Início » Telecomunicações » Você não precisa mais comprar um chip para ativar linhas da T-Mobile e Verizon nos EUA

Você não precisa mais comprar um chip para ativar linhas da T-Mobile e Verizon nos EUA

Chip virtual permite contratação do plano diretamente com a operadora, sem a necessidade de ir à loja; Verizon também possui app

Lucas Braga Por

A operadora americana T-Mobile lançou na segunda-feira (17) o aplicativo T-Mobile eSIM na App Store, que permite adicionar uma linha móvel sem depender de um SIM card físico. A novidade é exclusiva para donos de iPhone XS, XS Max e XR, que contam com a nova tecnologia.

Isso é útil para estrangeiros que visitam os Estados Unidos, pois é possível ativar um plano da operadora local sem precisar se dirigir à loja ou comprar os chamados chips de viagem, que empresas vendem diretamente no aeroporto ou enviam aos clientes pelos Correios.

Só é possível ativar novas linhas e apenas de planos pré-pagos. Veja as opções da T-Mobile:

  • Tourist Plan: 2 GB de internet, 1.000 minutos de voz e SMS ilimitado por US$ 30, válidos por 21 dias
  • Simply Prepaid: 10 GB de internet, chamadas de voz e SMS ilimitados por US$ 40, válidos por 30 dias
  • T-Mobile One: internet ilimitada, chamadas de voz e SMS ilimitados por US$ 70, válidos por 30 dias

Além da T-Mobile, as operadoras Verizon e AT&T também suportam eSIM, com a ativação sendo feita diretamente pelo app das operadoras. Com apps disponíveis na App Store brasileira, a T-Mobile e a Verizon são as opções mais fáceis para quem viaja ao exterior e não abre mão do conforto de ter internet móvel disponível a qualquer momento. Veja os planos da Verizon:

  • 3 GB de internet, minutos e SMS ilimitado: US$ 35 + impostos por mês
  • 8 GB de internet, minutos e SMS ilimitado: US$ 45 + impostos por mês
  • Internet ilimitada, minutos e SMS ilimitados: US$ 65 + impostos por mês

Depois de baixar o app, o cliente escolhe o plano, preenche seus dados e recebe o novo número. Por enquanto, clientes da T-Mobile de planos pós-pagos e pré-pagos já existentes não podem incluir a própria linha no eSIM. A Verizon também permite apenas ativação de novas linhas.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Caroline Lourenço

N falaram da AT&T, tem como mudar o e-sim de um iPhone pra outro?

Tatiana Genaro

Alguém sabe se no iPhone X é compatível?

disqus_FVVI7XUmlI

filipeespsito no but

Kabrok ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

Sim.

Paulão da Regulagem

e-SIM aliado à possibilidade de um smartphone só ser desligado após digitar sua senha (assim como acontece para liga-lo), seriam uma mão na roda contra o roubo de aparelhos.
O bandido não conseguiria desliga-lo nem retirar o chip, mantendo a localização ativa até que a bateria descarregasse..

pedrowillyam

Isso da Claro deve ser por causa da proibição no Brasil por parte da ANATEL de dois aparelhos terem o mesmo número, né?

marcos_5000

O "sim" é porque pode, ou porque você sabe? kspakposka

Filipe Espósito

Isso, a Claro já oferece o eSIM para o Apple Watch no Brasil. Mas é um pouco diferente da forma como é no iPhone. No Watch, ele apenas "clona" o chip principal que está no iPhone, aí você paga uma taxa mensal pelo serviço (que no caso é o Claro Sync).

Swordfish

Acho que no Brasil somente a Claro no momento oferece suporte.

Maxnoob

Acredito que ainda não pois depende também das operadoras locais darem suporte ao eSIM

Swordfish

Muito interessante. Será que é possível ativar eSIM no Apple Watch estando no brasil com uma operadora local?

Jedielson Almeida

Opa, eu tinha entendido o oposto hahahahaha my bad!

Carlos Barbosa

A nova tecnologia tá mais barata do que os planos encontrados nas lojas

Jedielson Almeida

Nesse caso paga-se pela conveniência ( e preço de implantação da tecnologia, também).

Paulo Higa

Sim.

Exibir mais comentários