Início » Aplicativos e Software » Huawei pode substituir Google Play Store e Android por HongMeng OS

Huawei pode substituir Google Play Store e Android por HongMeng OS

Huawei prepara alternativas ao Android e ao Windows; HongMeng OS pode ser baseado no Linux e ter AppGallery como loja de apps

Felipe Ventura Por

Não é segredo que a Huawei está preparando alternativas ao Android e ao Windows, e os detalhes sobre esses sistemas operacionais estão vindo à tona: relatos na imprensa chinesa mencionam um HongMeng OS baseado no Linux voltado para celulares. A empresa também vem trabalhando para expandir a AppGallery, alternativa à Google Play Store.

Huawei P30 Lite

Tim Watkins, vice-presidente da Huawei para a Europa Ocidental, diz ao Financial Times que a empresa está trabalhando em seu próprio sistema operacional, que já foi testado em algumas partes da China e que “pode entrar em ação muito rapidamente”.

O Hong Kong Economic Times menciona “reportagens da mídia nacional” dizendo que a Huawei começou a planejar seu próprio sistema operacional HongMeng OS em 2012 como um substituto para o Android. Ele deve ser baseado no Linux e manter a interface EMUI usada pela fabricante.

Em mandarim, “hongmeng” significa “mundo primordial” ou “caos primitivo”. Trata-se de um personagem da literatura taoísta que representa como estava o universo antes da criação do mundo, segundo a mitologia chinesa.

Huawei quer substituir Google Play Store por AppGallery

Um sistema operacional móvel não é nada sem uma loja de apps. Aí entra a AppGallery, incluída em celulares da Huawei fora da China desde o ano passado. Ela traz aplicativos como Moovit, Booking, Todoist e jogos como Clash of Kings.

De acordo com a Bloomberg, a Huawei entrou em contato com desenvolvedores a fim de atrair mais aplicativos para a AppGallery: em troca, a empresa daria apoio de marketing e “exposição na loja de apps para a China”. Seria necessário apenas usar uma ferramenta simples que adapta a versão publicada na Play Store.

A Huawei também tentou fazer acordos com operadoras móveis europeias, prometendo dividir parte da receita com a venda de apps se elas embutissem a AppGallery em seus celulares.

Essa estratégia é centrada na Europa, onde a fabricante detém mais de 20% do mercado de smartphones em 22 países. Ela estimava que, até o final de 2018, 50 milhões de pessoas no continente estariam usando sua loja de aplicativos.

No entanto, com o bloqueio dos EUA, as ambições internacionais da Huawei serão difíceis de manter. Ela não poderá incluir aplicativos de nenhuma empresa americana em sua AppGallery, o que inclui Facebook, WhatsApp, Instagram, Netflix e toda a suíte do Google e da Microsoft.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Leonardo Feelckins

que baita nome comercial......

Jonas S. Marques

Conforme dito, o problema não afeta produtos Google. Um Celular que não rode Whatsapp, Twitter, Instagram, Youtube, Paypal e qualquer outro app do tipo é inútil pra nós do ocidente. Como dito, talvez funcione na Ásia onde os produtos são totalmente outros, mas por aqui sem chances.

richardsonvix

Será que a Samsung vai perder esse mercado com o Tizen?
Finalmente ele poderia ter alguma utilidade.

LG certamente já perdeu a aposta, WebOS poderia decolar, massss...

De qualquer maneira ter loja não quer dizer sucesso, é mais desespero nesse caso, porque algum SO precisará estar embarcado.

Felipe Liʍa

se depender do Trump, ate nisso a Huawei será prejudicado!

José Vieira

Bem, rs... todos podem ser baixados do site dos desenvolvedores, rs... Google e facebook estão proibidos de fazer negócios com a Huawei não de desenvolver programas para uma futura plataforma deles.

Alexandre XStationBR

Concordo.
Só não e "ILEGAL" apkmirror é apenas link para os APK certificados da playstore.
Não baixa de forma ilegal.
Tanto que alguns aplicativos não certificados não estão lá.
E nem permite baixar aplicativos pago, somente os gratuitos.

🌊 2000

Se chamasse de Hong Kong 97, teria um apego melhor aqui fora. kkk

uB.

Isto pra gente é de boa, mas a maioria dos usuários isto n é uma tarefa simples, muita gente n sabe nem o q é apk.

Ainda mais pagar mil dólares num telefone pra ficar baixando app de forma "ilegal".

Carlin

Essa medida só esta "ilhando" cada vez mais o mercado Chines, que hoje é cobiçado pelas empresas de tecnologia americanas a anos, em primeira instancia a Huawei vai expandir mais a ainda a sua independência do Google no mercado Chines, já que nem usa os serviços do Google, ter um sistema operacional próprio levara isso a outro nível de liberdade!

Juninho

O Hong Kong Economic Times menciona “reportagens da mídia nacional” dizendo que a Huawei começou a planejar seu próprio sistema operacional HongMeng OS em 2012 como um substituto para o Android. Ele deve ser baseado no Linux e manter a interface EMUI usada pela fabricante.

lógico que isso está longe de dá certo mas em meio ao caos sempre pode surje algo nescessário sobre essa essa questão de um novo sistema operacional, torço muito para que aconteça isso

Alexandre XStationBR

Concordo.
Parece mistura de Hong Kong com nome de alguém KKK

Alexandre XStationBR

Pra isso serve o www.apkmirror.com que baixa todos apks direto da playstore

Ayslan Dielf

Que safadeza com a empresa...

Paulo F.

HongMeng OS com processador Kirin, loja Baidu sem apps, o P40 vai vender bem, principalmente aí no Brasil, onde até agora a Huawei nunca teve qualquer interesse.

Paulo F.

Tal como o Windows Phone ... Mas parece que a Huawei que nunca se interessou pelo Brasil está a começar a ter aí um grande sucesso.

Exibir mais comentários