Início » Negócios » Uber terá de pagar salário mínimo para motoristas em Nova York

Uber terá de pagar salário mínimo para motoristas em Nova York

A regra imposta por Nova York vale não só para o Uber, mas também para serviços como Lyft, Via e Juno

Victor Hugo Silva Por

Os motoristas que atuam em serviços como Uber e Lyft em Nova York ganharam o direito de receber um salário mínimo. A decisão foi tomada pela Comissão de Táxis e Limusines (TLC, na sigla em inglês) da cidade, que se tornou a primeira a ter uma regra desse tipo.

Com a mudança, Uber, Lyft e outras plataformas deverão fazer pagamentos líquidos de US$ 17,22 por hora (ou US$ 26,51, sem descontos). O valor funcionará como um equivalente ao mínimo de US$ 15 por hora pago aos demais trabalhadores da cidade.

Aplicativo Uber

O pagamento será baseado em uma fórmula que considera a distância percorrida, o tempo de trabalho e a taxa de utilização, isto é, a porcentagem média de tempo que os motoristas da empresa realmente têm passageiros.

Por exemplo, uma corrida de 12 quilômetros realizada em 30 minutos por uma empresa com taxa de utilização de 58% faria o motorista receber um pagamento bruto de US$ 23. A fórmula também prevê um aumento quando os motoristas saírem de Nova York para compensar o retorno à cidade.

A medida deverá fazer o salário dos motoristas aumentar consideravelmente. Um estudo da TLC aponta que atualmente eles recebem cerca de US$ 11,90 por hora. De acordo com o fundador da Associação dos Motoristas Independentes, Jim Conigliaro, Jr., a regra beneficiará 80 mil famílias.

Esse é o número de motoristas que trabalham com Uber, Lyft, Via ou Juno. Para se ter uma ideia, Nova York tem pouco mais de 13,5 motoristas de táxis. Segundo a Reuters, analistas estimam que o Uber em si seria o maior empregador da cidade caso seus parceiros fossem trabalhadores formais.

"Todos os trabalhadores merecem a proteção de um salário justo com o qual se pode viver, e estamors orgulhosos de estabelecer a nova barreira para os direitos dos trabalhadores contratados nos Estados Unidos", disse.

O presidente da TLC, Meera Joshi, afirmou em comunicado que a regra fará os rendimentos médios de motoristas de Uber, Lyft, Via e Juno aumentaram para US$ 10 mil por ano. Ele também exigiu que as empresas sejam mais transparentes sobre suas despesas.

Para o Uber, o estabelecimento de um salário mínimo causará aumento desnecessário no preço das corridas. "As regras da TLC não levam em conta os incentivos e bônus ao forçar as companhias a elevar as taxas ainda mais", disse a empresa.

A Lyft, por sua vez, acredita que a medida representa um passo para trás. "As regras de pagamento propostas pelo TLC vão minar a concorrência, permitindo que certas empresas paguem salários mais baixos aos motoristas e os desestimulem a fazer corridas fora de Manhattan".

A medida começa a valer a partir de 4 de janeiro de 2019.

Com informações: Washington Post, TechCrunch.

