Início » Brasil » Correios limitam entrega de celulares, notebooks e baterias pelo Sedex

Correios limitam entrega de celulares, notebooks e baterias pelo Sedex

A nova regra dos Correios passa a valer em 31 de janeiro e afeta várias modalidades do Sedex

Victor Hugo Silva Por

O envio de celulares, notebooks e outros dispositivos ficará mais restrito nos próximos dias por conta de uma medida adotada pelos Correios. Em diversas situações, o Sedex deixará de entregar encomendas com baterias e pilhas de lítio ou íons de lítio, ainda que estejam dentro dos aparelhos.

A medida entra em vigor em 31 de janeiro e proíbe baterias nas encomendas do Sedex 10 e Sedex 12 entre cidades ou estados diferentes. O envio local nessas modalidades, isto é, quando a origem e o destino estão na mesma cidade ou região metropolitana ainda será permitido.

Encomenda dos Correios / rastreamento correios

A proibição também vale em encomendas para estados diferentes no Sedex "padrão" e em trechos de quatro estados: Amazonas (de Manaus para Carauari, Eurinepé, Envira, Tabatinga, São Paulo de Olivença ou Tefé), Pará (de Belém para Santarém), Pernambuco (de Recife para Fernando de Noronha) e Acre (de Rio Branco para Porto Walter, Marechal Thaumaturgo, Jordão ou Santa Rosa do Purus).

Os Correios criaram outras restrições mesmo nos trechos em que o envio de baterias é permitido. Neste caso, elas precisam estar acopladas ao aparelho. A estatal afirma que, se eles estiveram separadas, não poderão ser enviadas em nenhuma hipótese.

O envio de baterias acopladas aos aparelhos será permitido no Sedex 10 e Sedex 12 locais, como dito anteriormente, além de todos os trechos do PAC, Sedex Hoje, Sedex "padrão" local e Sedex "padrão" estadual fora dos trechos apontados para Amazonas, Pará, Pernambuco e Acre.

Segundo os Correios, a medida segue uma orientação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que estabeleceu, no início de 2018, regras para o transporte de objetos perigosos em aeronaves civis. A Anac, no entanto, afirma que a restrição existe desde 2016 e vale para todas as transportadoras.

A partir de 31 de janeiro, os Correios passarão a perguntar aos clientes, no momento da postagem, se a encomenda possui baterias ou pilhas. A estatal afirma que também orientará os clientes que possuem contratos.

Caso exista uma bateria na encomenda, o funcionário dos Correios deverá verificar se ela pode ou não ser enviada para o destino indicado. A empresa afirma que, por não ser um órgão fiscalizador, não fará nenhuma conferência invasiva, cabendo aos clientes observar a legislação do serviço.

Com informações: E-Commerce Brasil.

