Início » Celular » Tela dobrável da Sharp seria ótima para o futuro Motorola Razr

Tela dobrável da Sharp seria ótima para o futuro Motorola Razr

Tela é dobra na vertical e sobrevive fácil até 200 mil dobradas.

André Fogaça Por

A Sharp demonstrou um tipo de tela flexível que pode ser dobrada em um formato parecido com um celular flip, tornando um smartphone 50% menos alto quando guardado. O protótipo pode ser exatamente o que a Motorola precisa para um possível Razr revisitado e com recursos modernos.

O modelo apresentado pela fabricante japonesa tem tamanho de 6,12 polegadas, é feito com tecnologia OLED e trabalha com resolução de 3040 x 1440 pixels, além de exibir cores respeitando o padrão DCI-P3.

Um ponto bastante interessante deste modelo é que ele não é exatamente o que existe em fabricantes como Huawei, Xiaomi ou Samsung, que criaram tablets que dobram e ficam menores. O modelo da Sharp coloca o que seria a tela comum de um smartphone que não é muito grande, mas que pode ser dobrada na vertical e que permite ter o aparelho guardado ocupando menos espaço nesta orientação - assim como fizeram todos os celulares flip no passado.

Por fim, a tela passou em testes que dobraram o produto onde ela estava em 100 mil vezes, sem qualquer dano aparente ao display. Isso equivale a abrir um suposto smartphone com essa tela 273 vezes por dia em um ano. Pode parecer muito, mas se você abrir o aparelho toda vez que chega uma notificação, certamente alcança essa quantia sem muita dificuldade.

A Samsung, como exemplo, promete que a tela do Galaxy Fold foi testada em um ambiente onde a abertura e fechamento acontecem 200 mil vezes, o dobro da Sharp. A tela apresentada não tem data para aparecer em algum modelo da própria Sharp ou de outras empresas, mas seria interessante um Motorola Razr renascendo com este display. Ou talvez em uma versão dele que dure mais.

Com informações: SlashGear.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Fabio Santos

Eu já acho fracasso de venda o contrário, aonde na maioria das ocasiões deixar no modelo tablet não é viável e quando fechado se torna uma tela não muito agradável.
Se fosse hoje comprar um dos dois iria no de flip, mais é bom ter varias opções no mercado, afinal cada qual tem um gosto.

Fabio Santos

No modelo flip acho viável tela dobrável, já transformar num tablet a mim não agradou.

GTR TELEFONIA

eu compraria fácil ,para mim quanto mais discreto melhor,se eu quiser um tablet compro um e pronto.

fracasso será mais esses que ficam maiores doque um flip.

Orley Lima

Engraçado...
Pra mim esse tipo de tela faz muito mais sentido. ^^

SãoPauloNaFita

Vc disse corretamente a palavra "fazia" a Nokia parou de inovar e foi engolida pelas concorrentes.

Celulares flip faziam sentido até a chegada dos touchscreen tipo Iphone, Galaxy que literalmente acabaram com os celulares flip (com teclado)

Não adianta retroceder pois quem vive de passado é museu.

Eric Viana

Começa pelo fato de não serem de vidro...
Elas não quebram facilmente em quedas. Mas aí, todas elas são mais suscetíveis a riscos pois o plástico é mais frágil.

Os designs dos aparelhos podem ganhar novidades em termos construtivos e de interação.

A ideia de ter um celular que substitua seu notebook/tablet volta a tona e pode ser interessante para muitos profissionais.

A Corning está desenvolvendo uma espécia de Gorilla Glass dobrável que poderá ser interessante. Mas ainda acho que é uma tecnologia cara, meio sem foco no momento e que só vai ser adotada em larga escala quando se tornar mais estável/barata.

Maxnoob

A antiga Nokia fazia um sucesso enorme somente por vender aparelhos diferentes

phsodre

Apesar de que minha ideia de dobrável, sempre foi um híbrido de celular e tablet (inclusive se tivesse dinheiro para investir em um, compraria fácil), essa é uma boa ideia também, já que nem todo mundo quer ter um tablet. É sempre bom ter uma boa variedade de modelos, dentro de ideias específicas. Os dobráveis tem tudo pra dar certo!

SãoPauloNaFita

Esse dobrável não faz sentido nenhum pois não expande a tela como um tablet 2 em 1

Ninguém vai pagar o olho da kra para um celular que dobra parece um estojo de maquiagem e quando abre continua sendo um celular flat

Fracasso de vendas pode escrever aí.

Lord Cheetos

Pra arranhar ou quebra a tela desse ai vai ser difícil.

Krosna Terrestre

Ae sim um celular dobrável que eu compraria.
Desligar na cara da pessoa fechando o celular não tem preço

Alberto Junior

Interessante essa ideia, seria o renascimento dos flips. Esse é até agora o dobrável mais legal. Também gostei muito da ideia de duplamente dobrável da Xiaomi.

Maicon Bruisma

Acharia bem interessante um aparelho assim, seria compacto e pra usar só abrir, muito legal. Porém sem notch e sem bordas, só tela seria perfeito, pois seria a nova proposta de dobráveis sem fugir da atual proposta de aparelhos sem bordas. Não seria tão incomum.

Eduardo Braga

Eu acho que são coisas desnecessárias que podem trazer algo de bom. Tirar um celular grande do bolso pode ser trabalhoso. Com a tela dobrada, pelo menos como a da reportagem, pode deixar isso mais fácil. Mas ainda assim, não é algo tão importante.

Felipe

Ao meu ver, essa é melhor ideia de dobrável. Quando aberto, o aparelho fica com tamanho similar aos modelos atuais. Acho mais interessante que o Mate X, que fica gigante quando aberto.

Exibir mais comentários