Mais sobre: , ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Rodrigo Fante
Foi até mais rápido do que eu previa, não tem mágica, canetada não resolve esses problemas, o correto seria estimular outras áreas para as pessoas terem seus empregos em suas áreas e não precisarem virar uber.
Lord Cheetos
5 meses.https://tecnoblog.net/28796...
Lord Cheetos
5 meses depois dessa lei a Uber limita a quantidade de motorista no app, causando desemprego.Salário mínimo = desemprego pra quem não produz o mínimo.https://tecnoblog.net/28796...
Felipe
Mais a Comissão de Táxis e Limusines também pediu salario minimo para os Taxistas? ou só querem encarecer o concorrente via canetada para criar uma reserva de mercado falsa para os taxistas ?
Boleto
Existe salário mínimo nos EUA? Existe Associação de Motoristas?
Cassio Neves
Espero que não esteja falando do sr PRESIDENTE Jair Bolsonaro.pois se tiver, é uma bela de uma asneira. Esse papo clichê de exterminar pobre nao cola mais, vira o disco amigo.
Marcus Pessoa
Pessoas reclamando de existir um SALÁRIO MÍNIMO.Isso é incrível.Ou melhor, não espanta que essas mesmas pessoas apoiem um bronco fascista que quer exterminar os pobres.
Cassio Neves
O problema é que se não tem regulação, tem exploração. O valor pago pelo uber aos motoristas, segundo muitos dos próprios, principalmente fora dos gigantes centros, não compensa o esforço.Trabalha-se feito louco pra tirar as vezes nem 2.000 no mês. Pode parecer bom, mas se considerar o valor necessário para manter o carro numa condição que propicie a atividade, a depreciação do mesmo, gastos com alimentaçao e combustivel (já que ambos não tem incentivos por parte da plataforma uber) dentre outros gastos, a longo prazo, torna-se inviável.E mais. Quando seu carro se depreciar, e precisar de outro, como vai comprar, se seu ganho é ''a conta'' ?Infelizmente é isso ai. Se o estado não se intromete, o empresário faz o que quer, paga o que quer, e foda-se pra você, trabalhador. Se não quiser tem outros.E se ele entra de mais, o empregador para de empregar, e você também se ferra no fim.O legal é o equilibrio entre os dois. Sem anarquia, sem estado gigante.
Rodrigo Fante
Isso eu concordo plenamente, inclusive apoiaria ativamente.
Rodrigo Fante
Agora chegou onde eu queria, o papel do governo é estimular a indústria, abrir a concorrência, deve sim regular abusos, mas precisa fazer isso de forma moderna e não usar regras de 100 anos atrás com modelos novos.Se o mercado estiver aquecido e todos puderem trabalhar na sua profissão, vai faltar Uber, essa é a forma de melhorar a vida do povo, ajudando empresas e população a se desenvolverem, não acabando com seu meio de renda, mesmo que baixa.E é óbvio que concordo que não é um valor adequado o que Uber recebe, tanto que sempre que uso, acrescento pelo menos 30% a mais no final da corrida, pelo menos, já peguei motorista bom que dobrei a tarifa dele pois merecia. Mas é uma opção quando faltam outras e o governo nada faz por essas pessoas.
ribeiro
Entendo bem o seu ponto de vista, porém temos que ser realistas.Infelizmente muitos ainda tem que se submeter as condições da Uber, alguns ainda consiga algum retorno para pelo menos pagar suas contas, mas é lamentável.Espero que o Brasil venha melhorar com o próximo governo.Mas falar com propriedade que vale apena viver disso, claro que não, INFELIZMENTE com a situação atual ainda é compreensível alguns depender 100% disto, espero que está situação brasileira venha melhorar para todos.
Rodrigo Fante
A opção é melhor? Ficar sem renda?
ribeiro
Valendo apena? kkkkkJamais, muitos falam que vale apena mais não sabe nem a matemática básica.Só louco entra nisso para depender 100% da Uber.Ainda é recomendável para complementar a renda e olhe lá.
Rodrigo Fante
