

Dizer que a matéria foi feita apenas por causa do nome Nokia é pura presunção sua. O exemplo que você deu do Positivo, pelo que percebi em seu outro comentário, é meramente por ser um modelo que interessa a você.

O site é sobre tecnologia e isso envolve ir além do nosso umbigo e falar sobre produtos que não são vendidos no nosso mercado. Mercado esse que, diga-se de passagem, é uma bela porcaria. Muita coisa interessante que acontece nesse segmento nem dá as caras por essas bandas.

Ainda bem que não estamos restritos a saber o que se passa somente por aqui.

grande_dino_2

Os relatos que eu li, inclusive por aqui, é que hoje me dia ladrão tem noção do que é celular top e celular pé-rapado. E que se você só tiver um celular pé-rapado, é capaz de levar uns pipocos.

José Carvalho

Ha um tempo atrás, no RJ, um sujeito andava no onibus "dando mole" com uma capinha cheia de tachinhas por dentro, quando o pivete tentava arrancar o telefone da mão do cidadão, saia com a mão com mais furos que o firewall do windows xp

Lucas Santos

Tem que comprar aquelas réplicas pro ladrão achar que se deu bem até levar pro barraco dele.

Cameron Poe

Cabo daciolo curtiu isso (tirando o preço roubado, se fosse mais barato seria um bom "celular pro bandido roubar" aqui)

LuisPauloLohmann

Um celular desses vendido a R$320 mostra que os indianos estão tão f... quanto nós brasileiros.

Maxnoob

Celular de bêbado