Início » Computador » PCI Express 6.0 vem aí com velocidade de até 256 GB/s

PCI Express 6.0 vem aí com velocidade de até 256 GB/s

Acredite: o PCIe 5.0 acabou de sair do forno, mas a versão 6.0 já está a caminho

Por
19/06/2019 às 10h27

As especificações finais do PCI Express 5.0 foram oficializadas há menos de um mês, mas acredite: o PCI Express 6.0 já está vindo aí. O anúncio foi feito pela PCI-SIG, entidade responsável pela tecnologia, na tarde de terça-feira (18). Como sempre, a promessa é a de mais largura de banda: até 256 GB/s (gigabytes por segundo).

Placa-mãe com PCI Express

O anúncio é um tanto surpreendente porque, além de o PCI Express 5.0 ter sido confirmado há poucas semanas, apenas agora é que dispositivos baseados no PCI Express 4.0 estão chegando ao mercado.

Um exemplo é o SSD M.2 Aorus NVMe Gen4, da Gigabyte, linha que tem até 2 TB de capacidade e oferece 5.000 MB/s na leitura sequencial de dados graças ao PCI Express 4.0.

Outro são as recém-anunciadas placas de vídeo AMD Radeon RX 5700 e RX 5700 XT. Antes delas, só as Radeon Instinct suportavam o PCIe 4.0 dentro do portfólio de GPUs da AMD.

Dispositivos baseados no PCI Express 5.0 só devem chegar ao mercado em 2020 — e olha que essa é uma previsão otimista. Então, porque anunciar o PCI Express 6.0 agora?

Ainda que questionável, trata-se, aparentemente, de uma estratégia para deixar a indústria preparada para o longo prazo: as especificações da nova versão só devem ser finalizadas em 2021. Já o lançamento de dispositivos compatíveis só deve acontecer em 2022, novamente, com essa sendo uma previsão otimista.

Evolução do PCI Express

Se o prazo for cumprido, o calendário de lançamentos do PCI Express ficará assim:

  • PCI Express 1.0: 2003
  • PCI Express 2.0: 2007
  • PCI Express 3.0: 2010
  • PCI Express 4.0: 2017
  • PCI Express 5.0: 2019
  • PCI Express 6.0: 2021

As especificações ainda não foram finalizadas, mas a PCI-SIG já informou o que podemos esperar da nova versão. Começa pela já mencionada taxa de até 256 GB/s, o dobro do que o PCI Express 5.0 é capaz de oferecer.

Essa largura de banda diz respeito a uma conexão PCIe 6.0 em x16 (com 16 vias de transmissão) operando em modo full duplex, ou seja, recebendo e enviando dados ao mesmo tempo.

Também é de se esperar que o PCI Express 6.0 trabalhe com até 64 GT/s (gigatransfers por segundo) — 1 GT corresponde a um bilhão de transferências de dados por segundo.

Outras características incluem a adoção do sistema de codificação PAM4 para otimizar as taxas de transferência de dados, um mecanismo de correção de erros para melhorar a eficiência da largura de banda e, claro, retrocompatibilidade com as versões anteriores do PCI Express. Já os conectores devem seguir os formatos atuais.

Com informações: ExtremeTech.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.