Início » Computador » Apple deve anunciar MacBook Pro de 16 polegadas em setembro

Apple deve anunciar MacBook Pro de 16 polegadas em setembro

Embora menos provável, Apple também pode anunciar MacBooks e iPads com tela OLED

Por
24/06/2019 às 15h52

Os primeiros rumores surgiram em fevereiro e, recentemente, ganharam forças graças à IHS Markit: a empresa de consultoria afirma que a Apple vai lançar um MacBook Pro de 16 polegadas e design renovado em setembro. Essa não é a única possível novidade: também há burburinhos sobre iPads e MacBooks com tela OLED.

MacBook Pro

Como que para dar mais credibilidade às previsões, Jeff Lin, diretor para eletrônicos de consumo da IHS Markit, disse que a Apple só não irá lançar o novo MacBook Pro em setembro se algum imprevisto atrapalhar o desenvolvimento do dispositivo.

Divulgado pela Forbes, o relatório da empresa diz que o novo MacBook Pro vai ter tela de 16 polegadas com resolução de 3072×1920 pixels — para fins de comparação, o modelo atual de 15 polegadas têm display Retina de 2880×1800 pixels.

Além disso, o laptop deve ser equipado com um processador Intel de nona geração (série H). Há boas chances de que o MacBook Pro de 13 polegadas e o MacBook Air também sejam atualizados para essa geração de chips.

Já o sistema operacional, tanto do suposto MacBook Pro de 16 polegadas quanto dos outros modelos que vierem a ser atualizados, deverá ser o macOS Catalina, o que não é exatamente surpresa: a versão final do sistema (10.15) também é esperada para setembro.

Outro detalhe que chama atenção no relatório da IHS Markit é a afirmação de que o novo MacBook Pro vai ter tela LCD fornecida pela LG. De certo modo, essa possibilidade entra em conflito com outra linha de rumores, embora esta não seja forte: a de que a Apple irá lançar vários dispositivos com painel OLED.

Tabela com possíveis especificações do MacBook Pro de 16

Se esses rumores estiverem certos, poderemos ter modelos mais avançados da linha MacBook e até iPads com telas do tipo. Essa seria uma forma de a Apple compensar a Samsung pela compra de painéis OLED com volume supostamente abaixo do que foi estabelecido em contrato como consequência das vendas fracas dos iPhones XS e XS Max.

Mas, de acordo com Ming-Chi Kuo, analista que tem um longo histórico de previsões acertadas sobre a Apple, a companhia só deverá lançar MacBooks ou iPads com um tipo diferente de tela em 2021 — e nem seria com OLED, mas mini-LED.

Com informações: Forbes, The Verge.

Mais sobre: ,