Início » Computador » Lenovo Yoga A940 é um concorrente do Microsoft Surface Studio 2

Lenovo Yoga A940 é um concorrente do Microsoft Surface Studio 2

O computador da Lenovo só perde do Microsoft Surface Studio na GPU, mas cobra mais de US$ 1 mil a menos por isso

André Fogaça Por

A Lenovo apresentou um concorrente para o Surface Studio, que tem nome de Yoga A940, tela de 27 polegadas e permite upgrade de partes internas. Além disso, o All-in-One da Lenovo é quase que R$ 4 mil mais barato do que o computador da Microsoft e que foi lançado no final do ano passado.

Assim como o Surface Studio, o Yoga A940 vem em uma base que permite o uso do computador em uma forma que lembra a mesa de um arquiteto, deitando o display até cobrir a parte inferior, que é onde ficam os componentes. A tela pode ser 4K, permite a utilização de uma caneta stylus com tecnologia da Wacon e consegue ficar quase que deitada na mesa.

Do lado de dentro a Lenovo colocou um processador Intel Core i7 de oitava geração e que é de desktop (com TDP de 65 W). A GPU é uma Radeon RX 560, é possível configurar o computador para até 32 GB de RAM DDR4, 512 GB de SSD em uma placa PCIe e um HD extra que pode ser de 2 TB.

No lugar do acessório da Microsoft que funciona como um dial e que vai na tela, a Lenovo colocou um dial lateral, mas adicionou um recurso muito interessante na outra lateral da parte inferior: uma superfície que carrega qualquer dispositivo por indução - como um iPhone ou Android, ou a caneta stylus.

Em conexões, o Yoga A940 oferece quatro portas USB 3, duas USB 2, uma USB 3.1 e um leitor de cartões de memória. Além disso, há uma conexão Thunderbolt 3 e a conexão sem fios é no padrão 802.11ac.

Tudo isso tem preço inicial de US$ 2.349,99 (algo perto de R$ 8,8 mil), mais de US$ 1 mil (ou R$ 3,7 mil) mais barato do que o preço inicial do Surface Studio 2. A previsão de lançamento do Lenovo Yoga A940 está marcada para março e não há confirmação de lançamento no Brasil.

Com informações: Lenovo.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Cristina Nascimento

Mas pelo q vi, é um estilo de mousepad com carregamento sem fio, tnt pra caneta como pra qqr outro aparelho q aceita carregamento por indução, não?

Alessandro Johnny

Eu também.
Só que ele tem um dial que fica no lado esquerdo que é pra ser usado junto com a caneta.

Cristina Nascimento

Viajante do tempo, para de ser estraga prazer. Qndo chegarmos lá, vamos ver com nossos próprios olhos..

Cristina Nascimento

Sou canhota mas só uso o mouse com a mão direita..

Sid

Achei esse aparelho bem interessante. O único receio é com a marca, mas pode ser que ela capriche um pouco mais por ser um top de linha. Digo isso porque já tive problemas sérios com notebook deles.

JOSÉ AUGUSTO

lá fora o preço está ótimo mas chega aqui no BR e começa com a safadeza de cobrar 4x mais, mesmo com produção local.

@Sckillfer

O Studio é uma cópia descarada do iMac por ser um AiO?

Eduardo Alvim

Que nem "mesa de arquiteto", ri sozinho aqui. A última vez que usei uma prancheta A0 foi na década de 1990.

Edley Santana 

Eu achei bem feio mas tem uma funções bem interessantes. O local pra deixar o teclado e o mouse quando não estão em uso é bem legal. A base de carregamento sem fio também é.

Rodrigo Gomes

Achei super estranho. Parece um projeto dos anos 90. Vai ver que eu não sou o nicho...

ORÁCULO

Cara nunca vai comprar o produto e colocam defeito. Putz

Gabriel Arruda

Eu acho legal que a Lenovo mantém essa linha de design própria, ao bater o olho dá para saber que é algo da linha profissional deles.

Eduardo Braga

A Microsoft precisa dar um jeito na barra de tarefas ou fazer ela sumir de um jeito mais eficiente que o atual, porque sempre que vejo em fotos e em filmes me dá uma ânsia...

Brunei

Saiu na capa da Revista Wired em janeiro de 2039. Veja o que as fabricantes tentavam reinventar design das formas não ortodoxas. (ortodoxa é uma palavra muito usada na tecnologia em 2039)

leoleonardo85

Nunca mesmo

Exibir mais comentários