Mais sobre: , ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

ViLmaR RamoS
Curreios stand up comedy brazil continua...
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Políticos, no brasil, são em sua maioria empresários - os que mais se beneficiariam numa redução do estado. :)Mas, me diga, analcap: Se não precisamos de estado, por que precisaríamos de patrões?
Rubens
> Todos vocês privateiros tem sangue e lama nas mãos.E todos voces estatistas tem dinheiro enterrado na cueca desviado das estatais, principalmente pelos politicos e seus cupinchas...-----
Rubens
> Na embalagem da pasta de amendoim > puro, existe uma advertência... > Atenção alérgicos, contém amendoim!Os caras escrevem essas coisas apenas para minimizar o risco de serem processados, apenas isso... Se voce comer e morrer, a empresa nao terá culpa, porque avisou na embalagem. Seus parentes ficarao chupando dedo.-
Rubens
Só é nojento...
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Triplicar o lucro e multiplicar as mortes. Yay, Vale.Bora comparar os lucros com a statoil? OU com a ESTATAL mexicana que comprou algumas empresas brasileiras nos últimos dois anos?
Gesonel o Mestre dos Disfarces
De novo, pois você aparentemente ignorou: fontes?Se tanto estatais e provadas erram, uma tem como função precípua a garantia de recursos para o bem-estar social. outra, para o bem estar do bolso de alguns. escolher um dos dois passa a ser uma questão de moral - ou, no caso das privadas, da falta dela.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
É voce que esta dizendo, o que nao prova nada, prova so que o anarcocapitalismo nunca deu certo em lugar nenhum. Alias, está afirmando que era pequena por que era publica? Por que tenos a petrobras pra provar que essa sua afirmação não tem logica nenhuma.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Apelo a lápide, como todo liberaleco dador de bumbum pra patrão.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Pequena? Cade as fontes? :) Fala da BP e da lambanca que ela fez no golfo do México, fala!Todos vocês privateiros tem sangue e lama nas mãos.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Então privatiza, uai! mas depois que as suas encomendas chegarem todas sujas de LAMA, não reclama. :D
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Quando era pública, não fazia essas lambanças.
Pereira
Qualquer produto inflamável é potencialmente perigoso.Já usei essa técnica do óleo de cozinha, ainda prefiro o álcool em gel.
Edvan Suzarth
- Não existe nada melhor e seguro pra acender churrasqueira usando papel higiênico umedecido com óleo de cozinha.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
A Vale, quando era sociedade de economia mista, não matava centenas de pessoas com rios de lama. Se privatizarem os correios, imagina como vão chegar as encomendas! Tudo enlameado.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Falácia do nirvana a essa hora? :)
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Se for, tu ja está a um bom tempo com o espantalho de que o que é publico é necessariamente corrupto ou ineficiente, apesar dos varios exemplos que dei.
Lesphirou
Carai, que hipérbole tosca.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Todos os exemplos que você deu (exceto os da Petrobras) sao frutos da iniciativa privada sendo desonesta pra gastar menos. Igualzinho a vale, que não fazia essas cagadas quando era SEM.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Não as matam afogadas em lama. Isto, pra mim, é suficiente. :)
Gesonel o Mestre dos Disfarces
O local agora é argumento? Achei que fosse uma questao público x privado...
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Claro! Quer privatizar pra enlamear? :)
Lestat De Lioncourt
Essa medida perversa teve origem na ANATEL. Assim, todos nós sabemos que a ANATEL sempre está a favor dos empresários, ao tempo em que a ANATEL não cuida dos interesses dos Cidadãos/Consumidores. Nesse contexto, os lojistas de lojas físicas estão reclamando que a população está comprando smartphone na AMAZON e no MercadoLivre e AliExpress, pois os preços são extremamente justos. Logo, os empresários optaram em buscar ajuda na ANATEL, a fim de inibir e dificultar o envio de eletrônicos via Correios.Enfim, o novo Governo tem que analisar e anuir essas medidas desequilibradas impostas pela ANATEL e pelos Correios.O Brasil ainda continua uma terra sem Lei, ou seja, apenas os empresários são protegidos pela "Lei".Será que é Lei, ou trata-se de tráfico de influência e advocacia administrativa?O Governo Federal precisa e deve fazer um pronunciamento a esse respeito, com urgência!
Lestat De Lioncourt
