Início » Internet » Instagram vai limitar posts sobre produtos para dieta e perda de peso

Instagram vai limitar posts sobre produtos para dieta e perda de peso

Posts do tipo serão ocultados no Instagram para menores de 18 anos e poderão até ser apagados

Emerson AlecrimPor

Mesmo que você não siga nenhum influencer, talvez já tenha se deparado com posts promovendo produtos duvidosos para perda de peso, procedimentos estéticos e afins no Instagram. Pois bem, a rede social promete agora limitar o alcance dessas postagens. Em alguns casos, a publicação poderá até ser apagada.

Maça - fita métrica (foto: LibreShot)

A explicação dada pelo Instagram é a de que a medida visa manter a rede social como “um lugar positivo para todos” e reduzir a pressão que os usuários podem sentir quando acessam determinadas postagens.

No que consiste exatamente essa restrição? Basicamente, o Instagram impedirá que usuários com menos de 18 anos visualizem postagens que promovem produtos relacionados a dieta, perda de peso, cirurgia plástica, procedimentos estéticos e semelhantes.

Essa ocultação de postagens começa nesta quarta-feira (18) e será válida mesmo quando o produto promovido vier de fabricantes ou lojas renomadas. Por estar em uma fase de transformação corporal, o público jovem é altamente influenciável por essas postagens, o que explica o foco sobre menores de 18 anos.

Mas não termina aí. Se a postagem prometer resultados “milagrosos” a respeito dos assuntos em questão e for acompanhada de incentivos para compra, como links promocionais e cupons de desconto, o Instagram poderá simplesmente apagar a publicação.

Ativistas que lutam conta a indústria do “corpo perfeito” comemoram a decisão. É o caso da atriz britânica Jameela Jamil, que já criticou personalidades famosas como Khloe Kardashian justamente por promoverem produtos dietéticos ou de eficácia questionável nas redes sociais.

https://www.instagram.com/p/B2j3XdWl_lG/

Em postagem recente no Instagram sobre o assunto, Jamil elogiou a medida e finalizou a sua mensagem dizendo “essa é uma vitória extraordinária que fará grande diferença; influenciadores precisam ser mais responsáveis”.

Apesar de ter sido anunciada prioritariamente para o Instagram, a nova política também será aplicada ao Facebook.

Com informações: The Guardian.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Felipe Ventura

Existe um estudo recente que encontrou uma relação entre tempo de uso de redes sociais e sinais de depressão em adolescentes: https://newatlas.com/social...

Credulos

Mais errado que Nutricionista de rede social é quem as segue e faz disso objetivo de vida, sem procurar se informar melhor e procurar profissionais de saúde reais....Antes de se preocupar com o corpo se preocupem com a mente ;)

Pedro do Caminhão
Nego brinca com coisa pesada.
Daniel R. Pinheiro
Uma pessoa me falou que existe um estudo que faz uma relação entre engajamento em redes sociais e sintomas de depressão. Os usuários, coitados, ficam almejando uma vida (não só fisicamente) dessas socialites e celebs de Instagram e, quando muitas vezes, caem na real que não chegam ao ponto, aí se entristecem e, na pior das hipóteses, caem em depressão. Sendo verídica ou não essa tal relação, até que faz sentido. Eu mesmo já presenciei comentários em rodas de amigos, sobre curtidas, postagens, etc (isso nem é mais surpresa pra ninguém).
X-Tudãoᴳᴼᵀ

Nutricionista de Instagram nem é gente.