Início » Aplicativos e Software » Qual a diferença entre Facetune e Facetune 2?

Qual a diferença entre Facetune e Facetune 2?

Facetune, aplicativo famoso para editar selfies no Android e no iPhone ficou grátis, mas nem tudo é de graça

Por
17 semanas atrás

Facetune e Facetune 2 são aplicativos da Lightricks. O primeiro nasceu em 2013 junto com a empresa e em 2016 reencarnou na segunda versão. Além desses, a desenvolvedora de Israel tem um conjunto de aplicativos para aspirantes e criativos em design, foto e vídeo — incluindo selfies — como a linha Enlight de software: Enlight Photofox, editor de fotos; Enlight Videoleap, para edição de vídeo; e Enlight Quickshot.

A empresa iniciou seu modelo de negócio com dois produtos pagos: Facetune e Enlight. O primeiro é o queridinho dos usuários de iPhone para editar selfies e fazer retoques em imperfeições e o segundo é uma coleção robusta de recursos de edição para foto e vídeo. Ambos podem ser encontrados na App Store Brasil (iOS) atualmente por R$ 15.

Facetune - Model #2

Em 2014, o aplicativo ganhou uma versão para Android, assim como o Facetune 2.

Facetune 2 grátis para baixar

Desde novembro de 2016, a Lightricks trabalha com o Facetune 2.0 e aplicativos dedicados do Enlight para determinados tipos de edição. Com a nova leva de software, a empresa introduziu um novo modelo de negócios: freemium + assinatura.

Facetune - Android e iOS

Isso significa que o Facetune ficou grátis na loja e você baixar sem ter que gastar nenhum centavo. Entretanto, nem tudo é de graça. Os melhores recursos fazem parte do que a empresa chama de Facetune VIP, que você pode testar gratuitamente por fugazes três dias ou assinar por um mês (R$ 18,90)*, 12 meses (R$ 11,24/mês ou R$ 134,90/ano)* ou, ainda, realizar uma compra única (de incríveis R$ 259,90)*.

*Valores para iOS

Facetune 1 continua na loja

Note que a primeira versão (Facetune 1), continua a venda na loja da Apple, com um pacote mais reduzido de recursos. O lançamento do Facetune 2 sinaliza a transição do modelo de negócios, tendência na indústria. A desenvolvedora se defende dos altos preços apontando que o seu “editor de selfies 2.0” é alimentado pela mais avançada tecnologia de processamento de imagem, como modelagem facial 3D de alta fidelidade.

O aplicativo inclui recursos alimentados por inteligência artificial e tecnologias de realidade aumentada, permitindo a edição de fotos em tempo real, na hora da captura.

Facetune - Model #3

De graça, até certo ponto…

Versões atualizadas de todos os recursos originais estão disponíveis gratuitamente no Facetune 2. Com uma etiqueta atrativa escrito “try” (tente, em português). Ao tocar nesses recursos, o usuário que ainda não pagou pelo acesso VIP pode usá-los sem nenhum impedimento, mas não consegue salvar o resultado dessas edições no app.

O Facetune 2.0 inclui uma loja embutida na qual os usuários podem comprar uma extensa lista de recursos, ou optar por se inscrever mensal ou anualmente para obter acesso total a todos as ferramentas de edição, incluindo serviços futuros que possam vir a se inclusos. A Lightricks sempre atualiza e lança novos recursos para assinantes.

1 ou 2?

Não vou demorar para afirmar o óbvio: o Facetune 2 é o melhor. 1) porque é gratuito e você pode testar os recursos antes de decidir comprar ou assinar a plataforma; 2) tem cerca de 80% dos recursos que eram pagos no Facetune 1, só que de graça; 3) tem os melhores e mais inovadores recursos de edição, incluindo em tempo real para foto e vídeo.

Mas, nem tudo são flores. Em aparelhos mais antigos, leva a GPU e a CPU ao limite e vai pecar em performance. Tenha em mente que o Facetune 2 pode ser usado do iPhone 5s para acima (iOS 11 ou superior) e, em teoria, em Android 4.1 ou superior. Quem usa um software ou aparelho antigo, entretanto, pode não ter acesso a todos os recursos.

Facetune - Model #5

Em comparação com o primeiro, é ainda mais fácil usar as ferramentas do Facetune 2, basta passar o dedo para ajustar a quantidade de filtro ou efeito nas fotos. Isso significa que os usuários podem dominar tudo o que o aplicativo tem a oferecer depois de brincar apenas algumas vezes com os botões. O aplicativo de segunda geração também inclui tutoriais para todos os recursos para ajudar os usuários a se familiarizarem.

Como baixar o Facetune no Android e no iPhone

Em resumo, a segunda versão, assim como a primeira, oferece fotos perfeitas, suaviza manchas e espinhas, oferece recursos profissionais de retoque, remove manchas de dentes, branqueia o fundo do olho, e promete selfies perfeitas como porcelana.

A primeira versão é mais leve e funciona bem em aparelhos antigos, ideal para quem precisa do básico. Mas, com o lançamento da segunda versão do aplicativo, tornou-se obsoleta. O software novo tem a maioria dos recursos oferecidos na primeira versão de forma gratuita, mas exige mais do smartphone, é ideal para os celulares mais novos.

Mais sobre: , ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.