Essa medida perversa teve origem na ANATEL. Assim, todos nós sabemos que a ANATEL sempre está a favor dos empresários, ao tempo em que a ANATEL não cuida dos interesses dos Cidadãos/Consumidores. Nesse contexto, os lojistas de lojas físicas estão reclamando que a população está comprando smartphone na AMAZON e no MercadoLivre e AliExpress, pois os preços são extremamente justos. Logo, os empresários optaram em buscar ajuda na ANATEL, a fim de inibir e dificultar o envio de eletrônicos via Correios.Enfim, o novo Governo tem que analisar e anuir essas medidas desequilibradas impostas pela ANATEL e pelos Correios.O Brasil ainda continua uma terra sem Lei, ou seja, apenas os empresários são protegidos pela "Lei".Será que é Lei, ou trata-se de tráfico de influência e advocacia administrativa?
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Vamos falar de quantidade ou de como empresas publicas tem um papel social? Oi, statoil! XD
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Oi, statoil: o retorno ;)
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Te vira vagabundo, vai pesquisar. :D
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Função precípua, mas acho que já te falei sobre isso ;)
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Sou a favor de bem estar social ao invés de bem estar do mercado.
Cassio
Até o momento não, o risco de realmente provocar um acidente/incidente aéreo é que haja MUITAS baterias e ocorra o que foi visto no vídeo, de explosão e grande incêndio. O risco de itens de uso pessoal é de geralmente machucar o dono ou itens de sua bagagem, as vezes de terceiros também, mas isso não irá provocar um acidente aéreo, pois a potência de explosão é pequena, assim como a de incêndio, que rapidamente será apagada a bordo com o uso dos extintores.Há diversos casos que já ocorreram sobre o tema que você mencionou em artigos e no Youtube. Sou suspeito pra falar, pois trabalho na aviação há mais de 10 anos.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Pergunta pra Noruega ;) oi, STAToil.
Paulo Pilotti Duarte
A gente já penaliza quem produz: o trabalhador.
Paulo Pilotti Duarte
Entendi o seu ponto. Concordo que serviços estatais não estão atrelados com empresas estatais. Não se pode, contudo, esperar que uma empresa privada preste estes serviços em locais com menor ROI sem uma cláusula de contrato (e mesmo assim, elas podem sempre romper o contrato e deixar as pessoas desses locais sem serviços, por isso defendo que os estado siga prestando serviços essenciais diretamente).Austeridade não está dando certo no Chile (veja o problema das universidades e das aposentadorias) e Portugal abandonou faz algum tempo a agenda de austeridade da UE. O caso da Grécia é mais complexo do que você leva a crer. Tem a questão da baixa diversificação da economia, empréstimos com a UE em euros e desvalorização da moeda local.Não viu discutir a escola austríaca porque não discuto a religião das pessoas.
Paulo Pilotti Duarte
"Não, mudar a forma que vc arrecada não influencia como vc gasta, mudar de onde vem sua renda não te faz gastar melhor, não faz o menor sentido."Mas eu não disse isso cara. Eu disse que mudar a forma de tributação é um dos passos e que o Estado precisa gastar melhor mas não necessariamente diminuir arrecadação. Austeridade não deu certo na maioria dos países que foi implementada. Do UK da Tatcher até a Espanha pós-crise, a austeridade sempre acentuou desigualdades e achatou as classes baixas.E pobres usam muito os serviços do estado, principalmente saúde e educação. Se você acha que não usam isso já demonstra como você tem pouca (ou nenhuma) intimidade com as classes baixas e está falando de achismo. Vá numa UPA, UBS ou numa escola pública e veja que a maioria das pessoas ali tem baixo poder aquisitivo e mora em zonas de risco e, quase sempre, estão em situação de vulnerabilidade social.E eu já contribuí o que tinha aqui. Eu já respondi, dentro do que eu acredito, as suas questões. Estamos começando a falar sobre os mesmos assuntos repetidas vezes e você começou a citar a escola austríaca (o que equivale a citar astrologia numa discussão sobre psiquiatria) como fonte para o seu argumento econômico. Não acredito que saía algo de bom dessa discussão a partir de agora.Mas gostei de falar com você, fugiu do usual do Tecnoblog. Obrigado por ter se dado do trabalho de discutir comigo =)Ah, e por algum motivo o Disqus lhe marcou como SPAM aqui pra mim.
Paulo Pilotti Duarte
