Início » Brasil » OLX divulga marcas de celulares e notebooks mais vendidas na plataforma

OLX divulga marcas de celulares e notebooks mais vendidas na plataforma

Samsung responde pela maioria das vendas de smartphones na OLX em 2018, seguida pela LG, Motorola, Xiaomi e Asus

Felipe Ventura Por

A OLX se tornou uma das principais plataformas no Brasil para venda de produtos usados, e divulgou nesta segunda-feira (6) os celulares e notebooks mais populares de 2018. A Samsung responde pela maioria das vendas de smartphones, seguida de perto pela LG, enquanto Motorola, Xiaomi e Asus completam o top 5.

Foto por Kārlis Dambrāns/Flickr

A Samsung lidera a venda de celulares no Brasil há alguns anos, então faz sentido que ela apareça em primeiro lugar no ranking da OLX com 34,7%: tem muita gente querendo se desfazer de seus aparelhos mais antigos.

No entanto, fiquei surpreso em ver a LG tão à frente da Motorola, com participações de 28,9% e 11,8%, respectivamente. A Motorola ultrapassou a LG em vendas no Brasil há alguns anos, e se mantém no segundo lugar com ajuda da linha Moto G.

A Xiaomi é outra surpresa, ocupando o quarto lugar com 7,1%. A marca está voltando oficialmente ao Brasil, mas com abrangência limitada: o Pocophone F1 e Redmi Note 6 Pro estão disponíveis apenas em lojas físicas da Ricardo Eletro. Vale lembrar também que a OLX aceita anúncios de produtos novos; pelo que eu pude ver, muitos dos celulares da Xiaomi são descritos como “novo na caixa”.

Por sua vez, a Asus aparece em quinto lugar; curiosamente, a Apple não está presente.

Este é o ranking das marcas de celular mais vendidas por meio da OLX entre janeiro e dezembro de 2018:

  • Samsung: 34,7%
  • LG: 28,9%
  • Motorola: 11,8%
  • Xiaomi: 7,1%
  • Asus: 5,7%
Aspire V Nitro

Aspire V Nitro

Acer e Samsung são marcas mais vendidas de laptop

A OLX também divulgou o ranking das marcas mais vendidas de notebook em 2018. São elas:

  • Acer: 47,5%
  • Samsung: 32,4%
  • Microsoft: 15,5%
  • Asus: 1,6%
  • MSI: 1,3%

A Microsoft é uma surpresa, mas faz um pouco de sentido, pois os notebooks da linha Surface não são vendidos oficialmente no Brasil. Novamente, a Apple não aparece no ranking. Também é curiosa a ausência da Lenovo, Dell e HP, fabricantes que mais vendem PCs no país.

Em 2018, a OLX registrou mais de 24 milhões de itens vendidos por um total de 16 milhões de anunciantes. A divisão brasileira teve faturamento anual de R$ 312 milhões, alta de 70% em relação ao ano anterior. Enquanto isso, o Mercado Livre teve receita de US$ 866,2 milhões (cerca de R$ 3,1 bilhões) só no Brasil durante o mesmo período.

A OLX Brasil vai investir R$ 250 milhões este ano para modernizar a plataforma. “Vamos contratar 120 profissionais em produto e tech para avançar ainda mais nos projetos de machine learning”, diz o presidente Andries Oudshoorn em comunicado. A empresa é controlada pelos conglomerados de mídia Naspers, da África do Sul, e Schibsted, da Noruega.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Leonardo Rocha Dias

Odeio a interface da OLX, parece que foi feita por um primo inexperiente.

JOSÉ AUGUSTO

assim como a google.

Credulos

Que bom, pois fiquei muito frustrado quanto a isso, era meu primeiro iPhone, por ser um aparelho atual e vender a baixo do preço de mercado esperava vender com facilidade, mas não ocorreu.

Highlander

hahahahaha

X-Tudãoᴳᴼᵀ

Depósito até da para aceitar mas só libertando depois que o banco liberar o dinheiro.

johndoe1981

Como funciona esse golpe? É um em que o golpista envia um comprovante de depósito falso? Depósito em conta eu não aceitaria ao vender um produto. Mas o comprador fazendo a transferência para a minha conta corrente presencialmente, não elimina o risco de levar golpe? Se o dinheiro cair na minha conta corrente imediatamente, não tem como voltar atrás.

Andrei

Talvez por ser o mais vendido, ou então um dos que sobrevivem para você revender após um tempo kk. Meu acer de 2014 continua vivão!

Mickão

Teorias pra Acer ter praticamente metade do mercado de notes usados na OLX: Alguém arrisca?

Baio-kun

15,5% mostra que existe uma demanda pra Surfaces no Brasil, e a Microsoft ignorando...

Djalma

eu ia ignorar, mas vc escreveu duas vezes ai não resisti...
ENQUANTO :)

X-Tudãoᴳᴼᵀ

Só tem que tomar cuidado com golpe do falso depósito.

Comentário Mil Grau℗

Não compro na OLX pq não existe um sistema de segurança de compras por lá. Praticamente é um local onde vc só vê como está o produto e negocia "pessoalmente". Nisso eu ainda prefiro ficar no ML enquanto a Amazon não libera vendas pra quem não é empresário (não sei se já aceitam "qualquer um" igual ao ML).

Murilo Aquino

Minha experiência é totalmente contrária. Já vendi alguns iPhones em menos de 24hs (bem menos) na OLX, pelo valor anunciado. Enquanto outras marcas (Samsung e Sony) capengaram dias até achar um comprador e pechinchando o preço. Curiosamente em Salvador também.

Panino, o Moço

"curiosamente, a Apple não está presente."

Não surpreende, sempre vi OLX como um local para quem não tem dinheiro comprar barato. Deve ter sido por isso que uma vez eu peguei um Sony top dado de graça, já na época ninguém queria mais saber dessa porcaria de marca imbecil.

Nem a pau. O olx que ainda é uma zona e inseguro. As políticas de segurança são ridículas (não que a do ML seja ótima)

Exibir mais comentários