Tecnoblog

Uber Eats testa Dine-In para adiantar pedido em restaurantes

Você pode fazer o pedido no Uber Eats para… comer no próprio restaurante

O Uber Eats é mais conhecido como um aplicativo de delivery de restaurantes, mas vem mudando seu posicionamento nos últimos meses: o serviço já permite que o próprio usuário vá até o estabelecimento buscar o pedido e agora começou a testar uma opção chamada Dine-In. O objetivo é esse mesmo: você faz o pedido pelo celular, mas come no próprio restaurante.

Quem descobriu a novidade foi o TechCrunch, que afirma que a opção está disponível em algumas cidades dos Estados Unidos, incluindo Austin, Dallas, Phoenix e San Diego. O aplicativo mostra quais são os locais mais próximos do usuário, informa o tempo de deslocamento até o restaurante e permite escolher os itens do cardápio da mesma forma que na modalidade delivery.

As possibilidades de pedidos são praticamente as mesmas do delivery. Você pode comer o mais rápido possível, ou então agendar um horário para que sua comida fique pronta. O tempo estimado de preparo será exibido no Uber Eats; quando estiver tudo certo, basta ir até o restaurante, sentar-se à mesa e ter seu almoço servido rapidamente.

Não há taxas de entrega, claro. E, se você quiser dar uma gorjeta, isso pode ser feito pelo aplicativo do Uber Eats ou no local — nos dois casos, todo o dinheiro vai para o restaurante, sem descontos. O Engadget diz que a Uber cobra uma espécie de “taxa de participação” para que o estabelecimento entre no Dine-In, mas que ela é menor que o custo das entregas.

A Uber confirma que está testando o Dine-In, mas ainda não revelou quando a modalidade será expandida para mais cidades. Se der certo, isso pode ajudar os restaurantes a atraírem mais clientes em horários ociosos, ou então incentivar as pessoas a comerem mais fora de casa.