O mercado de tradução foi relativamente bom durante os anos de abertura do país no CsF principalmente. Se tivesse continuado naquela batida de internacionalização do país teria bastante serviço ainda. Digamos que foi uma tempestade perfeita que me atingiu.Sobre a privatização, nada garante que o mais pobre vai conseguir arcar com os serviços privados. E o voucher não arrumar o problema primário de gasto do governo e ainda cria lobby. E sim, estatal não deve se preocupar com lucro, isso é básico da economia.O problema da periferia não tem relação com estatais - algumas prestam um grande serviço, como os Correios, uma vez que empresas privadas não entregam em alguns lugares, e ainda assim, os Correios também não entregam - e sim com política públicas. Eu falei que tem relação com presença estatal - moradia, saúde, educação, lazer e segurança - e não com estatais em si.O Brasil gasta mal, concordo. Mas esse é um problema de ingerência, como eu já disse. Mas além disso, o Brasil cobra errado. O Brasil cobra de quem tem menos e alivia quem tem mais. O Brasil tem baixa arrecadação per capita (menos do a uruguaia, por exemplo) exatamente porque cobra de pobres e não de ricos. Cobrar de quem tem mais tem relação direta com gastar melhor o mesmo dinheiro.Um país estável, com baixa criminalidade e boa quantidade de MdO especializada é muito mais atrativo para empresas que querem realmente investir aqui do que um país com baixa proteção social. Quem se beneficia das redes de sustentação social fracas é exatamente o rentista, afinal, um país instável precisa se endividar o tempo todo buscando tapar os furos da sua administração.O ideal é que o Brasil tenha um ambiente regulado mas livre para investimentos (que se tenha regras sem impôr barreiras artificiais), que cobre mais dos que tem mais e proteja socialmente os que tem menos. Que tenha políticas públicas para periferias e que mantenha uma rede de sustentação social forte o suficiente para passar pelas crises cíclicas que vamos enfrentar no capitalismo. Isso é, basicamente, o modelo de desenvolvimento dos países do norte.Meu sonho ainda é um sistema de RBU e de distribuição de renda. Poderia até ser com IR negativo, não me importo.Simplesmente liberar as amarras estatais e acreditar que os ricos vão ficar mais ricos e como consequência o dinheiro vai "escorrer" para as camadas mais baixas através de empregos é crer em tricke-down, algo que levou os EUA ao cenário que se tem hoje, após uma crise de subprime e às portas de uma crise do sistema educacional (por lá a iniciativa privada não dá conta de prover nem educação superior e nem saúde direito, por exemplo).
Paulo Pilotti Duarte
1) Não estou mudando o significado para adequar a minha narrativa. É uma realidade, existem empresário, micro empresários, e micro empreendedores. Não se pode tratar todo como sendo o mesmo problema e o mesmo estilo de empreendimento. É um erro que nenhum Estado comete.2) Se ele fosse um micro empresário com uma pequena agência de tradução ele estaria ferrado, eu não neguei isso jamais (inclusive eu falei isso no meu texto). Mas ele não é essa não é a realidade que eu estava expondo.3) Não posso arrumar emprego em outra área com 7 anos de experiência como tradutor e 36 anos de idade. Não é tão simples assim no mundo real, ninguém muda de área porque perdeu um emprego, se assim fosse as pessoas não ficariam desempregadas. E, quem vai contratar uma pessoa assim? Spoiler: ninguém. Só me resta estudar de novo pra ser professor ou fazer concurso público.4) O Estado perde força de trabalho sim, informalidade é consequência de força de trabalho desperdiçada. Informalidade é consequência de políticas públicas equivocadas, alta carga tributária regressiva e privilégios no topo da cad
Paulo Pilotti Duarte
Quando eu falo empresário eu não falo do "Seu João da padoca", ele não é um empresário, ele é um trabalhador autônomo (bem dizer). Empresário é quem tem reservas, quem tem capital, não quem depende do seus micro-empreendimento para sobreviver. Essas diferenças precisam estar bem claras na cabeça de quem defende o sistema empresarial atual. Esse com toda a certeza se ferra quando quebra. O empresário grande, que normalmente quebra várias empresas e segue mantendo o seu padrão de vida, empurra falências e dívidas com a barriga se aproveitando do sistema capitalista e das suas falhas, mudando seu dinheiro de país e escondendo seus investimentos. Esse é o padrão.Dependendo do ramo de atividade e da idade que a pessoa perdeu o emprego, ela leva anos pra se recuperar (caso se recupere). Eu até hoje não arrumei emprego novamente (nem freela e nem CLT) por conta do mercado em retração para a área de tradução. Não é tão simples como "arruma outro emprego" (ok, talvez no seu nível social seja, supondo que você seja de classe média pra cima; caso não seja, desconsidere isso por favor).Pro