Não, trabalho escravo é um trabalho onde você não pode sair dele, a pessoa que trabalha 12 horas por dia pode e provavelmente vai sair assim que tiver uma oportunidade melhor, deve estar desempregada na busca por outra opção, enquanto isso a única opção que ele tem é ficar sem renda, então o Uber acaba valendo a pena pois ele começa e para quando quiser e com muito esforço ele consegue se manter até poder voltar para sua profissão.
ribeiro
Cara, se for para fazer bico no Uber complementar a renda tudo bem, agora depender exclusivamente da Uber, você precisa nada mais que trabalhar mais de 12 horas por dia, e olhe que mesmo assim não é algo compensador.Isso sim é trabalho escravo.
Rodrigo Fante
Já existem escritórios hoje, em cada cidade, da menor para maior, moro em Londrina, cidade com 500.000hab e aqui eles mantém um escritório com uns 10 funcionários para atender os motoristas locais e fazer controle e administração do serviço na cidade.
ribeiro
Concordo com você, mas essa conclusão das autoridades são baseadas nos direitos fundamentais já existentes, então não deveria ter essa preocupação em "intervenção do estado".
Karlaooo46
o velho papinho do Estado Mínimomas na primeira oportunidade o brasileiro se encosta nelers
ribeiro
Não posso expressar mais a minha opinião?
ribeiro
Claro kkkkk
ribeiro
Claro isso já acontece, rotatividade alta, os que ficam são os que só fazem o extra ou no pior dos casos são que dependem 100% da Uber.
Rodrigo Fante
Eu acho que seria interessante no futuro no Uber ou outro app você poder ter seus motoristas favoritos e pagar mais por eles, ainda, cada motorista poder definir sua tarifa (dentro de um valor minimo atual do uber) e na hora de chamar o app pegar o mais barato ou mais próximo ou o melhor, a depender do que o usuário escolher.
Karlaooo46
onde vc estava em 2008 ?antes disso nem vou me arriscar perguntarporque vc me parece que não prestou muita atenção nas aulas de história
Karlaooo46
amigonão adiantarsdeixo aqui meus parabéns pelo seu posicionamento
Karlaooo46
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkolha os brasileirinhossssssssssssssssssssssssss se achandoo raça
Trovalds
Não quis tocar na parte política da questão mas Nova York tem um prefeito Democrata. E o partido é mais alinhado à esquerda. Por isso vira e mexe saem essas "Leis" que dizem proteger direitos dos "trabalhadores".
ochateador
Não acho que o uber seja trabalho escravo. É apenas a velha lógica do mercado sendo exibida ao vivo e em cores em tempo real para qualquer um ver/observar.Muitos motoristas no aplicativo = divisão maior das receitas = cada motorista tem menor ganho.Pouco motorista no aplicativo = menor divisão de receitas = cada motorista tem maior ganho.Poucos usuários/clientes no aplicativo = menor receita = menor pagamento aos motoristas.Muitos usuários/clientes no aplicativo = maior receita = maior pagamento aos motoristas.A questão é que tem nego/motorista retardado, achando que basta entrar no Uber que ele já vai ganhar 20.000,00 reais por mês com pouco esforço. Essa época já passou e talvez não volte mais, com sorte é possível ganhar uns 3.000,00 por mês (e boa parte disso vai embora em combustível, manutenção do carro).
ochateador
Também, com o tanto de usuário e motorista fazendo acordo por fora e não usando o aplicativo.Difícil saber onde tem que melhorar o serviço aqui no Brasil se o povo não usa o aplicativo (conheço 2 pessoas que fazem esse acordo por fora).
Lean Freitas
Daqui a pouco algum deputado idiota deverá apresentar um projeto parecido, e os taxistas que adorarão.
Rafael Hoff
Teu ponto não está incorreto. Mas o motorista aceita o preço porque quer, o mercado tende a se regular. Ele tem toda liberdade de possuir um veículo mais econômico ou viver de outra profissão. Não é unanimidade, muitos acham justo o preço. Lembrando que 2017-2018 foi a pior crise de desemprego brasileira.
Rafael Hoff
