Início » Curiosidades » Quem é Chris Putnam, o cara do emoji no Facebook?

Quem é Chris Putnam, o cara do emoji no Facebook?

Descubra quem é Chris Putnam, o engenheiro de software que foi o primeiro a hackear o Facebook, e tem seu próprio emoji

Por
30/04/2019 às 14h36

O nome Chris Putnam pode não significar nada para você, mas é possível que você conheça o emoji do Facebook, do rosto de um homem pixelizado, que leva seu sobrenome. Esta é a história por trás da criação deste emoticon, em homenagem ao primeiro hacker da rede social de Mark Zuckerberg, e que funciona até hoje.

Chris Putnam

Chris Putnam, o primeiro hacker do Facebook

O ano é 2005. Putnam, então um adolescente sem muito o que fazer, decidiu sacanear com o Facebook mexendo em sua interface, e para isso, ele e alguns amigos programaram um vírus de computador, que rapidamente se espalhou pelos perfis.

O principal objetivo desse vírus era puramente estético: ele deveria infectar um perfil, fazê-lo adicionar o perfil de Putnam como um amigo, alterar a aparência do Facebook, fazendo-o se parecer com o layout antigo do MySpace, uma rede social popular na época, focada principalmente em música, e por fim, ser passado adiante.

Putnam conseguiu acessar o banco de dados da rede social através de uma conexão com um site externo mal protegida, que permitiu que o vírus entrasse.

Facespace / Chris Putnam

Não demorou muito para que o Facebook se tocasse do que estava acontecendo, e muitos engenheiros da rede social foram afetados. Apesar de, em teoria, inofensivo, o vírus de Putnam levou à remoção de alguns perfis de usuários.

Não demorou muito, dada a própria natureza do vírus de forçar todos os infectados a se tornarem amigos de Putnam, para que o hacker-mirim fosse contatado por Dustin Moscovitz, co-fundador do Facebook e na época, vice-presidente de Engenharia da rede social. O contato foi feito para avisar que o vírus estava, de forma não prevista, deletando perfis, e que a invasão consistia em um crime. Ao invés de denuncia-lo, entretanto, Moscovitz preferiu contata-lo, o que rendeu uma conversa longa, com Putnam explicando todos os pormenores do vírus, que foi rapidamente eliminado.

Esta não foi a única pegadinha aplicada por Putnam, mas foi a que lhe deu fama.

Emoji putnam / Chris Putnam

Um ano depois, em 2006, Putnam foi contratado pelo Facebook como engenheiro de software, e para homenageá-lo, a rede social criou um emoji, o :putnam:, olhando para cima, com o rosto totalmente pixelizado. Esta é a origem de um dos emojis mais curiosos que existe, graças a uma pegadinha. Até algum tempo atrás, ao usar :putnam: no chat, o emoji funcionava. Com o Messenger tomando o bate-papo, tudo mudou.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.