Início » Celular » Nokia 8.1 é oficial: celular traz tela com notch e chip Snapdragon 710

Nokia 8.1 é oficial: celular traz tela com notch e chip Snapdragon 710

Versão internacional do Nokia X7 (modelo chinês), Nokia 8.1 é um intermediário premium que também se destaca por contar com o Android One

Emerson Alecrim Por

Depois de muitos rumores, o Nokia 8.1 foi finalmente revelado. Como prometido, a HMD Global, empresa que atualmente produz os smartphones com a marca Nokia, fez o anúncio oficial do aparelho na quarta-feira (5). A tela com notch e o processador Snapdragon 710 estão entre os seus atributos.

Nokia 8.1 azul

Na verdade, o Nokia 8.1 não é exatamente novo. O modelo é a versão internacional do Nokia X7, intermediário que foi anunciado em outubro para o mercado chinês. Por conta disso, os dois celulares compartilham do mesmo design e praticamente da mesma ficha técnica:

  • Processador octa-core Snapdragon 710;
  • Tela IPS LCD de 6,18 polegadas com notch, 2246×1080 pixels;
  • 4 GB ou 6 GB de RAM;
  • 64 GB ou 128 GB de espaço interno para dados;
  • Câmera traseira dupla de 12 + 13 megapixels com lentes Zeiss;
  • Câmera frontal de 20 megapixels;
  • Bateria de 3.500 mAh com recarga rápida;
  • Android 9.0 Pie (O X7 vem com Android 8.1).

A HMD Global fez um pouco de confusão com os nomes. A companhia tem mesmo o hábito de dividir as suas linhas em versões chinesas e internacionais, mas quebrou a sequência de nomes que vinha usando até então.

Essa sequência começa com o Nokia 5.1 Plus, que corresponde à versão global do Nokia X5, modelo destinado à China. Da mesma forma, o Nokia 6.1 Plus é a versão internacional do Nokia X6. Era de se esperar, portanto, que a versão global do Nokia X7 fosse batizada como Nokia 7.1 Plus, mas a HMD decidiu nomeá-lo como Nokia 8.1 (sem o ‘Plus’).

Nokia 8.1 cinza

Imagens de divulgação que vazaram na semana passada sugeriam que Nokia Phoenix seria outro nome possível para o modelo, mas, pelo jeito, essa ideia não foi levada adiante ou a denominação vai ser adotada apenas em alguns mercados: há apenas uma menção a ela no comunicado de imprensa da HMD Global.

Voltando às especificações, dois detalhes chamam atenção no Nokia 8.1. Um é o processador: o smartphone aparece como um dos primeiros a contar com o Snapdragon 710, chip de categoria intermediária que a Qualcomm anunciou em maio e que promete mais desempenho em aplicações auxiliadas por inteligência artificial, como assistentes de voz.

O outro detalhe é a tela. Além das características já mencionadas, ela traz suporte ao padrão HDR10 e vem com a tecnologia PureDisplay, da própria HMD Global, que proporciona cores mais intensas, mais contraste e mais brilho. A tecnologia PureDisplay apareceu primeiro no Nokia 7.1.

Vale destacar ainda que o Nokia 8.1 é baseado no programa Android One, característica que, essencialmente, indica que o sistema operacional vai receber atualizações de versão por pelo menos dois anos e correções mensais de segurança por três anos.

As vendas do Nokia 8.1 começam neste mês, inicialmente pela Europa. Por lá, o aparelho custará a partir de € 399.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Celso

Além de que se esperava que o Nokia X7 chegasse como 7.1 Plus.
Pois é estranho ver uma aparelho Nokia 8.x com processador da Qualcomm que não é um Snapdragon 8xx.

Celso

Culpa dos leigos, que não "largam o osso" de Samsung e Motorola.

Jairo ☠️

Está fácil de importar , até via Paraguai

Jairo ☠️

Deu um baile na tradicional Sony

Jairo ☠️

Symbian até concordo , foi um excelente OS , mas o tetris phone , pff

Mickão

É triste ver esses aparelhos bacanas sendo lançados fora e aqui ter que aguentar a Samsung lançando Galaxy J2 Core.

Gertrudes, a Lhama

Saquei. Pelo que eu tinha visto no site global deles, era assim:

Quanto maior o número, maior o "poderio" do aparelho:
Nokia 1, 2, 3, 5, 7, 8

A segunda geração chega com o ".1" depois
Nokia 3.1, 5.1, 6.1, 7.1

Alguns recebem o modelo "Plus" com tela maior
Nokia 7 Plus, 6.1 Plus

E tem o 8 Sirocco, que aparenta só ter sido uma tentativa de criar um aparelho de luxo pra um nicho pequeno. Não consideraria ele parte da linha principal.

Diego F. Duarte

Pra caramba! Eu compraria um cegamente se voltassem a vender no BR, mas por alguma razão ela tem evitado a AL como se evita a praga.

Enquanto isso, ela vende ate pros EUA, q era o pior mercado da Nokia antigamente.

Diego F. Duarte

Na vdd nao, o 7.1 por exemplo tem 2 versoes nos EUA. Tava olhando um pra comprar na Amazon e a nomenclatura desses aparelhos simplesmente n faz o menor sentido.

Mesmo a galera do YT daki q faz os reviews tem uma certa dificuldade p explicar o versionamento dos aparelhos. Pra nao dizer q a Nokia tá com uma pessima mania de simplesmente nao divulgar as specs do radio dos aparelhos, o q torna BEM dificil levar um pro Brasil, pois vc nao sabe se ele vai funcionar plenamente no 4G.

farley ferreira silva

pode ser boa do jeito que for , mas so compro nokia com simbiam ou windows phone , nokia ainda vai volta aos tempos aureos quando voltar a rodar com windows

windows phone forever ...................

Agnaldo Nunes

A tendencia certa e positiva da Apple que é manter celular pequeno ninguém quer seguir. se ele fosse 5.8 com notch pequeno igual do antecessor seria mais interessante na minha opinião. AFF

Gertrudes, a Lhama
A HMD Global fez um pouco de confusão com os nomes. A companhia tem mesmo o hábito de dividir as suas linhas em versões chinesas e internacionais, mas quebrou a sequência de nomes que vinha usando até então.

Se desconsiderar os nomes chineses, que é um mercado a parte, a linha faz bem mais sentido, não?

Gertrudes, a Lhama

O notch é exageradamente grande, mas pelo que vi ele é "apagado" por padrão, o que é bom.

Um desses com traseira de policarbonato seria show

Gertrudes, a Lhama

Tá entre as 10 marcas mais vendidas do mundo, e a tendência é subir mais ainda, pois estão crescendo pra caramba. (está como HMD na tabela)
https://www.91mobiles.com/h...

Ramon

Nokia ainda desperta interesse?