O governo se intrometendo na economia e estragando o fluxo do capitalismo. Tão inútil como essa notícia que visa ganhar alguns clicks, e acabará estimulando que alguns vagabundos visem lucrar em cima da Uber. Só para ressaltar para quem estiver lendo esta mensagem e estiver pensando em entrar com processo: as leis trabalhistas mudaram em 2017, tem muito colaborador perdendo ação trabalhista e precisando indenizar o empregador pelas custas processuais.
DanielBastos
Se(ainda sou cético) e quando ouver os carros autonomos de fato, aposto que o salario minimo pra motorista robo continua.O objetivo nuca foi melhorar a vida do motorista, mas limitar a empresa e cobrar imposto. Esse lance de "proteger os mais pobres" quase sempre é discurso com segundas intenções.
Tobias
"Nova York tem pouco mais de 13,5 motoristas de táxis."Quer dizer que são 13¾ taxistas na cidade, levando em conta que o 14º é caolho e perdeu um braço?
Carlin
Longe de defender a Uber e tantas outras do ramo pelo seu modelo de negocios mas, “Todos os trabalhadores merecem a proteção de um salário justo com o qual se pode viver, e estamors orgulhosos de estabelecer a nova barreira para os direitos dos trabalhadores contratados nos Estados Unidos” CONTRATADOS!? HAHAHAHA"Não podemos/queremos concorrer com eles, mas vamos dar um jeito de tornar a vida deles mais difícil!" parece até o Brasil!
Porto Velho
Se os motoristas se submetem a receber migalhas o problema é único e exclusivamente deles.
Porto Velho
Mas nessa lógica taxista que usa aplicativo de terceiros pra conseguir corridas é empregado ou continua autônomo?
Gabriel Arruda
Um bom artigo sobre o tema do Guardian: https://www.theguardian.com...Não é claro os impactos do salário mínimo na macro-economia, exceto o imediato para o trabalhador. A reportagem é sobre o aumento em Seattle para $15,00 que antes era $7,25...Nova York irá testar no final. Pessoalmente, duvido que em Manhattan faltará demanda, mesmo com incremento de preço...mas vamos aproveitar para ter mais evidências.e menos teoria sobre o salário mínimo.
Douglas Lima
Esse é o número de motoristas que trabalham com Uber, Lyft, Via ou Juno. Para se ter uma ideia, Nova York tem pouco mais de 13,5 motoristas de táxis.Acho que tem mais de 13!
Cortana ✔
País comunista é phoda!
Dayman Novaes
Pacífico no sentido de não haver nenhuma agressão direta. Não defendo agressões contra pessoas pacíficas, só isso.Se teve algum caminhoneiro violando outras pessoas pacíficas, acho errado, fora isso, tudo certo.
Dayman Novaes
Como assim liberdade pra limitar? São duas palavras com significados opostos, uma não pode gerar a outra.Talvez depende do que você esteja chamando de "limitação", porque regulação é uma forma coercitivo de limitação de liberdade (ou a empresa age da forma que o estado define, ou a polícia vai fechar a empresa, se o dono resistir ele é preso, se ele resistir ele é morto).E amigo, sei que existe miséria e fome, eu faço a minha parte para tentar diminuí-la no mundo e ajudar essas pessoas. Só não acho correto obrigar pessoas pacíficas a fazer isso também, você não acha?
Dayman Novaes
Oi amigo, eu diria que eu vivo tentando discutir novas ideias e aprender com os outros. Não sei exatamente o que você quis dizer com retórica nesse contexto, desculpe se te ofendi de alguma forma, nunca tive essa intenção.Mas sinta-se à vontade para rebater minhas ideias e vamos assim aprendendo juntos.
Eduardo Braga
Parece que ninguém entende que a proposta do Uber era ajudar as pessoas a ganharem um dinheiro a mais. Não ser um emprego. Nem os motoristas e nem o governo entende isso.
Gustave Dupré
Ganhar dinheiro nem sempre está relacionado com lucro.Como disse o Gabriel Silva, diretor financeiro do Nubank:O foco da empresa, por ora, está mesmo no crescimento acelerado. É uma estratégia adotada por várias startups: crescer expressivamente e depois se preocupar com as receitas.
nice guy
Nova York tem pouco mais de 13,5 motoristas de táxis.🤔
Krosna Terrestre
bizarrice não, é o futuro. Os planos da uber são coisas de 20 anos ou mais.
Eliézer José Lonczynski
