Início » Internet » Microsoft Edge com base do Chrome entra em beta no Windows e macOS

Microsoft Edge com base do Chrome entra em beta no Windows e macOS

Microsoft Edge está disponível para Windows 10, 8.1, 8, Windows 7 e macOS; navegador tem bloqueio de rastreamento e modo IE

Felipe Ventura Por

O Microsoft Edge está mais próximo da versão final: o navegador baseado no Chromium ganhou uma versão beta para Windows 10, 8.1, 8, Windows 7 e macOS. É possível ativar o bloqueio de rastreamento, instalar extensões do Google Chrome, usar o modo Internet Explorer e personalizar a nova guia com papéis de parede e um feed de notícias.

Microsoft Edge

Já era possível instalar o Microsoft Edge nos canais Canary e Dev. Nesta terça-feira (20), o navegador ganhou o novo canal Beta mais estável, com recursos que passaram pelos testes de qualidade.

O Edge está disponível em 14 idiomas, incluindo o português brasileiro. A nova guia possui os modos “Em foco”, que exibe somente a barra de busca e os sites fixados; “Inspirador”, com a imagem do dia do Bing no plano de fundo; e “Informativo”, com destaque para o feed do Microsoft Notícias.

O usuário pode instalar add-ons do Google Chrome indo em Extensões e ativando a opção “Permitir extensões de outras lojas”; também é possível instalá-las a partir da página Microsoft Edge Insider Addons.

Você pode ativar o tema escuro indo em Configurações > Aparência > Tema e escolhendo a opção Escuro; isso funciona em qualquer versão do Windows e no macOS. O Chrome também possui um modo noturno, mas ele é vinculado ao sistema: ou seja, você tem que usar o dark mode no Windows 10 ou macOS para ativá-lo.

Microsoft Edge

Microsoft Edge tem bloqueio de rastreadores e modo IE

O Edge traz um recurso chamado Prevenção de rastreamento para maior privacidade ao navegar na web. Ele bloqueia rastreadores (trackers), não anúncios. É possível configurá-lo em três níveis:

  • básico: bloqueia apenas rastreadores maliciosos, que coletam seus dados e os enviam para sites que você não visitou;
  • balanceado: bloqueia rastreadores maliciosos e alguns trackers de terceiros;
  • estrito: bloqueia quase todos os rastreadores de terceiros, e pode quebrar alguns sites.

É necessário ir até edge://flags#edge-tracking-prevention para ativar a Prevenção de rastreamento. Depois de reabrir o navegador, vá em Configurações > Privacidade e serviços para usá-lo. Este não é um bloqueador de anúncios, apenas de rastreadores, mas a Microsoft oferece ad blockers em sua loja de extensões.

Microsoft Edge

Há ainda o modo Internet Explorer, voltado para empresas. Segundo a Microsoft, mais de 60% das organizações em todo o mundo ainda precisam alternar entre o IE e um navegador moderno. O Edge tenta simplificar esse trabalho, carregando páginas específicas com a engine do IE 11.

O novo Edge já foi baixado mais de um milhão de vezes e recebeu 140 mil comentários de feedback. A Microsoft já ofereceu mais de mil contribuições (commits) para o Chromium, um projeto de código aberto. Além disso, ela removeu diversos frameworks do Google para, em alguns casos, colocar os seus próprios; a lista abaixo reúne os principais itens presentes no Chrome e ausentes no Edge.

Recursos ausentes no Microsoft Edge

Com informações: Microsoft.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Tori

Fluent design tinha o objetivo de complementar e estender a MDL2, com fundamentos de transparecia, luz, profundidade e movimento.
Agora eles estão refinando a fluent, mas esquecendo do seu objetivo inicial, fazendo o sistema ter MAIS uma camada de design inacabado andando pelo sistema.

Paul

Cara, os cantos arredondados fazem parte do Fluent Design que Ñ está finalizado. É uma linguagem em construção.

Porto Velho

Agora o Google realmente entrou em apuros.

Anderson

O único Edge que presta é o guitarrista do U2

P. Herrera

Tem MUITO potencial de pegar uma boa fatia do Chrome.
Só quero ver o Google sacaneando o navegador nos próprios serviços sendo que ele é um ''Chrome'' tbm. 😂

Diogo

Exatamente, nem parece que o sistema de uma das maiores empresas do mundo.

Tori

que nada. Em questão de design, Microsoft não tem uma decisão final correta.
O menu (ctrl + alt + del) ainda tem o design Metro do Windows 8
O Painel de controle pertence ao Windows 7 e seu design Aero
Configurações do Windows ainda está com o visual inacabado e com aparecia do Windows 1607, certas partes do sistema ainda entram em modo fallback Aero como o CMD
Rapaz, é uma bagunça de design que só deus.

João

Bizarrices de sempre. O que é estranho é o tamanho da MS, devem estar começando a reestruturar o negócio só agora.

Tori

Windows está voltando a usar cantos arredondados, entretanto, isso está quebrando o próprio design do sistema e seu Fluent Design atual.
O menu de busca por exemplo, está um software inacabado e com a fluent "nova"

SmokingSnake

O Edge tem alguns bugs mas acho ele mais rápido e leve que o chrome, só é ruim para o youtube por pura sabotagem do google

Tori

É porque o Edge (Original) ainda não tem previsão de ter o seu desenvolvimento encerrado.
Chromium Edge será o nome até que possa substituir o UWP de vez.

Buldego

Bem-vindo ao mundo Windows, a terra sem regras.

Mr Pattin

Eu NUNCA alterei o tema do meu browser acredita? No meu caso o tema do browser é uma coisa totalmente dispensável.

João

É só Edge...

Gherlan Aires

Pra mim, nome já está bom. Algo legal é que o novo Edge já esta bem mais bonito que o Chrome. Concordo que o Chrome poderá se tornar dispensável quando o Edge estiver pronto, só tomará que a Microsoft faça uns refinamentos no Edge e libere temas personalizados, não seria nada mal. ;-)

E também trazer alguns recursos do antigo Edge

Exibir mais comentários