Início » Aplicativos e Software » O que é e como funciona o áudio 3D (espacial) do Windows 10

O que é e como funciona o áudio 3D (espacial) do Windows 10

Usuários do Windows 10 podem curtir suas músicas e games em áudio 3D, sem precisar de fones de ouvido específicos

Por
26 semanas atrás

Você já deve ter ouvido falar de fones de ouvido com áudio 3D: tais acessórios, prometem uma maior imersão na hora de ouvir música ou curtir um filme, mas normalmente eles são muito mais caros do que os fones e headset comuns.

Existe, no entanto, uma solução bem mais acessível. A Microsoft introduziu, no Windows 10, uma solução que emula o áudio 3D por software. Assim, você pode curtir sua biblioteca de músicas de um jeito novo com seus fones do dia a dia.

rinfoto0 / garota com fones de ouvido / áudio 3D

Neste artigo, explicamos o que é áudio 3D, como ele funciona no Windows 10 e o que você deve fazer para ativar a ferramenta.

O que é áudio 3D?

De maneira resumida, o áudio 3D é uma emulação do som ambiente, que conhecemos principalmente da tecnologia de som surround. Nele, utilizamos de seis a oito canais com caixas de som e um subwoofer (respectivamente 5.1 e 7.1) para criar um cenário onde o som de filmes, séries, músicas e games ocupe todo o espaço em que estamos, criando maior imersão.

Existem fones de ouvido surround, compatíveis com som 5.1 ou 7.1 que entregam resultados similares por hardware, mas são muito caros. O áudio 3D preenche essa lacuna criando, através de algoritmos, a mesma sensação de som espacial em qualquer fone, que não precisa ser de primeira linha.

Como o áudio 3D do Windows 10 funciona?

Omar Medina Films / mulher com headphones / Pixabay / áudio 3D

A tecnologia de áudio 3D, presente no Windows 10 através das soluções Windows Sonic e Dolby Atmos (mais sobre elas, a seguir) usa algoritmos baseados em uma técnica chamada função de transferência anatômica, também conhecida como função de transferência relativa à cabeça (na sigla em inglês, HRTF).

Funciona assim: quando uma onda sonora atinge os ouvidos, tudo no caminho causa interferência. Inclusive o formato e tamanho da cabeça, orelhas, canais auditivos, canais nasais e oral, além da densidade do crânio. Tudo isso altera como o som é percebido pelo cérebro, e varia de pessoa para pessoa.

O que esses softwares fazem é “imitar” como um som natural se comportaria, emulando o senso de espaço e variações e aplicando as modificações, via algoritmo no som reproduzido. De forma resumida, os codecs de áudio 3D emulam a sua cabeça (não realmente, é uma estimativa criada por algoritmos), o que se reflete nas alterações de som e como você o percebe, vindo de várias direções e em intensidades diversas.

A tecnologia HRTF é inspirada nas técnicas de gravação binaural, uma forma de capturar sons através de microfones instalados diretamente nos canais auditivos (normalmente de manequins), para criar trilhas e sons que o cérebro percebe como espacial, tridimensional.

Um dos mais recentes exemplos de aplicação do áudio binaural (que não é a mesma coisa que áudio 3D) é o jogo Hellblade: Senua’s Sacrifice. A desenvolvedora Ninja Theory utilizou a técnica para compor as diversas vozes que ecoam na mente torturada da protagonista, cada uma vindo de uma direção e com intensidades diferentes.

Assista o documentário, a seguir, com fones de ouvido (cuidado: ele contém SPOILERS pesados do game, caso você não tenha jogado), e vai ter uma ideia de como o áudio binaural funciona.

De novo: diferente do áudio 3D, que é uma emulação, o áudio binaural utiliza uma técnica específica para a captação do som, e é normalmente empregada em tratamentos de estimulação cerebral. Porém, como já vimos, ela serviu como base no desenvolvimento do recurso que o Windows 10 oferece a todos.

Qual a diferença do Windows Sonic para o Dolby Atmos?

O Windows Sonic é uma solução da própria Microsoft, incluída no Windows 10 de forma totalmente gratuita. A tecnologia é capaz de emular o som surround 5.1 ou 7.1 por software, e mesmo que você use um fone de ouvido dos mais baratos, terá resultados semelhantes aos de acessórios dedicados, de primeira linha.

Já a tecnologia Dolby Atmos, que vem sendo incluída nos mais recentes smartphones de ponta é similar, mas possui alguns recursos extras. Ao ser baseada em objetos, ela executa cada som da direção de onde ele deveria vir, em um espaço de três dimensões.

Assim, o Atmos tende a entregar resultados mais envolventes que o Windows Sonic, ou mesmo o surround tradicional.

No entanto, há limitações: a Dolby oferece o uso do Atmos no Windows 10 como uma cortesia por 30 dias. Após o término do prazo, para continuar a usá-lo é preciso comprar uma licença por US$ 15. Além disso, softwares, músicas, filmes e games precisam ser compatíveis com o recurso, diferente do Windows Sonic.

Eu preciso de um fone especial para ouvir áudio 3D no Windows 10?

Essa é a parte legal da coisa: o Windows Sonic ou o Dolby Atmos não exigem hardware específico para reproduzir áudio 3D. E o que é melhor, qualquer tipo de fone é compatível, respeitando-se as limitações óbvias de cada modelo.

Assim, você pode utilizar desde os caros headphones da Beats, os sempre confiáveis headsets da Microsoft, como o LX-3000 (o melhor amigo de dez entre cada dez podcasters iniciantes) ou até mesmo um fone intrauricular com fio comum, desses que se encontra em qualquer lojinha.

Claro que fones de melhor qualidade entregam resultados melhores, e a recomendação é utilizar produtos de qualidade e com um bom isolamento acústico. Assim, o som em três dimensões será melhor apreciado.

Como eu faço para ativar o áudio 3D no Windows 10?

Windows 10 / menu para ativar áudio 3D

Embora a Microsoft não divulgue muito o recurso (talvez porque o Dolby Atmos é uma tecnologia licenciada), habilitar o áudio 3D é muito simples:

  1. Conecte um fone de ouvido ao computador com Windows 10;
  2. Clique, com o botão direito do mouse, no ícone de som da Barra de Tarefas;
  3. Aponte o cursor do mouse para Som espacial e clique em Windows Sonic para Fones de Ouvido, ou em Dolby Atmos for Headphones.

Simples assim.

Com isso, o Windows vai emular o áudio surround diretamente em seus fones de ouvido, e você poderá curtir suas músicas e vídeos de uma maneira totalmente nova. E o que é melhor, sem gastar um centavo com fones e conjuntos de som dedicados.