Estado não é apenas pagar seguro-desemprego. É ter mais desempregados na rua (e consequentemente menos força de trabalho e menos arrecadação previdenciária), mais pessoas passíveis de cair na informalidade e menos arrecadação empresarial.O problema das estatais é ingerência e isso resolve-se com profissionalização. Profissionalização se obtém com concursos públicos e plano de carreira bem definido e com o fim das indicações políticas (FG e CC). Privatizar serviços dentro de um ambiente de ingerência e interesses escusos não é sinônimo de melhora nesses e, quase sempre, traz consigo pioras que afetam as classes mais baixas.Existe todo um custo humano e social nessa cadeia de fatos que é, normalmente, ignorado por quem está de fora da administração pública e/ou jamais teve contato com a realidade das periferias do país (e não digo que você se encaixa em nenhum destes dois exemplos; pode ser que você apenas não parou ainda pra pensar em todas essas implicações).Eu não disse que o empresário é "malvadão", isso foi você quem disse; aliás, é um problema (ou um erro clássico) de quem quer defender muito o empresário é exatamente generalizar as opiniões alheias com base no seu próprio conhecimento de mundo e opiniões.Enfim, quase se critica os problemas do capitalismo e dos empresários ninguém está falando de tomar a força a padaria do Seu João e a sua renegade financiada. Esses sãos os pequenos burgueses que tocam ao seu negócios como meio de sustento, não são rentistas, eles geram riqueza a partir do trabalho. A crítica precisa recair nos capitalistas de fato (aqueles que tem capital e não apenas consomem dentro da sociedade) que usualmente são rentistas e grandes sonegadores e, além disso, fontes de grandes e onerosos processos trabalhistas.
Paulo Pilotti Duarte
O problema não é ser estatal, o problema é ingerência. Ingerência existe em todos os setores e em todas as empresas. E não existe aquela imbecilidade de dizer "se uma empresa privada quebra, o problema é do dono" porque se uma empresa privada quebra o problema é dos empregados, do Estado e, em último lugar, do dono.Uma anedota: eu trabalhava para uma agência de tradução que seguidamente atrasava salários. O dono usava esses dias de atraso para aplicar o dinheiro e ganhar uma grana rapidamente e sem esforço ou então fazer turismo na Europa (uma vez ele estava na Oktoberfest em Munich enquanto os empregados estavam com 10 dias de atraso no pagamento). Um clássico caso de ingerência. A empresa, por óbvio, quebrou em algum tempo e jogou ~100 pessoas na rua (eu incluso).O mercado não absorveu a mão-de-obra da empresa e tampouco o volume de trabalho dela internamente (a maior parte foi pro exterior, gerando arrecadação em outro país).Ou seja, uma empresa privada quebrou por má gestão, jogou funcionários no desemprego e o Estado perdeu arrecadação. O dono? Segue com o mesmo estilo de vida, afinal, ele tinha dinheiro e reservas, coisa que os empregados não tem.Na teoria a prática é outra.
Gesonel o Mestre dos Disfarces
Sou a favor de igualdade de condições em transporte de cargas. mas monopólio não existe. :)
johndoe1981
Sedex aqui virou um PAC mais caro e pouca coisa mais rápido.
Pereira
Que tal dar imunidade tributárias que o cabide de empregos estatal tem às transportadoras também?Beleza, pode ser. Enquanto isso não acontece você tem opções.O PAC virou uma zona, evito. Já o Sedex, na minha região é muito bom. Praticamente de um dia para o outro, no máximo 2 dias.
johndoe1981
Que tal dar imunidade tributárias que o cabide de empregos estatal tem às transportadoras também? E engraçado que em muitas lojas que usam transportadora, como B2W (Americanas, Submarino e Shoptime) e Magazine Luiza, o frete sai bem mais em conta que pela bost@ de PAC.
Paulo Pilotti Duarte
E vai ser, basicamente, a mesma coisa que temos hoje.
Paulo Pilotti Duarte
E aí teremos os mesmos problemas que a Oi teve para se manter competitiva no mercado (ela tem obrigação de manter orelhões e uma rede de comunicação em locais onde o ROI é bem pequeno, ao contrário de outras empresas como NET e a antiga GVT).Os Correios operam com prejuízo nessas regiões porque conseguem operar com lucro em outras e, o mais importante, porque são uma empresa estatal que não precisa dar lucro e sim prestar serviço em todo o território nacional. Exatamente por isso que empresas privadas sublocam os Correios para localidades ermas.Sem falar em malotes oficiais, correspondências entre municípios isolados e outras coisas que podem gerar custos altos para esses locais com um orçamento já apertado.O que temos hoje é um cenário que pode ser melhorado: uma estatal que atende todo mundo com empresas privadas que atendem os centros e regiões adjacentes. Pode melhorar bastante ainda, mas, privatizar e criar uma agência reguladora para empresas de entrega vai ser a mesma coisa que temos hoje e, em breve, os liberais estarão reclamando da agência reguladora como reclamam da ANEL e ANATEL, por exemplo.
