Início » Celular » Oppo e TCL também preparam smartphones dobráveis

Oppo e TCL também preparam smartphones dobráveis

Oppo mostrou um celular que dobra para fora; a TCL, uma tecnologia de tela dobrável chamada DragonHinge

Por
16 semanas atrás

Se 2019 não for o ano dos celulares dobráveis, vai chegar perto de ser: além da Samsung com o Galaxy Fold e da Huawei com o Mate X, Oppo e TCL também apresentaram aparelhos do tipo. Eles ainda são protótipos e não devem chegar ao mercado tão cedo, mas estão sendo demonstrados agora para pegar carona no MWC 2019.

Oppo - smartphone dobrável

Comecemos pela Oppo. A companhia anunciou uma câmera que permite que smartphones tenham zoom óptico de 10x, mas não se contentou com isso: de surpresa, ela usou a rede social Weibo para mostrar um celular com tela OLED que dobra para fora e design que lembra bastante o Huawei Mate X.

Coincidências são raras no universo dos smartphones, por isso, a Oppo logo foi questionada sobre ter usado ou não o mesmo projeto que serviu de base para o Mate X. A companhia assegura, porém, que todo o desenvolvimento está sendo feito internamente, sem participação de terceiros.

Oppo - smartphone dobrável

Quais as dimensões exatas da tela ou as especificações do aparelho? A Oppo não revelou. A companhia fez apenas uma rápida apresentação dele, sem entrar em detalhes. Aparentemente, esse é apenas um movimento para mostrar que a empresa não está de fora do assunto do momento — não há previsão de lançamento.

Da TCL sabe-se um pouco mais. Chamada de DragonHinge, a tecnologia de tela dobrável da empresa aparece em alguns protótipos levados para o MWC 2019. O destaque vai para um smartphone com tela AMOLED de 7,2 polegadas e resolução de 2048×1536 pixels (2K) que ocupa pouco mais de 90% do espaço frontal.

TCL DragonHinge

A tela do protótipo dobra para dentro, a exemplo do Galaxy Fold. O mecanismo da dobradiça parece ser flexível o suficiente para um uso confortável, mas sem ser frágil. Ou pelo menos essa é a intenção: o protótipo em exibição no MWC 2019 sequer pode ser tocado, o que sugere que a questão da fragilidade ainda não foi resolvida.

TCL DragonHinge

Assim como a Oppo, a TCL não deu informação sobre lançamento de aparelhos com a DragonHinge, apenas sinalizou que o protótipo com tela de 7,2 polegadas talvez evolua para um celular a ser lançado em 2020, no melhor dos cenários. Por ora, a companhia diz que sua intenção é apenas desenvolver a tecnologia para que ela possa chegar ao mercado com preços mais acessíveis.

Informações e imagens: The Verge, Engadget.