Início » Carro » Uber admite que contribui para piorar o trânsito nas cidades

Uber admite que contribui para piorar o trânsito nas cidades

Em São Francisco, Uber e Lyft são responsáveis por 12,8% da distância percorrida por veículos

Victor Hugo Silva Por

Alguns estudos já apontaram que aplicativos de transporte como a Uber ajudam a piorar o trânsito nas cidades. Agora, pela primeira vez, uma pesquisa usou dados da empresa e da Lyft para indicar que elas são responsáveis por até 12,8% da distância percorrida por carros em seis cidades americanas.

Aplicativo Uber - motorista

O levantamento aponta que Uber e Lyft são responsáveis por entre 1% e 3% da distância percorrida por carros nas regiões metropolitanas analisadas. No entanto, a parcela sobe ao considerar apenas números relativos às cidades principais.

Em São Francisco, por exemplo, as empresas respondem por 12,8% da distância percorrida de carro. Já em Boston, a parcela é de 7,7%. Em Washington D.C., fica em 6,9%. A participação dos aplicativos é menor em Chicago (3,3%), Los Angeles (2,6%) e Seattle (1,9%).

Realizado pela consultoria em transporte Fehr & Peers e disponível neste link, o estudo foi contratado por Uber e Lyft. Os números consideram a relação entre número de veículos e a distância percorrida por eles em setembro de 2018.

A pesquisa também indica que em mais de um terço da distância percorrida motoristas de Uber e Lyft circulam sozinhos. Os carros são efetivamente usados entre 54% a 62% do trajeto. No restante do percurso, os motoristas estão se dirigindo a um passageiro ou rodando até receberem uma corrida.

O head de políticas globais para transporte público do Uber, Chris Pangilinan, afirma que , embora os aplicativos de transporte “provavelmente contribuam para o aumento do congestionamento, sua escala é menor que a dos carros particulares e do tráfego comercial”.

O levantamento é mais um a apontar para as mudanças que apps de transporte causam no trânsito de grandes cidades. Em julho de 2018, uma pesquisa do analista de transporte Bruce Schaller indicou que Uber e Lyft substituíam veículos pessoais em apenas 20% das corridas.

Para piorar, 60% das viagens poderiam usar com transporte público, bicicleta, a pé ou nem chegariam a ser feitas não fosse a facilidade dos serviços. Schaller estima que as plataformas adicionam anualmente nove bilhões de quilômetros rodados em nove cidades dos Estados Unidos.

Com informações: Mashable, The Verge.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Jhon

O motorista tem sempre a opção de ir trabalhar com outra coisa se o Uber estiver ruim.

DanielBastos

Vc não acha que tá exagerando com o termo “trabalho escravo" não?

Pq mesmo considerando que uber não seja uma boa opção para se viver, escravo de verdade não tinha muita opção na vida saca...

Eduardo Alvim

Disse tudo. Exatamente essa a minha impressão.

Vinícius

Dá um pulo no Brasil pra fazer a pesquisa....além de fuder o trânsito, muito motorista “desaposentou” carro da garagem pra bater de Uber na cidade. Infelizmente é a promessa do dinheiro fácil, promessa que brasileiro adora!!!

Param em fila dupla, em qualquer lugar (pq as donzelas dos usuários não podem andar um pouquinho pra evitar do cara parar no meio da rua), de qualquer jeito achando que ligar alerta resolve, andam parecendo que é um domingo ensolarado na roça onde só ele tem carro...e por aí vai...

O serviço é bom, já foi melhor, mas poderia ser a solução de problemas de mobilidade. Infelizmente, propiciou a piora de tudo. Da educação no trânsito, do trânsito em si, da folga do usuário que, como bem diz a matéria, alguns percursos nem sequer seriam feitos se não fosse a facilidade e assim vai...

Uma pena...

Marcio Fonseca

A uber se despedindo dos motoristas 🤣🤣🤣
A uber despencou na bolsa de valores, sem chance de recuperação

Só os árabes agira pra salvar à uber

Dia 08, vai mostrar o prejuízo trimestral
Matérias americanas estão falando em 4 bilhões ( trimestral)

Inacreditável

Nunca na história da bolsa de valores, uma empresa teve tanto prejuízo

Marcos oliveira

Sou de São Paulo capital

Os coitados dos motoristas ficam 18 horas dentro do carro
Trabalho escravo
.
Pessoal veja um vídeo bem resumido no YouTube, coloque o título no YouTube " Uberizacao "

.
A uber é uma cafetina americana, chega a tirar dos coitados dos motoristas de 25% A 60% de taxa

Marcio Fonseca

Você não consegue ver um vídeo no YouTube ou fazer uma pesquisa na internet e já é convidado para ser motorista
.
* seja seu próprio patrão
* ganhe dinheiro roda semana
* conquiste sua casa dirigindo na uber
Etc.etx.etc.
No Brasil tem 13 milhões de desempregados, a uber está brincando com os psicológico dos brasileiros.

Resumindo = 13 milhões de pessoas fazendo transporte
🤣🤣🤣🤣🤣🤣

anderson

Ok! quando soube do Uber, lá no passado, a primeira coisa que veio a mente foi: Tá aí uma forma de minimizar os gastos com o veículo. Na minha concepção, Uber funcionaria assim:você sai de tua casa e, pelo aplicativo nota que alguém vai ao mesmo destino. Você decide então "dar" carona remunerada e segue tua vida. Isso por si só faria total sentido o uso do carro que muitas vezes leva somente o motorista, deixando três bancos na maior parte do tempo, vazio. Mas, o que foi que aconteceu? Um mar de gente decidiu encher as ruas de carros para ganhar a vida, contribuindo para uma piora de trânsitos e, claro, estresses. Se Uber fostes usados da forma que imaginei, o transito seria outro, melhor e eficiente, mas........................

raphael_silva

Em San Francisco até que vai.

Andre Kittler

Mas americano - digamos o John Default - a grande maioria mesmo e nao os hipsters - se desloca sem ser de carro?
Até onde sei isso é coisa de Europeu.

raphael_silva

Mas São Francisco tem um ótimo transporte, várias pessoas vão de bike pro trabalho, tem ônibus, tem mêtro, tem ferry, tem até teleférico, queria mais o que?

johndoe1981

Phoda que no Lisarb o Estado está mais empenhado em piorar o transporte individual do que melhorar o coletivo. Típico do governo querer nivelar tudo por baixo.

Trovalds

Em São Francisco, por exemplo, o transporte público não é dos piores (até onde eu sei).

Trovalds

Para piorar, 60% das viagens poderiam usar com transporte público, bicicleta, a pé ou nem chegariam a ser feitas não fosse a facilidade dos serviços.
Bom, isso já responde um bocado.

Jairo ☠️

Humm , meio óbvio né ,demonstra a necessidade de uma maior evolução do transporte publico