DanielBastos
Como diz a materia:"Os Correios criaram outras restrições mesmo nos trechos em que o envio de baterias é permitido. "Ahh, a ironia.....
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
uma OS globalista avalia a economia, não se burocracia e sistema tributario complexo possivelmente afeta a favor ou contra, o que ela quer é resultados.e a suécia com a economia mista conseguiu dar esses resultados...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
é estranho porque a suécia tem a economia mista e tá tirando ranking bom em uma OS globalista, estranho não ser só preto e branco né?
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
se funciona na suécia, porque não aqui?ah é, a corrupção...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
nossa que loucura eu iria! manaaaa eu quero regulamentação de laquê em todos os cortes que o Ariel Barbeiro fizer!e 45 artigos de regulamentação na pomba gira woo!
Elder Trevisan
Tá, mas e as encomendas internacionais, tipo compras pelo Ali? Sabemos que elas vão pra Curitiba, mas e depois? A forma como elas são saem de Curitiba será permitida?
Edy
Não tem estatal americana de petróleo você já sabe disso, e mesmo assim gera um prejuízo enorme ao país... talvez até maior que por aqui, como demonstrei antes...Então qual a vantagem?Empresa privada gera prejuízo do mesmo jeito, o governo vive dando isenções e fica refinanciando dívidas... Você já recebeu isenção no seu IR? Já deixaram você refinanciar alguma dívida em 30 anos?Pois é, empresa privada deve dar tanto ou mais prejuízo que estatais...E agora?
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
não se chama coreia do norte ou brazil.se chama Brasil mesmo.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
saiba que o drama do povo que vive no tecnoblog pra falar que correios precisa ser privatizado é falar como se os correios fosse única opção para encomendas porque o monopólio da estatal é um problema porque ela não paga imposto ao estado...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
nos eua? não, a USPS também tem, porque é uma estatal...mesmo com os sintomas do correios daqui (redução do efetivo, "aumento de custos", alterações em benefícios...)
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
cara eu sei, foi 60 pila algumas partes do meu pc e veio em 4 caixas pela TNT, correios tava mais barato porém eu precisava pra ontem...e o pior foi atrasar 2 dias... claro que foi problema lá, mas eu paguei extra pra entregar no dia uai.e outra, essa frescura de privatização é modismo escroto de nego nos EUA que diz que lá funciona tudo e é privatizado, desde os 2000 essa frescura perdura.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
diz que a venezuela é democracia e que o proletariado é top.
Keaton
Não é bem essa a questão.
Pereira
É uma.
Pereira
Aí esquece rotas de aviação, né, cada um voa como quer para onde quiser, na altitude que quiser. Ê que beleza!
Pereira
Você pode pagar mais caro para usar um serviço melhor, vide Fedex. Não é como se você não tivesse escolha.
Pereira
Tira a isenção fiscal dos correios. As outras vão baixar o preço ou os correios que irão aumentar?
Pereira
Isso é irrelevante pra essa discussão. Vamos tirar a isenção fiscal dos correios então, aí ela fica mais cara e o mesmo preço das outras.
Pereira
Não tá feliz/não concorda com as restrições de vôo, vai a pé/de bicicleta/automóvel/navio... Não é como se você não tivesse escolha.
Pereira
Foda é que álcool gel é MUITO melhor para acender a churrasqueira e o risco de explosão é minúsculo (se é que existe), mas a galera ainda continua indo atrás do álcool líquido.
Pereira
O problema é se contém SÓ leite...
Edy
https://www.washingtonpost....Vou destacar uns pontos para facilitar:"...Already, the U.S. oil industry benefits from a dozen specialized subsidies adding up to about $4.6 billion per year..."No Brasil TODAS as estatais "custaram" 40 bi em dois anos, 20 bi por ano...Nos EUA somente a indústria privada de petróleo custou US$ 4.6 bi, que em reais dá quase o mesmo... isso apenas para um segmento..."...Without federal and state subsidies, nearly half of U.S. oil production — about 45 percent — would be unprofitable at current prices, the researchers found..."Vamos vender tudo... é melhor sim... depois ainda damos subsídios para os empresários, como já fazemos com vários segmentos...
