Início » Jogos » Nintendo Switch vendeu 32 milhões de unidades e se aproxima do N64

Nintendo Switch vendeu 32 milhões de unidades e se aproxima do N64

E tem mais: o game Mario Kart Tour fica só para o meio do ano, meses depois da promessa inicial

Por
33 semanas atrás

O Switch vem mostrando que deu muito certo no mercado, tão certo que suas vendas totais estão próximas do que conseguiu o último console de mesa da Nintendo que usava fitas: o Nintendo 64. Comparando com outros lançamentos da marca japonesa, o Switch já passou o número de consoles vendidos do Gamecube e do Wii U.

Em números totais, o Switch já vendeu 32,27 milhões de unidades ao redor do mundo, número que é menor em 660 mil vendas do que o Nintendo 64 fez em seus seis anos de vida – de 1996 até ser descontinuado, em 2002. Depois do N64, somente o Super Nintendo e o Wii aparecem na frente do Switch, na lista de consoles mais vendidos de todos os tempos, com 49,1 milhões e 101,63 milhões de unidades espalhadas pelo planeta, respectivamente.

Em jogos, os maiores números ficam com Super Smash Bros. Ultimate, que marcou 12,08 milhões de cópias vendidas e com Pokémon: Let’s Go logo atrás, com seus 10 milhões de Eeves e Pikachus pelo mundo. Comparando o resultado de 2018 com o ano anterior, a Nintendo registrou lucro líquido 26% maior, passando de US$ 4,4 bilhões para US$ 5,6 bilhões, ou mais ou menos R$ 20,4 bilhões.

Olhando para os consoles clássicos que foram lançados em versões menores, mas que já serão descontinuados, a Nintendo conseguiu vender 5,83 milhões de unidades.

O ano de 2019 pode não ser tão forte quanto foi 2018, mas a marca asiática já prometeu alguns títulos exclusivos que ajudam nas vendas, como New Super Mario Bros. U Deluxe, Yoshi’s Crafted World e Fire Emblem: Three Houses, junto de um novo Animal Crossing e a promessa de novo jogo da série Pokémon, que deve ficar ainda mais para frente.

Mario Kart Tour fica pra depois

Junto dos números de vendas, a Big N anunciou que o lançamento de Mario Kart Tour, game que chegará aos iPhones e Androids, foi adiado para o verão do hemisfério norte – nosso inverno. A desenvolvedora afirma que precisa de mais tempo para refinar alguns detalhes e melhorar a experiência do jogador.

Então tá, né.

Com informações: Nintendo e Engadget.

Mais sobre: ,