Início » Mobile » Instagram remove curtidas falsas e combate serviços que vendem seguidores

Instagram remove curtidas falsas e combate serviços que vendem seguidores

Instagram remove curtidas, comentários e seguidores "fake" que inflam engajamento; ideia é combater apps como InstarocketProX

Por
18 semanas atrás

O Instagram está removendo curtidas e comentários inautênticos, feitos de maneira automatizada para atrair seguidores e inflar o engajamento. Os aplicativos que oferecem esse serviço fazem sua conta agir como um bot, mas precisam usar seus dados de login; por isso, alguns usuários serão convidados a mudar de senha.

Erik Lucatero / curtidas no Instagram / Unsplash

“Começaremos a remover curtidas, seguidores e comentários não autênticos de contas que usam aplicativos de terceiros para impulsionar sua popularidade”, explica o Instagram. Isso será feito através de ferramentas de aprendizado de máquina.

Atrair seguidores no Instagram custa até US$ 45/mês

Como nota o TechCrunch, existem aplicativos que prometem aumentar o número de seguidores no Instagram cobrando entre US$ 10 e US$ 45 por mês. Alguns influenciadores veem isso como algo “necessário” para obter patrocínios, porque as empresas usam esse número como referência.

Serviços como Archie, InstarocketProX e Boostiocharge usam seu nome de usuário e senha para seu perfil agir como um bot. Ele passa a curtir e comentar nos posts dos outros de forma automática, além de seguir contas associadas a determinadas hashtags para que elas sigam você de volta.

Isso, obviamente, viola as Diretrizes da Comunidade e os Termos de Uso. Ao detectar que o usuário contratou um desses serviços, o Instagram vai exibir uma mensagem no feed sugerindo que a senha seja alterada:

Estamos removendo curtidas e seguidores não autênticos

Parece que você compartilhou seu nome de usuário e senha com um aplicativo que oferece seguidores ou curtidas. Estamos removendo atividade desses aplicativos, como novos seguidores, para proteger nossa comunidade contra atividades não autênticas. Altere a senha para impedir que eles acessem sua conta.

Outras redes sociais vêm combatendo atividade inautêntica. O Twitter removeu tantos bots que o número de usuários caiu em 9 milhões no terceiro trimestre. O Facebook, por sua vez, retirou 1,5 bilhão de contas falsas entre abril e setembro.

Mais sobre: