Início » Celular » Huawei não pode usar tecnologia da ARM em futuros processadores Kirin

Huawei não pode usar tecnologia da ARM em futuros processadores Kirin

ARM desenvolve arquiteturas de processadores móveis; medida impacta futuros processadores Kirin feitos pela HiSilicon, da Huawei

Felipe Ventura Por

A Huawei está sendo bloqueada por empresas dos EUA e de outros países também: a britânica ARM, que desenvolve a arquitetura presente em processadores móveis da Qualcomm e Samsung, interrompeu os negócios com a fabricante chinesa. Ela não poderá usar núcleos com a tecnologia da ARM, o que impacta futuros chips Kirin feitos por sua subsidiária HiSilicon.

Huawei P30 Pro

A ARM instruiu seus funcionários a não “fornecer suporte, entregar tecnologia (seja software, código-fonte ou outras atualizações), se envolver em discussões técnicas nem discutir assuntos técnicos com a Huawei, HiSilicon ou qualquer uma das outras afiliadas”, segundo documentos internos obtidos pela BBC.

A decisão não afeta os processadores atuais da Huawei, nem mesmo o Kirin 985 — próximo chip high-end que deve concorrer com o Snapdragon 855. No entanto, versões futuras ainda estão em desenvolvimento e não poderão mais usar a tecnologia da ARM; elas talvez precisem ser refeitas do zero.

A Huawei tem uma empresa própria para fabricar processadores, chamada HiSilicon. Ela é conhecida por seus processadores Kirin presentes no P30 Pro e P30 Lite, lançados no Brasil. No entanto, esses chips são construídos com base no trabalho da ARM.

A ARM faz licenciamento para fabricantes como Qualcomm, Samsung e Apple; isso envolve seu design para núcleos de processador, e sua arquitetura (ou conjunto de instruções) que pode ser adaptada por outra empresa.

Em um memorando interno, a ARM explica que seus designs de processador contêm “tecnologia com origem nos EUA”, por isso precisa cumprir o bloqueio imposto pelo governo Trump. A empresa tem sede em Cambridge, no Reino Unido, e conta com uma filial no Vale do Silício.

A ARM diz em comunicado a BBC que está “cumprindo todas as regulamentações mais recentes estabelecidas pelo governo dos EUA”. A Huawei, por sua vez, declara: “valorizamos nossas relações próximas com parceiros, mas reconhecemos a pressão que alguns deles sofrem como resultado de decisões politicamente motivadas; estamos confiantes de que esta situação lamentável pode ser resolvida”.

Países da Europa devem adotar restrições contra Huawei

O bloqueio dos EUA está mostrando seus efeitos em mais países. No Reino Unido, as operadoras EE e Vodafone decidiram suspender a venda de celulares 5G da Huawei.

“Até obtermos as informações e a confiança que nos dão a garantia de longo prazo de que nossos clientes, quando comprarem esses dispositivos, receberão suporte enquanto tiverem o dispositivo conosco… colocamos esses dispositivos em pausa”, diz Marc Allera, CEO das marcas de consumo do BT Group, dona da EE.

Segundo a Bloomberg, o governo do Reino Unido deve adotar regras mais restritas para as atividades da Huawei no país, sem bani-la completamente. Além disso, os EUA acreditam que muitos países da Europa vão impedir o uso de equipamentos 5G da Huawei, também sem proibir sua atuação no continente.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Tiago Celestino

Esperando a China começar o contra ataque e ai quero só ver. Começaram pequeno, mas quando aumentarem o poder de fogo contra os EUA, será bem divertido ver a situação do governo.

Mario Bros

"Usar MIPS? RISC-V é inviável e muito imaturo." nem passou pela tua cabeça que essas arquiteturas são dos yankees? Se você conhece essa arquiteturas, sabe muito bem que foram desenvolvidas na Califórnia. A "Ruai" está proibida de usar tecnologia proprietária dos EUA, então....

Gaius Baltar

O que eu digo é que não temos escolha nessa matéria.

Thiago

O caso do Kaspersky não chega nem perto do situação da Huawei.

Keaton

Sim, agora sim fodeu de vez.

Catena's Beauty Atelier

Vão fazer engenharia reversa na arquitetura como ela fez com 50000 mil tecnologias propietárias

Alberto Prado

E daí que o argumento é fajuto... A guerra contra o Iraque tb foi em cima de um. A Rússia com anexação de território idem. Você queria oq? Que os EUA falasse: "Olha, sua empresa cresceu de mais e em cima de espionagem industrial, cópias de design. Ficamos moles em P&D e queremos reparação, vou na OMC". Aí no final dá uma multinha de 500 milhões. Isso é coisa pra Brasil.

Você tá cobrando retidão dos EUA e fazendo vista grossa pra China sendo que os dois são farinha do mesmo saco.

João

Sem contar que o Trump, apesar de toda a polêmica por cima, não pode fazer nada sem aprovação do governo todo.

ばか

Pois é, a união europeia está tentando se tornar cada vez mais independente dos estados unidos e com certeza não iriam entrar na mesma jogada do Trump sem motivo.

Algo estão sabendo.

ばか

Não vejo problemas em ver a Rússia espionando e o motivo é simples;
A china é um país fechado, com regime linha dura e sem liberdade de expressão.
A Rússia ainda é um país "democrático", mais aberto e com um pouco de liberdade, mas, a Rússia está se encaminhando a se tornar um país com cada vez menos liberdade, logo perdendo credibilidade para questões deste tipo.

Então, diria que uma pessoa racional não vê problema nos EUA e a Rússia espionando, coisa que acontece desde sempre, mas a china já é outra história.

uB.

N tô querendo dizer q a China é boazinha nas próximas frases.

A gente, por ser muito influenciado pela cultura dos USA, sofre uma puta lavagem cerebral. USA provavelmente é muito mais FDP do que a China, mas pra gente é "OK" quando tem casos do governo da Casa Branca espionando os outros, mas é inadmissível ver Rússia ou China fazendo alguma espionagem.

Este tipo de atitude q os USA tá fazendo é perigoso, ele tá usando o poder das empresas norte americanas (contra a própria vontade dessas empresas) pra decidir quem fica e quem sai do parquinho.

João

Provavelmente tá tudo confidencial. Deveremos saber daqui umas décadas.

João

E o povo falando que era tudo cisma dos EUA, sendo que agora a Europa também tá bloqueando hahuahuau. A coisa deve ser feia por trás dos panos, prefiro nem saber.

Gaius Baltar

Sinto dizer mas se você tem um celular (principalmente se for Android), usa serviços Google e tem alguma rede social você já é espionado. Em relação à justiça também sinto dizer, mas entre EUA e China não é escolher entre Darkseid e o Superman e sim entre Darkseid e Thanos.

ばか

Declaração de falência da Huawei

Exibir mais comentários