Quis dizer que vai forçar outros meios de transporte enfraquecendo estes atuais.
OMeliante
Eles receberão então férias, 13, direito a afastamento médico etc então?
Trovalds
Em menos de 10 anos isso tudo vai ser coisa do passado. O Uber desde sempre foi pensado como um modal com veículos autônomos (sem motorista). Ela teve que se lançar da forma que é hoje pra poder ter algum capital próprio (e MUITA informação). Esses cercos aqui e ali só vão fazer a empresa forçar o lobby do veículo autônomo ainda mais. E quem hoje tem a mão do Estado pesando a favor vai ficar sem o que fazer e o Estado com cara de bobo por intervir em algo que deixou de existir.
Silvio Ney
Hilário, um serviço de tamanha capacidade, o gasto exorbitante com N coisas, nunca deu lucro algum e ainda tem gente pra falar que quem ganha dinheiro mesmo é o Uber e não o motorista bla bla bla
Silvio Ney
Você precisou do dicionário ou wikipedia pra falar tamanha merda ou foi pura imaginação mesmo? Parabéns, dá pra concorrer com a Disney
Baio-kun
Que diferença faz ser um aplicativo de carona? A partir do momento que você trabalha o quanto quiser e quando quiser você é um profissional autônomo.
Pedro Paulo Fae Braz
Obrigado pela informação acima, apesar de ter conhecimento do administrativo, P&D, marketing, comercial, jurídico, não sabia sobre a abertura de escritórios. Isso já acontece ou seria a partir do vinculo empregatício? E não, não tenho duvida.
Pedro Paulo Fae Braz
Sim, a Uber já deve ter seu próprio calculo de quanto pensa em passar pro motorista, essas normas devem sim encarecer os presos aos usuários. Só resta assistir como que a concorrência vai lidar com isso.
Pedro Paulo Fae Braz
Sim, Concordo que muitos taxistas contratados trabalhem de forma Irregular, pelo menos aqui no Brasil.
Lord Cheetos
Se a Uber ficasse com uma porcentagem grande de lucro para se investir em outras tecnologias, outras empresas como a própria Lyft iriam ter preços mais em conta do que a Uber ja que ela não investe em carros autônomos.
Rodrigo Fante
Tem custo de manutenção do aplicativo, da empresa, administrativo, P&D, marketing, comercial, juridico(bem alto), aí tem em cada cidade que ela opera em menor escala todos esses custos acima, pois ela abre um escritório, mesmo nas menores cidades.Então não é só por um app na app store.Aí vem o custo que ela calcula que terá para manter cada motorista, cota que repassa e pega deles, etc, com o salario fixo, esse custo será adicionado, ela não vai tirar do lucro da corrida, não vai tirar de P&D, é o que qualquer empresa faz, é economia básica. 1.0.0.Vai impactar nas tarifas, não tenha dúvida disso.
Pedro Paulo Fae Braz
Muita bizarrice.
Pedro Paulo Fae Braz
Que custo? Você realmente acredita que não paga o suficiente na corrida pra pagar a hora do motorista e sobrar pra Uber. A Uber tem um custo fixo pra manutenção do aplicativo, qualquer dólar que ela receber a mais que isso é lucro.
Rodrigo Fante
Sou usuário sim, mas pagaria tranquilamente mais para melhorar as condições deles, sempre falo isso pra eles e sempre acrescento valor no final para ficar mais justo;Agora, quando provei que seu argumento estava incorreto, você me atacou pessoalmente no lugar de manter o debate e usar argumentos válidos.Não acho certo pessoas ganharem pouco, mas devemos lutar para melhorar as condições gerais do mercado, porque acabar com canetada com uma renda, mesmo que pequena das pessoas, não vai melhorar nada para ela, apenas piorar.
Diego Nascimento
Que bizarro! Se outras cidades também aderirem o Uber não vai durar muito tempo. 😢
Rodrigo Fante
De forma irregular, fora da CLT...
Dayman Novaes
Sim, é ruim para a humanidade OBRIGAR empresas de transporte a pagar mais aos motoristas, porque isso faz com que seja cada vez mais difícil empreender no mercado, diminuindo a velocidade de inovação e sendo pior para a humanidade a longo prazo.É o mesmo argumento.Para a Uber é fácil aceitar a imposição do estado. Mas e uma empresa pequena que quer entrar no mercado, mas não tem condição por causa das imposições do estado? Resultado: menos concorrência a longo prazo, menos inovação tecnológica, pior pra todo mundo.
