Início » Aplicativos e Software » Como funciona a questão de pedágio no Uber?

Como funciona a questão de pedágio no Uber?

Quando o Uber traça uma rota, já sabe se motorista e passageiro vão passar por pedágio ou não

Por
16/04/2019 às 16h23

Vai pegar Uber e acha que vai passar por um pedágio? A empresa tem uma política específica para esses casos. De acordo com o suporte, “cobranças adicionais podem ser aplicadas à sua viagem, como pedágios e taxas extras”. Mas, certamente, você quer saber mais detalhes de como isso funciona e, o principal, como realizar o pagamento.

Quando o sistema traça uma rota, já sabe se motorista e passageiro vão passar por alguma cabine de pedágio ou não. De acordo com a Uber, o valor é automaticamente adicionado ao preço mostrado ao passageiro e deve ser pago somente pelo aplicativo.

ponterio-niteroi

Divulgação: EcoPonte / Rio-Niterói

Ao Tecnoblog, a Uber explicou que o valor do pedágio é aplicado automaticamente na hora que a Uber informa o valor da viagem. O usuário não deve dar nenhum valor ao motorista no momento que passar pelo pedágio (seja em espécie ou via cartão de crédito). Isso não gera comprovante e está em desacordo com a norma. Caso o passageiro esteja pagando em dinheiro, o valor será somado ao total da corrida.

E como saber que o pedágio foi pago? A cobrança do pedágio pode ser visualizada pelo usuário tanto na estimativa de preço quanto no recibo após o fim da viagem, por e-mail.

Recibo Uber Pedágio

Recido da Uber para uma viagem que passou pela Ponte Rio-Niterói

Fizemos também algumas perguntas, respondidas pela assessoria de imprensa da Uber no Brasil. O texto do suporte deixa em aberto algumas questões, que explicamos aqui.

Usuários pagam pedágios ou taxas extras?

Cobranças adicionais podem ser aplicadas à sua viagem, como pedágios e taxas extras. Essas cobranças são automaticamente adicionadas à sua viagem.

Quando o veículo de sua viagem passar por um pedágio, o valor será automaticamente adicionado ao seu preço. Em alguns casos, quando sua viagem requerir que o motorista vá além dos limites da cidade, você poderá ser cobrado pelo pedágio de retorno pago pelo motorista para retornar à cidade após deixá-lo em seu destino final.

Por favor, tenha em mente que o valor do pedágio adicionado ao seu preço pode não ser exatamente igual ao valor pago ao motorista. Em algumas cidades, pedágios são cobrados de acordo com taxas comerciais.”

Pedágio - Divulgação: EcoPonte / Rio-Niterói

Pedágio – Divulgação: EcoPonte / Rio-Niterói

TB: Quando diz “podem ser aplicadas” é porque isso depende do motorista?

Uber: Vai depender do trajeto da viagem. No preço inicial, o valor estará inserido caso a estimativa do trajeto passe por um pedágio. Se houver uma mudança de rota que em a viagem não passe mais por um pedágio, isso é alterado no valor da viagem e na cobrança.

TB: “Cobradas automaticamente” quer dizer que virá na fatura no cartão?

Uber: Ou na fatura do cartão ou na forma de pagamento escolhida pelo usuário (ou Uber Cash). Em outras palavras, quer dizer que o pedágio já está incluso no valor da viagem.

TB: O passageiro não deve pagar em dinheiro no ato da cobrança?

Uber: O usuário não deve pagar nenhuma quantia além do que está estabelecido no aplicativo.

TB: O passageiro precisa pagar pelo pedágio de retorno do motorista também?

Uber: Não. O usuário apenas paga pelo percurso em que está dentro do veículo. Logo, pedágios que estiverem tanto antes do motorista buscá-lo quanto depois não são cobrados.

TB: O valor do pedágio na fatura vem exatamente o mesmo cobrado na cabine?

Uber: Sim. Esse valor não faz parte do preço da Uber, é apenas uma tarifa que é paga pelo usuário e transferida diretamente para o motorista parceiro, sem nenhuma cobrança do lado da Uber.

Sendo assim, é comum motoristas usarem serviços como Conect Car, Sem Parar e Move Mais, ou pagarem do próprio bolso. O passageiro não deve se preocupar com isso.

 

Mais sobre: ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.