Edy
Você sabe que estas "políticas de crédito" são para ajudar os empresários né? O povo sem dinheiro não gasta... Se não gasta os empresário não lucram... É um ciclo... O povo se beneficia um pouco sim, mas isso serve para movimentar o mercado e os empresários não falirem...Estados Unidos tem lobby "oficializado", o estado ainda manda exército lutar em outros países para beneficiar as petrolíferas que provavelmente o financiaram...Mas você está certo, vende tudo... Afinal somente empresários e iniciativa privada é que sabem fazer as coisas direito...
Edy
Vende tudo então, deve ser melhor mesmo...Afinal os empresários sabem o que é melhor para o povo...
Edy
E você me conhece para saber se eu não criticava?Basta alguém não ser à favor de uma privatização e automaticamente vira esquerdista/petista?Os Correios tem suas vantagens fiscais sim, em contra partida são obrigados a atender todas as regiões mesmo "com prejuízo", coisa que empresas privadas não farão... Tem gente que não tem outra opção, somente os correios.A sua proposta de solução é "se tem problemas vende", a minha é "se tem problemas resolvam os problemas! Se mesmo assim não tiver jeito então vemos o que fazer. Mas se não é possível resolver tais problemas como uma empresa privada resolveria? Se ela pode resolver a empresa pública também pode..."...Estão falando em privatizar Petrobras, me diga que país privatiza este tipo de recursos? Os EUA entram em guerra por causa disso e aqui querem entregar de "mão beijada"...TODOS devem criticar e cobrar o governo SEMPRE que ele fizer besteiras, e não somente quando é "o outro time" que faz besteiras...
Edy
Tem um monte de empresas privadas de entregas. Por que você e as outras pessoas não as usam tanto?Se todos usassem elas os Correios acabariam fechando normalmente...Por que insistem em usar os Correios? Por que insistem no "sofrimento"?Se o problema é indicação política por que diabos não acabam com isso? Eu sou a favor!Eu não tenho venda nos olhos, mas tem gente que ainda tem... O governo atual é de direita e está fazendo tanto ou até mais besteiras que os anteriores... Vão abrir os olhos ou só enxergam os erros de quem querem? A lembrei, eles já tem solução para isso, vão esconder as besteiras atrás de normas de "sigilo"... Continue aí culpando a esquerda sim...
Edy
Correios andou dando lucro...Andaram se mexendo e corrigindo falhas...Não estou defendendo que a empresa dê prejuízo e paguemos a conta, defendo que se resolvam os problemas, como em qualquer outra atividade...Indicação política é uma desgraça e não vai acabar tão cedo, vide as recentes "indicações" nepotistas na cara da sociedade, que estão ocorrendo agora neste "governo"... Quero ver quanto tempo vão aturar as novas falcatruas... ou será que vão fechar os olhos?
Caleb Enyawbruce
saquei, vlw!
Edy
O povo fica pedindo privatização... Já tem um monte de empresas privadas de entregas, a maioria cobra mais caro e/ou não atende todas as regiões...Quem mora em capitais as vezes até consegue alguma mais em conta que os Correios, mas para a grande maioria os Correios ainda são melhores...Estes dias eu ia comprar um guidão de bicicleta em uma loja online que custava uns R$ 100, e o frete estava dando R$ 40, pois era enviado por uma transportadora privada... Um item leve e não tão grande com frete de R$ 40... Detalhe que nem era envio expresso e a loja fica no mesmo estado que moro...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
mas essa é a ideia, como a dhl da vida vai poder lucrar sendo que os correios tem uma infraestrutura semelhante? ainda bem que o nosso presidente dos correios existe para reduzir o efetivo, aumentar custos e criar mais imposições para que os usuários procurem a iniciativa privada, assim o deus mercado sobrevive!(ou paga a tnt, se ela quiser se oferecer...)
Darkseid Nova Era
Chora mais arrombado kkkkkkkk esquerdista filha da puta.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
baterias não acopladas.powerbank e eletrônico com bateria embutida tá de boas.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
tá viajando, porque os correios vai mandar por pac, não por sedex.agora o mercado livre cobrar "sedex" em baterias externas sabendo dessa imposição é problema do mercado livre, os correios vão mandar por pac mesmo.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
pior que não, porque já mandam por via terrestre. elas só usam aviões quando é internacional e já tem o block nas baterias externas, o que aconteceu foi o correio finalmente adotar o ban por que a bateria não tem culpa de ser inflamável, pobre bateria oprimida....
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