Pedro Paulo Fae Braz
A maioria dos taxistas trabalham como autônomos ou em associação/cooperativa. Os empregados, trabalham sim por hora, contadas a partir do taxímetro.
Eduardo Martins
Você deve ser apenas um usuário defensor desta tarifa irrisória que não sabe como funciona na prática. Não se preocupe quando esta desvalorização da mão de obra te afetar.
cmenemrs *
Carro autônomo. Acorda, observe a realidade.Apenas uma bizarrice.
Rodrigo Fante
Também, mas você acha que ela não vai repassar o aumento de custos?
cmenemrs *
Além de carrascos .. são em grande maioria ignorantes. Não observam a realidade o minimo possível. Parece que não se situam, não veem o nível tecnológico que temos. Não entendem as relações de trabalho, muito menos como funcionam os impostos no Brasil. E ainda puxam saco para empresas, inclusive muitas de outros países. Qual o nível de segurança seja no Uber ou em outras empresas, zero. É que nem rede social, zona.Exploração do trabalhador entre outras coisas que carrascos adoram bostejar por ai.
Pedro Paulo Fae Braz
Agora tem gente falando que vai ficar caro andar de Uber, que ela vai empregar menos, mimimimi.Gente, a Uber esta investindo em carro autônomo, linha de ônibus e o ca**lho a quatro. Ela não fecha as contas no vermelho por que paga bem aos motoristas, mas sim por que investe o dinheiro que os motoristas fazem com coisa que só interessa a ela.
Bruno Rodrigues Batista
De fato Uber é um aplicativo, mas o profissional que trabalhar através do Uber é autônomo.
ribeiro
Exato, porém se você estudar um pouco das leis vai perceber que os direitos já adquiridos jamais poderão ser extintos.Em relação a tecnologia, questionei quando você falou que seria ruim para humanidade impor direitos básicos aos motoristas, porém agora você mudou o argumento.
Dayman Novaes
Errado. Essa regulação não é apenas para Uber e Lyft, é para todas as empresas do mesmo ramo. Ou seja, uma empresa nova e pequena irá precisar arcar com os mesmos custos que a Uber, que já é enorme. Ou seja, muito mais difícil de competir.Ou seja, menos serviços paralelos e manutenção de oligopólios.
Rodrigo Fante
Veja com o governo classifica eles.Aqui, do uber citando a classificação do governo:https://www.uber.com/pt-BR/..."transporte individual privado"
Rodrigo Fante
Não sabia que eles eram obrigados a trabalhar, coagidos, ou que eles tem uma dívida impagável com o Uber que não lhes permite sair de onde estão, ou qualquer forma dessas que classificaria como trabalho escravo.Eles ganham pouco e ponto, mas pra eles é a alternativa mais viável, se ficar sem trabalhar fosse melhor já teriam saído.
Eduardo Martins
Leia no próprio site da uber como eles classificam os parceiros e como eles classificam o App deles.
Dayman Novaes
uai... com o avanço da tecnologia todos os preços de tudo, inclusive do transporte, produção de alimentos, saúde, educação, vão ficando mais baratos, e as pessoas têm condição de ter mais, trabalhando menos. Hoje uma pessoa consegue trabalhar 40 horas por semana e ter uma casa, comida, transporte, energia elétrica, internet.Houve uma época que você precisava trabalhar 80 horas por semana só pra produzir seu alimento. Há lugares que são secos e que as pessoas precisavam andar centenas de quilômetros para conseguir água, hoje existem tecnologias de transporte mais eficiente, existem métodos de filtragem de água mais eficientes, e essas pessoas não precisam se esforçar tanto para conseguir água. Só alguns exemplos.A tecnologia não beneficia só alguns, beneficia a todos.
ribeiro
@rodrigofante:disqus Submeter a um trabalho escravo em pleno século 21 não é pra qualquer um.Essa questão que não existe oportunidade no Brasil já é outro fator que podemos entender muito bem se analisarmos a políticas dos últimos 20 anos.
