Início » Brasil » Correios permitem suspender entrega se você suspeitar de golpe

Correios permitem suspender entrega se você suspeitar de golpe

Se você enviar encomenda pelos Correios e descobrir que se trata de uma fraude, pode solicitar que entrega seja interrompida

Por
07/05/2019 às 10h05

Os Correios lançaram nesta semana um novo serviço de suspensão de entrega: se você enviar uma encomenda mas descobrir que se trata de um golpe, pode solicitar que a entrega seja interrompida, e o objeto será encaminhado para devolução ao seu endereço. A novidade está disponível em todo o território nacional, mas a estatal avisa que isso não isenta os usuários de tomarem cuidado nas vendas via internet.

A ideia é oferecer um pouco mais de segurança a quem usa os Correios para enviar produtos vendidos via e-commerce. O remetente pode descobrir após o envio que foi vítima de uma fraude ou golpe; caso isso aconteça, será possível impedir que a encomenda chegue ao destinatário.

A suspensão de entrega está disponível para os clientes que informam o CPF ou CNPJ no momento da postagem. Você acessa o portal dos Correios, digita o código da encomenda no campo “Acompanhe seu objeto”, e clica no botão “Suspender entrega” se ele estiver ativo.

É necessário fazer login usando CPF ou CNPJ e senha idCorreios; se você não tiver essas credenciais, pode se cadastrar no site. Então, basta inserir o ID Tíquete da postagem — disponível no comprovante impresso — e a solicitação será registrada.

Feita a validação, os Correios gravarão no código da encomenda o aviso “Suspensão de entrega de objeto solicitada pelo remetente”. Ele seguirá até a unidade de distribuição da cidade de destino e, após ser identificado, seu status no rastreamento mudará para “Objeto será devolvido por solicitação do contratante ou remetente”. Por fim, ele será encaminhado para devolução.

A suspensão da entrega também pode ser solicitada por meio de integração via webservices, ou por meio de um assistente comercial, caso o cliente tenha contrato com os Correios.

Suspensão de entrega “não é garantida”, dizem Correios

A estatal diz, no entanto, que “a suspensão da entrega da encomenda não é garantida”. O serviço será prestado “sempre que viável operacional e tecnicamente”. Por isso, o cliente ainda precisa tomar as devidas precauções antes de realizar o envio.

E se o botão “Suspender entrega” não estiver ativo? Isso significa que o objeto já foi liberado para retirada, saiu para entrega pelo carteiro, ou tem algum tipo de bloqueio registrado por autoridades fiscalizadoras.

Saiba mais detalhes no site dos Correios.

Mais sobre: ,