Início » Celular » Samsung orienta donos do Galaxy S10 e Note 10 sobre bug no leitor de digitais

Samsung orienta donos do Galaxy S10 e Note 10 sobre bug no leitor de digitais

Atualização que corrige falha no sensor de impressões digitais do Galaxy S10 e Note 10 será liberada no início da próxima semana

Lucas Lima Por

A Samsung prometeu para o início da próxima semana uma atualização para corrigir a falha que faz o sensor ultrassônico das linhas Galaxy S10 e Note 10 desbloquear com qualquer impressão digital, quando o telefone está com certos tipos de películas protetoras. Enquanto isso, a fabricante orienta os usuários a removerem películas incompatíveis e recadastrarem suas digitais.

Samsung Galaxy Note 10+

De acordo com a Samsung, o bug ocorre quando o sensor ultrassônico encontra padrões tridimensionais nas películas protetoras de silicone e as considera impressões reais dos usuários. Isso pode afetar o Galaxy S10, Galaxy S10+, Galaxy S10 5G, Galaxy Note 10 e Galaxy Note 10+. (O Galaxy S10e tem leitor na lateral, não na tela.)

A orientação da marca é que os usuários removam as películas incompatíveis até que a atualização seja liberada. Depois, é necessário fazer o recadastramento biométrico, removendo todas as impressões digitais anteriores. A exceção fica para os casos em que a película já veio pré-aplicada; a Samsung vende o Galaxy S10 dessa forma no Canadá, por exemplo.

Após a atualização do Galaxy S10 e Note 10, é provável que seja necessário refazer o cadastro das impressões digitais.

Galaxy S10 desbloqueia com qualquer impressão digital

O caso foi revelado esta semana, envolvendo a linha de celulares da Samsung com sensor ultrassônico de impressões digitais. Uma película de silicone aplicada na tela confundia o leitor e fazia com que o Galaxy S10 desbloqueasse com o dedo de qualquer pessoa.

A incompatibilidade do leitor ultrassônico com alguns tipos de película já foi admitido pela Samsung. Por conta da camada extra de material, fosse vidro ou silicone, as ondas ultrassônicas enviadas para mapear a digital tinham dificuldade de fazer a leitura biométrica. Devido a isso, a fabricante sempre recomendou o uso de películas oficiais.

Samsung Galaxy S10+

Mas não é só o sensor biométrico que apresentou problemas. O reconhecimento facial pode ser enganado por fotos ou vídeos, inclusive por parentes do proprietário do celular. Isso deu-se por conta a ausência de sensores precisos no reconhecimento do rosto.

Até a linha Galaxy S9, havia um leitor de íris para desbloqueio biométrico. Para reduzir as bordas dos aparelhos, a Samsung eliminou sensores frontais e deixou apenas um buraco para as câmeras.

