Início » Negócios » Nubank começa a oferecer empréstimo pessoal

Nubank começa a oferecer empréstimo pessoal

Juros variam de 2,1% a 5% ao mês e empréstimo pode ser pago em até 24 meses

Paulo Higa Por

O Nubank anunciou nesta sexta-feira (8) que começará a oferecer o serviço de empréstimo pessoal. Na modalidade, que está em fase de testes, os clientes podem solicitar um valor, que é depositado na conta digital NuConta, e pagar a dívida em até 24 meses. A fintech tinha autorização para prestar serviços de financeira desde janeiro de 2018.

Nubank - empréstimo pessoal

O empréstimo pessoal será liberado para um grupo selecionado de clientes a partir de 11 de fevereiro e poderá ser contratado no aplicativo do Nubank. Haverá um botão “Empréstimo” que direciona o usuário para uma tela de simulação. Depois de digitar o valor necessário e o número de parcelas, o aplicativo informa os juros praticados, bem como o valor total e o de cada parcela do empréstimo.

De acordo o Nubank, o empréstimo cai na NuConta na hora, e é possível acompanhar pelo aplicativo quanto já foi pago e quanto ainda falta pagar. Existe um limite máximo pré-aprovado, que varia de acordo com o cliente, e a primeira parcela pode ser paga em até 90 dias a partir da data da contratação do empréstimo.

Nubank - empréstimo pessoal

Juros do empréstimo pessoal do Nubank

E qual é a taxa de juros? No comunicado oficial, o Nubank se limita a dizer que “tem o compromisso de fazer uma política de juros justa, mantendo nossas taxas médias sempre abaixo das médias de mercado”. De acordo com a Bloomberg, os juros estarão entre 2,1% e 5% ao mês, e a ideia é permitir empréstimos com valores começando em R$ 30.

Segundo o Banco Central, a taxa de juros média para crédito pessoal sem desconto na folha de pagamento foi de 6,3% ao mês em dezembro. Estas foram as taxas praticadas por algumas instituições financeiras entre 21 e 25 de janeiro:

  • Safra: 1,42% ao mês
  • Banco do Brasil: 3,81% ao mês
  • Itaú Unibanco: 4,22% ao mês
  • Santander: 4,62% ao mês
  • Caixa Econômica Federal: 4,7% ao mês
  • Bradesco: 5,65% ao mês
  • Banco Original: 6,83% ao mês
  • Agibank: 16,44% ao mês
  • Crefisa: 21% ao mês

Por enquanto, o serviço será liberado para clientes que utilizam tanto o cartão de crédito do Nubank quanto a NuConta. “Nossa intenção é liberar a opção de empréstimos pessoais para o maior número de clientes o mais rápido possível, porém ainda não temos uma boa previsão de quando isso deve acontecer”, diz a empresa em comunicado.

Mais sobre: