Início » Computador » Apple faz recall de MacBooks Pro com risco de incêndio na bateria

Apple faz recall de MacBooks Pro com risco de incêndio na bateria

Certos MacBooks Pro de 15 polegadas vendidos entre 2015 e 2017 podem superaquecer

Por
20/06/2019 às 15h08

A Apple anunciou nesta quinta-feira (20) um recall para proprietários de determinados MacBooks Pro de 15 polegadas comercializados entre setembro de 2015 e fevereiro de 2017. Segundo a empresa, a bateria dessas máquinas pode superaquecer e apresentar risco de incêndio.

MacBook Pro de 2018

O problema afeta o MacBook Pro com tela Retina de 15 polegadas de meados de 2015, mas nem todas as unidades são problemáticas. Caso este seja o modelo do seu notebook, a Apple recomenda entrar nesta página e digitar seu número de série para verificar se você é elegível ao recall. O código pode ser localizado no menu , na opção Sobre Este Mac.

Se o seu MacBook Pro fizer parte do recall, será necessário agendar um horário em uma Apple Store, ou então encontrar um Centro de Serviço Autorizado Apple (AASP) para substituir a bateria. “O seu MacBook Pro será examinado antes de qualquer serviço para determinar se é elegível para este programa. O trabalho pode levar entre 1 e 2 semanas”, diz a Apple. Não há custo para a troca da peça.

Não é a primeira vez que um MacBook Pro é afetado por falhas na bateria, mas esta é uma das poucas vezes que a Apple está realizando um recall de fato — ou seja, um programa de reparo relacionado à descoberta de problemas de segurança. Certos MacBooks Pro de 13 polegadas produzidos entre 2016 e 2017 tinham baterias que estufavam, mas a Apple informava que isso não trazia riscos ao usuário.

Mais sobre: , ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.