Com informações: Samsung.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Mateus B. Cassiano
Na verdade não. O problema parece ser muito mais sério, olha esse vídeo presente na notícia do GSM Arena: https://youtu.be/e-uG8ZO28hU
Mateus B. Cassiano
Segundo o GSM Arena, uma película de silicone consegue desbloquear o aparelho independente da digital ter sido cadastrada antes ou depois de aplicá-la...
meziah.adama
Pelo jeito você não é muito inteligente, deixa eu te ajudar: o problema ocorre quando a digital é cadastrada COM A PELÍCULA JÁ APLICADA, neste caso quando você vai cadastrar a digital o telefone vai confundir a textura da película como sendo a sua digital. Se você cadastrar a digital na tela sem a película e depois colocar a película, o problema não vai acontecer. Neste caso a digital sequer vai ser reconhecida, pois a pelícla vai prejudicar a leitura. Ficou claro agora?
Ribas
isso q eu ia falar...o meu s10+ tbm veio com película.
gust4v8
normal, os países importantes primeiro, os países lixo depois, sempre foi
gust4v8
ele nem pesquisou o hardware para embasar a mentira dele hahahaha... com certeza tem no máximo um Moto G5
gust4v8
já deu pra ver que é mentira e tu não tem porra nenhuma, nem sabe o hardware dos modelos hahaha
gust4v8
dãaaaaa....parabénsss
jacob
A digital tem que ser cadastrada usando a película ruim.
Cazalbé
"A exceção fica para os casos em que a película já veio pré-aplicada; a Samsung vende o Galaxy S10 dessa forma no Canadá, por exemplo."Comprei o S10+ no submarino e veio com película. Conheço um monte de gente que comprou no Brasil e veio com película já aplicada.
Pedro do Caminhão
S E G U R A M S S A
Almirante Golfinho
O leitor de íris só era ruim pq vc tinha q se acostumar a mirar no seus olhos, não achava muito prático. O leitor facial era bem mais prático, apesar de "inseguro" (quem vai pegar seu cel e apontar pra sua foto?)
Nikolas Souza
S8, Note 8 - S9, Note 9, ambos tem... eu mesmo desfiz do Note 10 e fiquei com o 9, o reconhecimento facial do 10 funciona mto bem, mto rapido em qq situação de iluminação. Se é confiável não sei, msm assim pelo pouco q testei achei a melhor opção de bloqueio, pq o de digital é bem tosco. Enfim, to mais satisfeito com o Note 9, a bateria é o forte dele, sem falar que é snapdragon.
biscoitao
a brisa bateu forte
Almirante Golfinho
Era o S8 e o S9 que tinha leitor de iris
Bruno Lopes
Acho que algum já teve, deve ser o Note 9 (tive ele). Péssimo mesmo o leitor biométrico e o facial. O leitor do 10E é infinitamente superior ao supersônico.
Jacques
S10 não tem o leitor de iris, por isso que qualquer coisa engana ele, é só o reconhecimento facial através de cameras!
Rodolpho Camargo
O que impede alguém de comprar a película que dá ruim e colocar na tela de qualquer S10 só pra desbloquear?
Rodolpho Camargo
Quê?
Bruno Lopes
Tenho um S10, e o leitor ultrassônico é pior que de um A30 de R$1.000. Chega a ser patético este leitor.O leitor de Iris só o meu gato não desbloqueia o telefone, de tão impreciso é inseguro ele é.
SKY
Ainda se dificultasse a leitura da digital mas não, desbloqueia o aparelho com qualquer digital... bela tecnologia...Leitor de Iris que era bom foi removido
Henrique
O problema é que não faz sentido nenhum o que eles diz, como é que uma película vai confundir o leitor e o leitor mesmo sendo confundido liberar o acesso? No caso deveria não liberar já que não tem a digital correta, como é que vai ler a mesma digital no software? Não faz sentido, é uma mera desculpa para dizer que o software estava mal configurado ou o sensor não funciona conforme deveria. Se qualquer esqueminha faz o smartphone desbloquear, com certeza seria uma recall muito grande e um prejuízo bilionário para eles, e eles não querem tomar essa com certeza!
LengoTengo
Esperando um "patch disponível no Galaxy S11", ou um calendário (via Samsung Members) "confirmando" que aparelhos brasileiros receberão a correção entre fevereiro e julho de 2020, depois de Coréia, Alemanha, Reino Unido, Chile e Portugal.
Lobo Solitário
Samlixo.
Lobo Solitário
Samlixo.
Cléber
Aqui no Brasil a linha S10 e Note 10 já vem com a película aplicada também, pelo menos no Galaxy S10, S10e e Note 10 que tenho em mãos, todos vieram de fábrica com a película aplicada.Não foi assim com todo mundo no Brasil ou o meu caso foi especial?
Cléber
Aqui no Brasil a linha S10 e Note 10 já vem com a película aplicada também, pelo menos no Galaxy S10, S10e e Note 10 que tenho em mãos, todos vieram de fábrica com a película aplicada.
Não foi assim com todo mundo no Brasil ou o meu caso foi especial?
Luander Falqueto Beltrame
Não, o A50 usa leitor ótico e não ultrassônico.
Lucas Blassioli
"A exceção fica para os casos em que a película já veio pré-aplicada; a Samsung vende o Galaxy S10 dessa forma no Canadá, por exemplo."Pode película, só a nossa película. Se não for a nossa película dá ruim.
Roberto
o A50 tem sensor na tela, será que foi afetado?
Jairo ☠️
O padrão Samsung de resolução de bugs até que está melhorando , estão sendo rapidos