Início » Aplicativos e Software » Google Chrome permite testar grupos de abas em versão desktop

Google Chrome permite testar grupos de abas em versão desktop

A opção foi levada a alguns usuários do Chrome 74 no Android e pode ser testada em Windows, Mac, Chrome OS e Linux

Victor Hugo Silva Por

O Google Chrome parece estar bem próximo de liberar os grupos de abas, discutidos ao menos desde novembro. A versão desktop do navegador permite habilitar o recurso para testes e poderá oficializá-lo no futuro.

Para experimentar os grupos de abas, é preciso inserir chrome://flags/#tab-groups na barra de endereços e selecionar a opção “Enabled”. Disponível para Windows, Mac, Chrome OS e Linux, o recurso é útil para separar abas associadas a diferentes tarefas, por exemplo.

Quando a opção está habilitada, é possível selecionar uma aba com o botão direito do mouse e clicar em “Adicionar a um novo grupo”. Em seguida, para inserir mais itens ao grupo, basta clicar com o botão direito sobre outra aba e selecionar “Adicionar a um grupo existente”.

O Chrome Canary, que serve como um laboratório para novos recursos da versão estável, permite salvar grupos de abas para a próxima vez em que o navegador for aberto. Para que ele faça isso, a inicialização do programa deve estar configurada para “Continuar de onde você parou”.

Google Chrome libera grupos de abas para usuários de Android

O Google não oferece grupos de abas apenas para os usuários de desktop. O navegador já levou o recurso para alguns usuários de Android que estão com o Chrome 74. Ele estava sendo desenvolvido ao menos desde março no Canary.

Caso a opção não tenha chegado para você, ela pode ser habilitada de forma experimental assim como acontece no desktop. Acesse chrome://flags/#tab-groups, selecione a opção “Enabled” e reinicie o navegador.

O Chrome mostrará um botão de “Criar grupo” sempre que você tocar sobre o ícone com o número de abas abertas. Quando há um grupo ativo, o navegador mostra uma barra na área inferior da tela com todos os sites que estão associados.

A barra também apresenta um botão para abrir uma nova aba e outro para expandir o grupo em busca de detalhes sobre os sites abertos. Para fechar um site ou todo o grupo, basta abrir a área de detalhes e arrastar as janelas para o lado.

Com informações: Bleeping Computer.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Baidu feat MC Brinquedo

Valeu! Não conhecia.

Qohen Leth

Claro que existe para ser usada.

Mas se posso usar ela para múltiplos softwares de uma vez só, porque usar só para um que consome tudo? ;)

Qohen Leth

Quantos Gb de memória vai usar?

Don Ramón

Não sei se já avisaram, mas ram existe pra ser usada mesmo.

Glauber Oliveira

Já existe, se chama Firefox Multi-Account Containers e inclusive dá pra mudar a cor dos grupos, trocar os ícones, etc...

https://addons.mozilla.org/...

Keaton

Po... só agora que eles adicionaram isso? Sinto falta desde que abandonei o Opera Presto no fim do ano passado...

João

Consome menos que o FF, pelo menos aqui.

Tori

bem que poderiam atualizar essa UI e fornecer compatibilidade com a Fluent Design

Thiago Silva

5...

Mario

4...

Adriano Garcez

Meh. Besteira. Já teve isso há alguns anos e ninguém usou - nem eu.
E alguém lembra daquele modo de salvar abas do Firefox? Acho que quase ninguém.

Enquanto isso, vai fazer 3 dias que o Opera tornou-se meu browser padrão e acho que não vou voltar para o Chrome. Desde quando o Opera é tão bom? Mesmo sendo Chromium, parece um navegador muito mais evoluído que o Chrome - sem contar que realmente libera RAM quando abas são fechadas!

Felipe

Eu uso a extensão extensão Onetab para criar grupos recomendo

Franco Luiz

Imagina a ram que isso vai comer

Fernando Val

Eu gostava de um recurso de guias que o FF tinha. Você podia criar várias guias e mover as abas para as diferentes guias, escondendo-as da guia ativa. Então era possível alternar entre as guias e ter na tela só as abas daquela guia. As abas fixadas eram visíveis em todas as guias. Hoje o recurso não existe mais, mas é possível ter algo muito próximo com o plugin Panorama View.

Alexandre de Oliveira

Somos 3

Exibir mais comentários