Início » Celular » iPhone 11 deve ter porta Lightning e câmera tripla com Smart Frame

iPhone 11 deve ter porta Lightning e câmera tripla com Smart Frame

Sucessores do iPhone XS, XS Max e XR devem vir sem porta USB-C nem 3D Touch; celulares terão processador Apple A13

Felipe Ventura Por

Rumores dizem que a Apple vai anunciar três novos celulares “iPhone 11” em setembro, sucessores do iPhone XS, XS Max e XR; e o desenvolvedor brasileiro Guilherme Rambo traz alguns detalhes adicionais, incluindo um novo mecanismo de feedback para substituir o 3D Touch, câmera tripla com recurso Smart Frame nos modelos mais caros, e porta Lightning em vez de USB-C.

iPhone 11 (XI)

Imagem por @OnLeaks e CashKaro

No 9to5Mac, Guilherme conta que existem três modelos do “iPhone 11”: o D42 (iPhone12,3) substitui o iPhone XS; o D43 (iPhone12,5) é o sucessor do iPhone XS Max; e o N104 (iPhone12,1) é o irmão mais novo do iPhone XR.

Os sucessores do iPhone XS e XS Max viriam com tela OLED, enquanto o sucessor do iPhone XR manteria o display Liquid Retina com painel LCD. A resolução não será alterada, segundo Guilherme — ou seja, o substituto do iPhone XR continuará com resolução inferior a Full-HD (1792 x 828 pixels).

As versões do iPhone XS e XS Max para 2019 devem vir com câmera tripla na traseira. O terceiro sensor viria com uma lente grande-angular para um recurso chamado Smart Frame: ele captura a área ao redor do enquadramento em fotos e vídeos; dessa forma, o usuário terá mais opções de ajustar ou cortar a imagem. “Os dados adicionais serão retidos por um período limitado e descartados automaticamente por motivos de privacidade”, explica Guilherme.

A câmera traseira ficaria em uma protuberância no canto superior esquerdo, semelhante ao que vimos em imagens vazadas. Enquanto isso, a câmera frontal deve ser atualizada com suporte a gravação de vídeo em slow-motion de 120 fps.

Apple deve lançar iPhone 11 sem 3D Touch e sem USB-C

iPhone XR 2019 (imagem por @OnLeaks e Pricebaba)

Imagem por @OnLeaks e Pricebaba

Por dentro, os três iPhones devem vir com uma nova Taptic Engine, conhecida pelo codinome “leap haptics”, que serviria para melhorar o Haptic Touch e substituir o 3D Touch — já ausente no iPhone XR. Além disso, será possível levar gestos de toque longo ao iPad; o tablet nunca teve 3D Touch.

Guilherme diz ainda que os três modelos do iPhone 11 terão o processador Apple A13 e porta Lightning — nada de USB-C por enquanto. Eles devem ser lançados em setembro.

O analista Ming-Chi Kuo afirma que o iPhone 11 virá com bateria até 25% maior se comparado à geração atual, e será capaz de recarregar outros dispositivos como os AirPods via carregamento wireless. Rumores também dizem que o novo smartphone da Apple enfim terá o carregador rápido de 18 W na caixa.

Com informações: 9to5Mac.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Leonardo Felipe

Ou vender o Iphone, comprar um LG G7 Thinks com tela em 4k, 64 giga + entrada para cartão de memoria, contando com processador octa core de 3 ghz e 4 gigas de ram com tela de 6.1 mais barato que o iphone e bateria que dura até 2 dias de uso normal e até 3 a 4 dias com pouco uso! Afirmo essas informações pois é o aparelho que uso no meu dia a dia

Leonardo Felipe

Cacete na boa, deu a melhor explicação, esses usuário que acha que só por que o sistema IOS é rápido que o Hardware dele é potente, negativo, o IOS é projetado para o respectivo hardware, no caso do android isso é bem diferente, são diversos aparelhos com hardware diferentes, ai fica a instabilidade em alguns e outros não, o IOS só tem o Iphone para rodar o android tem mais de 200 marcas de aparelhos com hardware diferentes, fica a dica

Pedro Lindenberg Motta

defasado sim, a tela é LCD, começa por ai hehehe todo mundo sabe q a apple ta subordinada a outras empresas em hardware, fabricação da foxxconn, camera sony, tela Samsung, bateria lg, .. iphone é um frankensteim de coisas velhas. a estabilidade alias, tb vem exatamente dai, tecnologia antiga teve tempo de ser ajustada

Magnosama

Acho vacilo manter esse painel LCD capado, tsc...

Franco Luiz

se fosse assim o usb c seria usado nessa geraçao atual ,nao tem sentido nenhum isso

rmcrys

A minha mulher tem o S8 que era meu e ainda recebeu o update de julho 2019 mais rápido que o meu S9. Ela usa imenso WhatsApp e Facebook, chega ao final do dia com uns 20-30% de bateria; se eu ligar o modo de poupança normal (70% do CPU, controlo de dados em background) ela não nota diferença e chega com 40% de bateria. No meu S9+ sem modo de poupança e bastante uso (mas sem jogos) chego a 35% e com modo de poupança a uns 45-50%. Ou seja, se a gente carregar completo da mais de um dia, se a gente ligar a poupança a 2 dias; nos S da Samsung, se você mudar para modo ultra poupança quando não vai fazer nada de mais que não telefonar ,e-mail, sms, WhatsApp, então você chega bem em 3-4 dias (pelo menos)

rmcrys

Cara, eu ainda agora de férias em vários países e viajando em comboios/ônibus com usb para carregar a bateria, via imensos caras com o fio ligado e tinham praticamente todos iPhone de diferentes gerações (os outros tinham Android antigos). Ou os caras com iPhone estão super viciados e não largam o celular e gastam a bateria rápido, ou então a Apple tem mesmo um problema de bateria. Eu quando tinha iPhone, em repouso a bateria durava muito mesmo; em funcionamento durava muito pouco... perto contrário, os iPad que tive a bateria durava imenso é parecida que nunca acabava (Já nos tablet Android e meu Surface Go, tenho que estar muito atento). Já passei por Huawei também mas para já um equilíbrio encontrei nos S ou Note da Samsung.

rmcrys

A Apple foge de conectores globais, assim manipula os periféricos. Ela aboliu o USB A nos laptop e obriga os compradores a investir em adaptadores. Ora, se no mundo ainda quase tudo é USB A, como vai acabar com a conexão? Pelo menos deixar uma USB A e o resto USB C/Thunderbolt. No caso dos seus terminais, ainda tem muito adaptador e acessório para escoar, quando já não houver muito mais em estoque, aí muda para USB C.

ridingthestorm

Tava na dúvida se pegava o IPhone 11 ou Note 10, mas tá punk a coisa.

Gabriel Antonio

kkkk não faz sentido essa afirmação, ela foi a primeira a abolir os USB A (e pelo visto, única)

Robert Rey

Fiquei tentado a comprar um SE em 2017, mas deixei passar. Hoje me arrependo um pouquinho.

Vinícius

Acho que vai. Mas não agora. No iPad Pro já é, então é questão de tempo. Acontece que o tempo da Apple passa mais devagar.

Vinícius

Bizarro, horroroso, medonho. Sem mais.

Vinícius

Sonho com isso todo dia. Estou comprando outro SE pra eu usar no dia a dia porque não gosto e não me adapto com essas telhas que andam fabricando por aí...enquanto existir o SE, será o meu telefone.

Franco Luiz

XR tem obrigação de ter bateria boa usa tela hd de baixo consumo

Exibir mais comentários