Início » Aplicativos e Software » Instagram acaba com app Direct separado para mensagens

Instagram acaba com app Direct separado para mensagens

Direct inclui apenas mensagens diretas do Instagram; aplicativo para iOS e Android será encerrado "no próximo mês"

Felipe Ventura Por
27 semanas atrás

Parece que o Facebook está enfim desistindo de separar recursos de chat em aplicativos separados. O app Direct, que incluía apenas as mensagens diretas do Instagram, será encerrado "no próximo mês". Ele foi lançado em 2017 para iOS e Android, e podia ser baixado apenas em alguns países; o Brasil não era um deles.

"Estamos revertendo o teste do aplicativo Direct separado", diz um porta-voz do Instagram ao TechCrunch. "Estamos focados em continuar a fazer do Instagram Direct o melhor lugar para conversas divertidas com seus amigos."

Usuários do Direct receberam um aviso de que o aplicativo "está indo embora", e que não receberá mais suporte "no próximo mês", sem uma data específica. As mensagens continuarão disponíveis no app principal do Instagram, ou seja, nada será apagado.

Instagram lançou Direct em poucos países

O Direct foi lançado em dezembro de 2017 como parte de um teste em poucos países: Uruguai, Chile, Turquia, Itália, Portugal e Israel. O aplicativo se expandiu para mais mercados, mas o Instagram nunca revelou quais. Ele não está disponível na App Store e Play Store brasileiras.

O fim do Direct não é totalmente uma surpresa: a versão para iPhone não era atualizada desde dezembro. No Android, ele recebeu um update pela última vez em abril.

Claro, o Instagram continuará desenvolvendo recursos para o Direct. Por exemplo, o envio de mensagens pela web está em testes. E, claro, o Facebook tem planos de usar criptografia ponta-a-ponta e integrar o Direct com o Facebook Messenger e WhatsApp.

O aplicativo principal do Facebook deve ganhar acesso ao Messenger, sem a necessidade de usar o app separado. A pesquisadora Jane Manchun Wong descobriu que essa integração está em testes, e oferece apenas o básico: envio e recebimento de texto e GIFs estão inclusos; fotos e chamadas de voz, não.

Com informações: TechCrunch.