Início » Celular » Agora vai: Samsung anuncia versão corrigida do Galaxy Fold

Agora vai: Samsung anuncia versão corrigida do Galaxy Fold

Smartphone dobrável da Samsung traz modificações que corrigem falhas que atrasaram seu lançamento

Por
05/09/2019 às 10h58

O Galaxy Fold só não deu mais dor de cabeça para a Samsung do que o explosivo Galaxy Note 7. Mas tudo vai ser finalmente resolvido: a companhia coreana confirmou que o seu primeiro smartphone dobrável vai ser lançado oficialmente nesta semana.

Samsung Galaxy Fold

Começa em casa: o Galaxy Fold vai ser disponibilizado na Coreia do Sul a partir desta sexta-feira (6). No dia 18 de setembro, o aparelho chega à Alemanha, França, Singapura e Reino Unido.

Quanto aos Estados Unidos, a companhia diz que o lançamento será feito nas próximas semanas, mas ainda não especificou uma data. Os rumores apontam que, por lá, o smartphone dobrável também chega neste mês, mas no dia 27.

Lançar o Galaxy Fold é, sobretudo, questão de honra. Na corrida para ser pioneira no segmento de celulares dobráveis, a Samsung cometeu erros de projeto que foram identificados rapidamente pelos jornalistas que tiveram acesso às primeiras unidades.

Samsung Galaxy Fold

Entre os problemas estavam faixas pretas que apareciam na tela com apenas poucas horas de uso. Também houve relatos de elevações que apareciam na região da dobra. A dobradiça, aliás, não tinha sido devidamente projetada. Ela continha, por exemplo, aberturas que permitiam entrada de detritos.

Para piorar, alguns testadores removeram a película que recobria a tela acreditando que ela não passava de uma proteção adicional quando, na verdade, o componente era importante para o funcionamento da tela.

A Samsung implementou várias mudanças para corrigir essas deficiências. A tal da película, por exemplo, aumentou de tamanho para cobrir toda a tela e alcançar as bordas. Essa medida impede (ou pelo menos dificulta) a remoção do componente.

Samsung Galaxy Fold: Antes (superior) e depois (inferior)

Antes (superior) e depois (inferior)

Já as partes superior e inferior da área de dobra foram reforçadas com proteções adicionais. Ainda nessa área, o espaço entre a dobradiça e a carcaça do Galaxy Fold foi reduzido. Camadas de metal foram adicionadas sob o painel Infinity Flex Display para reforçar a proteção da tela.

O Galaxy Fold chega à Coreia do Sul com preço equivalente aos US$ 1.980 sugeridos para o mercado americano. O smartphone vai ser lançado em outros países além dos que foram anunciados, mas no decorrer das próximas semanas.

Até no Brasil o modelo deve dar as caras, afinal, o Galaxy Fold já modificado foi homologado pela Anatel no começo de agosto.

Samsung Galaxy Fold — ficha técnica

  • Telas:
    • Principal: Infinity Flex de 7,3 polegadas, painel Dynamic AMOLED, resolução de 2152×1536 pixels, proporção 4,2:3, 362 ppi
    • Secundária: 4,6 polegadas, painel Super AMOLED, resolução de 1680×720 pixels, proporção 21:9, 399 ppi
  • Processador: octa-core de 7 nanômetros (Samsung Exynos ou Snapdragon 855)
  • RAM: 12 GB
  • Armazenamento: 512 GB (UFS 3.0)
  • Câmeras traseiras:
    • 12 megapixels com abertura f/1,5 ou f/2,4, OIS (estabilização óptica de imagem)
    • 12 megapixels, f/2,4, com zoom óptico de 2x, OIS
    • 16 megapixels, f/2,2, ultrawide de 123 graus
  • Câmera interna dupla: 10 megapixels, f/2,2 + 8 megapixels, f/1,9 (profundidade)
  • Câmera frontal: 10 megapixels, f/2,2
  • Bateria: 4.380 mAh (4.235 mAh na versão 5G), recarga rápida com ou sem fio, Power Share
  • Conectividade: Wi-Fi 802.11ax, Bluetooth 5.0, NFC, USB-C, GPS, Galileo, Glonass, BeiDou
  • Dimensões: 62,8 x 160,9 x 15,7-17,1 mm dobrado; 117,9 x 160,9 x 6,9 mm aberto
  • Peso: 276 g
  • Sistema operacional: Android 9 Pie

Com informações: The Verge.