Início » Celular » Samsung pode unificar linhas Galaxy S e Note em 2020

Samsung pode unificar linhas Galaxy S e Note em 2020

Galaxy One reuniria caneta S Pen da linha Note e novidades do Galaxy S11 em um smartphone

Por
16/09/2019 às 11h03

Se a Samsung não mudar sua tradição, deveremos conhecer um novo smartphone premium em fevereiro de 2020 para suceder o Galaxy S10. Mas o celular pode não se chamar Galaxy S11: um rumor indica que a Samsung estuda unificar os recursos das linhas S e Note, em um projeto batizado de Galaxy One.

Samsung Galaxy Note 10+

Quem divulgou a informação, mais uma vez, foi Evan Blass. De acordo com uma “fonte confiável”, a Samsung “estaria debatendo o futuro da marca Galaxy, incluindo a eliminação da distinção entre as linhas S e Note. Isso pode se manifestar de diferentes formas, possivelmente com um Galaxy One em vez de um S11”, diz Blass em sua conta do Twitter.

É fato que as linhas Galaxy S e Note já se parecem muito. Entre o aparelho premium do primeiro e do segundo semestre da Samsung, vemos pequenas atualizações de hardware e um ou outro recurso novo de software, como a filmagem com desfoque de fundo em tempo real do Galaxy Note 10 — que deverá chegar ao Galaxy S10 por meio de uma atualização, segundo Blass. A única grande diferença que resta é a S Pen.

Se a Samsung unificar as linhas, o futuro Galaxy S11 poderia vir com a S Pen (ou ao menos ter uma edição com caneta), deixando sem sentido o lançamento de um Galaxy Note 11. E por que a empresa faria isso? A resposta pode estar no Galaxy Fold, que teve sua versão corrigida lançada no início de setembro.

“Supondo que o Fold desempenhe de acordo com as expectativas (tanto funcionalmente quanto no mercado), a esperança é lançar seus sucessores como um carro-chefe da segunda metade do ano, no lugar que seria desocupado pelo Note”, segundo Blass, que destaca que o projeto ainda está em fase bastante inicial.

Será que o Galaxy Note 10 foi o último Note?