Início » Celular » Os melhores celulares até R$ 1.000 em custo-benefício de 2018

Os melhores celulares até R$ 1.000 em custo-benefício de 2018

Listamos os cinco melhores celulares até R$ 1.000, com uma boa relação entre custo e benefício; modelos são acessíveis e possuem performance decente

Por
44 semanas atrás

Você não quer gastar muito? Então é hora ver os melhores celulares por até R$ 1.000 comercializados no Brasil; simples e baratos, possuem uma série de vantagens mas também alguns pontos negativos, característicos de modelos de entrada voltados às categorias C e D. Tais aparelhos também são procurados também por aqueles que desejam ter um celular reserva, logo, eles vendem muito bem e são fáceis de achar.

Mas, qual é o melhor por até R$ 1 mil? É possível unir os lendários “bom e barato“?

Niekverlaan / homem com smartphone na mão (detalhe) / Pixabay / melhores celulares até 1.000

Neste guia, nós listamos os cinco melhores celulares até R$ 1.000 de 2018, com a melhor relação custo-benefício segundo a equipe do Tecnoblog. Eles se encontram em ordem decrescente, da maior para a menor nota final, com as notas individuais servindo como critério de desempate.

Em cada item, você confere o link para o review em texto de cada smartphone, além de poder assistir ao review em vídeo.

1. Xiaomi Mi A1 (nota: 8,4)

Apesar de ter a mesma nota final que o Galaxy J7 Pro, o Xiaomi Mi A1 ficou em primeiro no critério de desempate (uma nota 10, duas 9, três 8 e uma 7, contra dois 9, quatro 8 e um 7). Ele é o único dispositivo da que não é vendido oficialmente no Brasil, tendo que ser adquirido através de importadoras, por um preço em torno de R$ 700, no modelo de cor  preta, com 4 GB de RAM e 32 GB de espaço interno.

Nas palavras do Paulo Barba, o Mi A1 fica entre os melhores celulares até R$ 1.000 de 2018 graças à boa experiência de uso com o Android One, ainda que não 100% puro, e a uma boa performance geral (a menos que você exija demais dele) e do conjunto principal duplo de câmeras. Pesa contra ele, entretanto, uma autonomia de bateria não muito boa.

O comprador também deve ficar atento à Receita Federal, que não só pode taxar o produto em até 60%, como prevê a Lei, como está retendo celulares e eletrônicos importados, e exigindo o pagamento adicional de R$ 200 para homologação dos mesmos para uso particular no Brasil. Assim, o preço médio pode passar do limite de R$ 1.000.

No fim, fica por conta e risco do comprador.

2. Samsung Galaxy J7 Pro (nota: 8,4)

O Galaxy J7 Pro, por sua vez quase não entra nesta lista. Ainda que ele tenha sido lançado lá fora em meados de 2017, ele chegou ao Brasil em outubro do mesmo ano, e foi um celular que vendeu muito bem por aqui no primeiro semestre de 2018.

De acordo com Emerson Alecrim, o Galaxy J7 Pro representou uma evolução da linha de entrada da Samsung, com uma boa tela, um hardware interno bem decente, que entrega uma performance satisfatória e um acabamento mais caprichado.

Ainda que ele sofra do mal do “Mais do Mesmo”que acomete a fabricante (todos os seus smartphones mais básicos são muito parecidos entre si), ele figura entre os melhores smartphones de até R$ 1.000 de 2018 pelo conjunto da obra.

O Galaxy J7 Pro pode ser encontrado na rede varejista, em algumas promoções ocasionais por valores entre R$ 849 e R$ 999, ficando também no limite estabelecido neste guia. Em situações normais, seu preço médio é de R$ 1.149.

3. Motorola Moto G6 (nota: 8,1)

O sexto modelo padrão da linha Moto G evoluiu bastante em comparação aos modelos anteriores, ao ponto do Moto G6 quase não ser mais considerado um smartphone intermediário. Mas, de acordo com Paulo Higa, ele possui uma série de pontos negativos, como um foco de câmera lento e pouco preciso e uma certa dificuldade para abrir apps, mesmo os triviais. Seu “irmão” Moto G6 Plus não sofre desse mal, mas ele é bem mais caro.

É um celular que tenta seguir a tendência do mercado, mas a Motorola errou em alguns pontos e por R$ 1.299, que era o preço sugerido original, ficava difícil recomenda-lo. Porém, desde então os valores caíram bastante.

Hoje, ele pode ser adquirido com certa facilidade por um valor mais civilizado, em torno de R$ 899, o que o fez cair para dentro do limite, e assim, entra para a lista de melhores celulares até R$ 1.000 de 2018.

4. Motorola Moto E5 Play (nota: 8,0)

O Moto E5 Play é um produto naturalmente dentro da categoria de celulares até R$ 1.000, mas mesmo estando entre os melhores do ano, ele não é lá grande coisa. Segundo Alecrim, a performance geral é regular e ele mal encara apps mais pesados, ou jogos. Também, com um Snapdragon 425 e apenas 1 GB de RAM, não dá para fazer milagres.

Rodando Android Go, o Moto E5 Play foi o lançamento de 2018 da Motorola para consumidores de baixa renda, que não podem arcar com gadgets mais caros, ou para os que gostariam de ter um celular reserva. No entanto, o valor sugerido de R$ 799 era injustificável pelo que ele entrega.

Hoje ele já custa em torno de R$ 600, mas ainda é um produto que merece uma maior atenção antes de ser adquirido.

5. Samsung Galaxy J4 (nota: 7,9)

A Samsung também lançou um smartphone bem básico em 2018. O Galaxy J4 é, nas palavras de Alecrim, um celular que faz sentido para quem não quer ou não pode gastar muito, embora tenha uma performance limitada que irrite geeks em geral. Ele possui pontos bem negativos, como não ter leitor de impressões digitais ou sensor de luminosidade (culpa de um design antigo), mas possui uma boa tela e câmeras.

O Galaxy J4 chegou ao Brasil custando R$ 849 no modelo com 16 GB de espaço interno, e R$ 999 na versão com 32 GB, ambos valores incompatíveis com o que o consumidor está levando para casa, ainda que fique originalmente na faixa de celulares até R$ 1.000.

Hoje, no entanto ele pode ser considerado um dos melhores, podendo ser adquirido por valores respectivamente em torno de R$ 589 e R$ 649, o que o coloca em vantagem quando comparado com outros celulares desta lista.

Como comprar celulares até R$ 1.000 com desconto?

Extensão Assistente de Compras do Tecnoblog / melhores celulares até 1.000

Você pode utilizar a nova extensão do Tecnoblog para economizar alguns caraminguás na hora de trocar de aparelho. Ela tem um módulo Testador de Cupons que busca e aplica o maior desconto disponível na internet no seu carrinho de compras. É tudo automático, então qualquer um consegue utilizar, e é completamente grátis!

Extensão Assistente de Compras do Tecnoblog / melhores celulares até 1.000

Outro recurso muito legal é histórico de preços. Quando você acessar a página de um smartphone, por ex, a gente já consegue te dizer se ele está com um preço legal. Esse recurso te ajuda a não cair em nenhuma “promoção”, dessas que oferecem tudo pela “metade do dobro”. Tenho certeza que vai ser muito útil em datas especiais, como na Black Friday.

Curtiu? Então instale já. 😉