Rodrigo Fante
Pergunta pro motorista daqui 6 meses o que ele preferia, ganhar pouco ou ganhar nada.
Rodrigo Fante
Não, Uber é um profissional autônomo igualmente, classificado inclusive no Brasil como transporte individual privado.
Eduardo Martins
Só quem reclama é os usuários carrascos que não pensam no próximo. No coitado do motorista que se mata horas trabalhando e não tem um salário digno... Boa parte dos seres humanos são umas desgraças que olham apenas pra si mesmos.
Lord Cheetos
Não, essa lei vale para todo serviço de carona.
Rodrigo Fante
Ora, e você sabe melhor que os motoristas da vida deles sobre o que lhes é favorável, vamos deixar na mão do estado, ele sabe bem, afinal entrega bons serviços.Concordo que Uber ganha pouco, mas só funciona por isso, e da uma grande ajuda quando alguém está desempregado ou na faculdade, até mesmo como ganho extra. Como emprego normal ganha-se pouco e para maioria não vale a pena, mas quando a opção de muitos é passar fome, começa a valer a pena.Então é aquilo, na sua opinião é melhor 80.000 sem emprego do que 80.000 ganhando o que VOCÊ considera pouco.
Eduardo Martins
Nao tem comparação de táxi com uber... táxi é um profissional autônomo. Uber é um aplicativo de carona.
Dayman Novaes
Aí tudo bem, porque é pacífico e não obriga ninguém a fazer nada. Só sou contra alguém obrigar outra pessoa a fazer algo.
Lord Cheetos
A empresa existe porque se tem interesse dos investigadores, que acreditam em algum lucro no futuro, com essa medida pode ter certeza que eles acreditam menos nesse lucro. Se essas empresas morrerem so vai sobrar taxi.
Eliézer José Lonczynski
So vai fazer com que apareçam outros serviços paralelos com maior concorrência de preços.
ribeiro
"Humanidade"Em breve os motoristas serão substituídos pela IA, e então?Todos devem se qualificar e não ficar na mesmice.Ai você vai falar, ah no Brasil não tem oportunidade, esse já é um outro problema.
ribeiro
Não, a lógica seria todos os motoristas pararem de rodar em forma de protesto e reivindicar uma maior rentabilidade.
ribeiro
Então é um projeto não rentável para ninguém, deveria deixar de existir.Basta observar a rotatividade dos motoristas, caem na ilusão de ganhar dinheiro mas na verdade acabam pagando para trabalhar.
Isaac
"A decisão foi tomada pela Comissão de Táxis e Limusines"tá explicado kkkkk
Dayman Novaes
Então o correto é colocar uma arma na cabeça do dono da Uber, sob ameaça de fechá-la e obrigá-la a pagar mais para motivar os motoristas. Parabéns pela lógica.
Baio-kun
Curiosidade. Taxista recebe salário mínimo?
Lord Cheetos
Ganhando dinheiro pra dedéu mesmohttps://www.tecnoblog.net/2...
Dayman Novaes
É bom a curto prazo e pra algumas pessoas apenas. É ruim pra toda a humanidade a médio e logo prazo.
Rodrigo Fante
Não existe FGTS la, quando trabalhei la era tudo contrato de trabalho amigo, você ganha o que trabalha e quanto sai, simplesmente sai.Ainda, com esse custo a mais, vai encarecer, é lei de mercado, se ficar caro, as corridas caem, caindo o Uber não vai conseguir manter os motoristas, a maioria ficará sem nada.
Baio-kun
>quem está ganhando muito dinheiro é a Uber.Falou pouco e falou merda.
Dayman Novaes
Há quem diga que regulações são boas... só se for para dificultar a barreira de entrada no mercado e manter monopólios. E para causar desemprego, como já estão comentando aí.Parabéns quem apoia qualquer tipo de regulamentação estatal e que acaba legitimando essas coisas bizarras.
Lord Cheetos
O "produto" vai ficar caro, a demanda vai cair, e o preço não vai poder ser alterado (pra baixo), logo vai ser mais difícil para um motorista encontrar uma corrida.
ribeiro
Exato como vai ter qualidade se os motoristas já ficam desmotivados pela baixa rentabilidade.
Emmanuel Carvalho
"A decisão foi tomada pela Comissão de Táxis e Limusines da cidade..."Quase parei de ler o artigo nessa frase.
Exibir mais comentários