não necessariamente, privatizando os correios o governo vai ter que criar uma estatal para a encomenda postal e pacotes pequenos (constituição e leis, sabe?).semelhante a USPS, com a privatização o que vai ocorrer em localidades "distantes" é a recusa do serviço ou a cobrança de um adicional por ser lá na caixa prego.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
cara sendo sucateado até a TNT "decai muito".sendo sucateado ninguém aguenta.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
só precisa de preguiça, modismo, ou mau caráter...porque por falta de neurônio não dá nem pra pedir a privatização dos correios.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
só que precisa pagar taxa com base em peso, tamanho e tipo de pacote, igual nos correios...mas só que diferente dos correios, é mais caro...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
e é reforçado por grande parte do mundo...geralmente baterias no exterior levam um tempo porque são transportadas por via marítima/terrestre, avião não...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
o que muda é você não poder enviar baterias expostascelular que a bateria esta dentro (xiaomi da vida ou powerbank) é permitido, senão tem que mandar por PAC que não usa aviões, porque quando há um incêndio em um avião e o povo demorou demais pra notar (diferente de um avião com passageiros) acho difícil parar o avião no meio do ar pra tentar apagar o fogo, ou chamar os bombeiros...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
e no segundo caso é que as outras encomendas também estão envoltas em papelão/plástico com fita adesiva, o que é beeem mais inflamável que um porre peidando.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
porque o note 7 é uma granada fingindo ser um celular...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
Já tinha prometido não discutir com liberalolas...cara boa ideia, mas você ainda pode perder tempo tirando onda dos liberalóides/ancapistões.só dizer que o reino unido/suécia/estados unidos foram liberais enquanto tinham dinheiro e agora são estadistas pra tapar o rombo, também vale dizer que a suíça nunca foi liberal (e nunca foi mesmo), ou cita 1929 (que só ocorreu por ter adotado políticas liberais).ou diz que o país que adotou o liberalismo não é a Áustria (e não é) e nem o Canadá (tbm não), mas sim a Somália que é 100% liberal/ancap.vale á pena, por mais incrível que pareça.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
não é porque é enviado por terra? pela UPS tem que ir por caminhão e que eu me lembre eles só enviam quando o caminhão enche.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
se duvidar e estiver pagando mandam uma moça da noite com lingerie sexy pra entregar o pacote.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
tem os de zap também.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
isso sem contar os administadores nomeados que sucateiam estatais por representantes que apenas repetem jargões para um público que vive em um mundo de mil maravilhas sem nunca ter estudado história ou ter que sair de sua zona de conforto, até os doiscarasnumamoto vir...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
logo o trump? que é estadista?twitta lá e vê se ele responde...
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
não é só ancap, é liberalóide também...o que é irônico, um ancap tentar ser liberaloide também ou um liberalóide pagar de ancap.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
não, sedex não vai aceitar e vai te falar pra enviar por PAC (que é por terra...)
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
não mas há sites chineses que vendem baterias separadas também (e enviam como presente)aí e problema...powerbank a bateria vem dentro, o que não é barrado.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
mas é assim em vários cantos do mundo amore, os gringos só mentem melhor nesse quesito.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
andré, o paraíso que o felipe apóia existe.se chama Somália.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
enviar por PAC é um saco cara, a regra do administrador dos correios é causar problemas econômicos com a burocracia, vide a volta do despacho postal.enquanto isso o custo só aumenta e o efetivo diminui... desviar dinheiro é arte.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
depois de ter 2 celulares extraviados, acho justo.pagar caro em celular pra mãe de bandido que entrou nos correios é u ó.
Deealt Noubeza ( ͡° ͜ʖ ͡°)
Com informações: E-Commerce Brasil.sério isso bisho? o tecnoblog só tá repassando 10x senão o site deles vai á falência.
Exibir mais comentários