Início » Telecomunicações » Anatel lacra mais de 21 mil produtos não homologados em operadora

Anatel lacra mais de 21 mil produtos não homologados em operadora

Os itens estavam no depósito de uma operadora em Catalão (GO) que não teve o nome revelado pela Anatel

Por
05/09/2019 às 16h52

Uma operação realizada pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) resultou em mais de 21 mil produtos lacrados e apreendidos em Catalão (GO). Eles não eram homologados e pertenciam a uma operadora que não teve o nome revelado pela agência.

Fachada da sede da Anatel (Foto: Sinclair Maia/Anatel - 2007)

A fiscalização foi realizada em 22 de agosto a partir de uma denúncia. A Anatel começou pela sede da empresa e terminou no depósito onde os equipamentos estavam. Eles seriam usados na prestação serviços de fibra óptica.

Entre os produtos lacrados, estão 19.700 acopladores, 1.200 conectores e 225 splitters. Eles permaneceram na empresa por conta do volume, mas não poderão ser utilizados. A Anatel também apreendeu 19 itens, entre pontos de acesso e unidades de rede óptica.

A ação faz parte do Plano de Ação de Combate à Pirataria. Segundo a agência, ele levou a 200 mil produtos lacrados ou apreendidos em 2018. No mesmo período, 30 mil itens foram retidos na Alfândega e 193 anúncios ligados a produtos sem homologação foram retirados do ar.

Com informações: Anatel (2).

Mais sobre: