Início » Aplicativos e Software » Chrome 76 vai impedir site de detectar aba anônima para aplicar paywall

Chrome 76 vai impedir site de detectar aba anônima para aplicar paywall

Em beta, Google Chrome 76 também vai aumentar restrição sobre o Flash

Por
18 semanas atrás

O Google Chrome 76 só deve ser lançado no fim de julho, mas a versão beta já está disponível e revela duas novidades interessantes. A primeira é o suporte ao Flash, que continua existindo, mas de modo ainda mais restrito. Já a segunda vai impedir que sites detectem quando o acesso está sendo feito via navegação anônima para aplicar paywall.

Google Chrome

Ambas as novidades foram reveladas por Paul Irish, um dos desenvolvedores do Chrome.

Com relação ao Flash, o aumento da restrição já era esperado. A Adobe sinalizou com a intenção de descontinuar de vez o suporte a esse formato até o final de 2020. Por conta disso, o suporte nos navegadores vem sendo reduzido gradativamente.

No Chrome não é diferente. Atualmente, elementos em Flash são bloqueados por padrão no navegador, mas o usuário pode ativá-los manualmente caso queira executá-los.

Porém, no Chrome 76 beta, nem isso é possível, a não ser que o usuário mude a configuração padrão do navegador. Para tanto, é necessário digitar chrome://settings/content/flash na barra de endereços e habilitar a opção “Perguntar Primeiro”. No atual Chrome 75, ela vem ativada; na versão 76, não.

Mas, certamente, a mudança mais impactante é a função que impede sites de detectar acessos feitos via janela anônima ou privada. Esse recurso é muito usado em sites que tentam evitar que o usuário recorra a esse modo para escapar do paywall.

É o caso, por exemplo, do New York Times. Se você acessar uma página do site via aba anônima, verá que o conteúdo estará bloqueado. No Chrome, é possível identificar se abas privada estão abertas porque, nessa condição, a API FileSystem fica desativada.

A partir da versão 76, o Chrome mudará essa API de modo a evitar que ela “denuncie” janelas anônimas.

Entre outras novidades esperadas para a nova versão estão incrementos no modo escuro. A ideia é permitir que sites exibam automaticamente páginas escuras tendo como base as preferências do usuário.

O Chrome 76 beta pode ser baixado aqui. A versão final tem lançamento previsto para 30 de julho.

Com informações: 9to5Google.

Mais sobre: , ,