Início » Negócios » Facebook tem lucro recorde e planeja se integrar a WhatsApp e Instagram em 2020

Facebook tem lucro recorde e planeja se integrar a WhatsApp e Instagram em 2020

Mesmo com tantos problemas, o Facebook teve US$ 6,9 bilhões de lucro no quarto trimestre de 2018

Victor Hugo Silva Por

O Facebook passou por uma enorme crise em 2018, mas, de alguma forma, terminou o ano melhor do que começou. A empresa teve lucro recorde no quarto trimestre ao atingir a marca de US$ 6,9 bilhões. O resultado é 60% melhor que o do mesmo período do ano anterior.

Parte do aumento veio com a receita de US$ 16,9 bilhões, 30% a mais em relação ao último trimestre de 2017. E, mesmo cercado de problemas, o Facebook apresentou um crescimento expressivo no número de usuários.

Mark Zuckerberg

A rede social ganhou 50 milhões de contas ativas mensalmente entre outubro e dezembro. Os maiores aumentos foram registrados na região Ásia-Pacífico e no grupo chamado “Resto do Mundo”, que inclui a América Latina e a África.

A alta na Europa também foi significativa: são seis milhões de novos usuários ativos mensalmente, o que fez o número chegar a 381 milhões. Nada mal para quem havia perdido um milhão de contas entre o segundo e o terceiro trimestre do mesmo ano.

Número de usuários no Facebook, no 4º trimestre de 2018

Ao todo, 2,32 bilhões de usuários acessam o Facebook pelo menos uma vez no mês. A informação sobre contas ativas na rede social deixará de ser divulgada em breve. Isso porque a empresa quer revelar somente a soma de usuários em sua família de aplicativos.

O crescimento da plataforma tem sido menor nos últimos trimestres. Naturalmente, com um número tão grande de usuários, restam poucos mercados para se expandir. Assim, a companhia irá agregar os números de Facebook, Instagram, Messenger e WhatsApp, que hoje somam 2,7 bilhões de usuários.

Instagram Stories chega a 500 milhões de usuários

O Instagram também tem seus motivos para comemorar. Agora, dos mais de um bilhão de usuários da rede social, 500 milhões usam o Stories diariamente. Para se ter uma ideia, em junho de 2018, esse número era de 400 milhões.

A popularidade das publicações que duram apenas um dia faz com que campanhas de publicidade nesta área do aplicativo se tornem mais comuns. Segundo o Facebook, o Stories conta hoje com mais de 2 milhões de anunciantes.

O objetivo da empresa é oferecer mais melhorias ao Instagram. O Stories, por exemplo, deverá ganhar novas opções de privacidade e as opções de vendas pela rede social terão novos recursos à disposição.

Facebook

Integração de Messenger, WhatsApp e Instagram

Na conferência em que os números do quarto trimestre foram divulgados, Mark Zuckerberg também tratou do plano de integrar mensagens de Messenger, WhatsApp e Instagram. Segundo ele, a mudança levará algum tempo e poderá ser concretizada apenas em 2020.

O CEO do Facebook disse que o único objetivo da integração é melhorar a experiência dos usuários e considerou muito prematuro pensar em como ela realmente acontecerá. “Há muito mais que precisamos descobrir antes de finalizarmos o plano”, disse.

“A primeira razão pela qual estou animado é caminhar ao padrão de criptografia de ponta a ponta em nossos produtos. As pessoas gostam disso no WhatsApp”, disse . “Acho que é a direção que deveríamos seguir. Acho que há uma oportunidade… de ter criptografia de forma consistente em todas as coisas que estamos fazendo”.

Zuckerberg também citou algumas situações em que a integração dos serviços ajudaria os usuários. A negociação por um produto divulgado no Marketplace do Facebook, por exemplo, poderia ser feita no WhatsApp e, não, no Messenger.

Ao mesmo tempo, quem usa o Messenger para receber SMS, poderia fazer com que suas mensagens se tornassem criptografadas. Aparentemente, as ideias ainda estão em um estágio inicial e será preciso aguardar novidades nos próximos meses.

Com informações: Mashable (2) (3), TechCrunch.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Cristina Nascimento

Q parte? Não entendi..

Tiago Celestino

Essa parte está englobada no bolo de desinformações e do coisas inuteis.

Baio-kun

Provavelmente porque devem estranhar o aumento de 50% na quantidade de usuários usando o IE.

Cristina Nascimento

Eu prefiro mil vezes o Telegram, mto mais intuitivo, mais útil, mas a massa só ker saber de zap zap. Se não fossem pelos clientes do escritório e as pessoas q kero bem, não usaria.

Cristina Nascimento

Pelo menos pra uma indústria não somos rejeitados nem deixados de lado, menos mal, rs!

Nioshi

para a industria de games pelo menos a gente vale alguma coisa hehe

Rod

Negativo

Cristina Nascimento

Assim como foi no Orkut e é no moribundo G+, os grupos no Face são mto intuitivos. Participo de grupos da Amazfit q são bem movimentados.
Vcs discriminam mto o Face. Como q podem ignorar uma algo tão bacana, q são os grupos? Só acessar pelo navegador e já deixar a aba do Face salva em algum grupo, assim não precisa ver o feed, q eu concordo plenamente, é cheio de inutilidades.
O q mais me agrada lá são os grupos. Vcs deveriam dar uma chance á essa parte do Face.

Cristina Nascimento

Teu trabalho não exige q vc entre em contato com clientes ou algo assim? E pra ter contato, essas pessoas só usam WhatsApp? Tu vive onde, hômi?

Cristina Nascimento

Vim aqui pra falar disso.. esse é o motivo pelo qual não temos Google Store, One Plus, Vivo, Oppo e Pixels... Somos os insignificantes, as migalhas de pão, nossa, somos uns "nada" mesmo. Tou tão triste q nem terminei de ler a matéria..

Paul

Help!!!! Como que ainda eu não tinha visto isso?
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Real demais!

Meiksonq

resumo do facebook nas eleições do ano passado
https://www.youtube.com/wat...

FastSloth87

Manchete sensacionalista digna de portal.

Eles pretendem integrar apenas os sistemas de mensagem, vc não vai ser obrigado a instalar o Facebosta pra falar com a sua tia no WhatsApp ou pra curtir a foto do prato do seu famoso favorito no Instagram.

Pedro do Caminhão

Instagram: uma propaganda a cada 4 fotos no feed! Tem que dar lucro mesmo!

Paul

Já me livrei dessa bomba há dois anos e sem possibilidade alguma de retorno. Imagina só o que deve ter rolado lá nessa época de eleições? Não, na verdade imagino sim:
Revisionismo histórico, teorias da conspiração e claro, muita, mas muita fake news.
A julgar pelo Twitter que nos últimos tempos anda altamente tóxico(basta olhar as tags). Mas eu não consigo abandonar o Twitter ainda. Kkkk
Instagram uso, mas não é aquela coisa frequente. Infelizmente somos refém do WhatsApp pq todo mundo usa e se vc quiser ter contato, tem que ter, msm q prefira outro(Telegram).

Exibir mais comentários