Início » Brasil » Uber ganha função para motoristas mulheres só aceitarem passageiras

Uber ganha função para motoristas mulheres só aceitarem passageiras

Em fase de testes, a opção faz parte de uma iniciativa para estimular motoristas mulheres na Uber

Victor Hugo Silva Por

A Uber lançou nesta quinta-feira (24) a opção "U-Elas", para motoristas mulheres que preferirem fazer corridas com passageiras. A função será testada pela primeira vez no mundo em três cidades brasileiras: Campinas, Curitiba e Fortaleza.

Uber

A partir de novembro, as motoristas dessas cidades poderão ligar e desligar o filtro de passageiros a qualquer momento. O recurso será válido tanto para aquelas já dirigem com a Uber, quanto para as novas parceiras da Uber.

O anúncio faz parte da iniciativa "Elas na Direção", voltada para incentivar mulheres a se cadastrarem como motoristas na plataforma. De acordo com a diretora-geral da Uber no Brasil, Claudia Woods, apenas 6% da base de motoristas do serviço no país são mulheres.

Para estimular a adesão delas à plataforma, o programa prevê benefícios. O principal envolve um valor extra para as motoristas que realizarem suas 100 primeiras viagens e não atingirem R$ 1.500. Nestes casos, a Uber vai garantir a quantia necessária para chegar até este montante.

A ação também oferece condições para mulheres que querem dirigir, mas não têm carro. A Localiza, parceira da plataforma na locação de veículos, vai dar condições específicas para mulheres, como o aluguel sem exigência de cartão de crédito, nas três cidades com os testes.

O programa ainda contará com uma plataforma educativa, com cursos e palestras sobre empoderamento feminino e educação financeira, e uma rede de apoio com atendimento presencial feito por mulheres.

Segundo a Uber, o objetivo é reduzir a desigualdade entre homens e mulheres na plataforma. Woods diz que a empresa também pretende oferecer no futuro uma opção para passageiras viajarem somente com motoristas mulheres.

A executiva afirma que, no momento, isso não é possível justamente pela baixa quantidade de mulheres à frente do volante. Após os testes em Campinas, Curitiba e Fortaleza, a nova opção deverá ser levada para outras cidades brasileiras em 2020.

Com informações: UOL, Exame.

Mais sobre:

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

João
MIMIMI MIMIMI. Daqui a pouco vão lançar também opção pra motorista lgbt... (rstuvwxyz etc) só aceitar outro baitola, motorista que tiver cachorro só aceitar outro com cachorro, motorista corintiano só aceitar outro corintiano, motorista que usa cartão visa só aceitar pagamento com cartão visa... Uber NUTELLA, como todo o resto da sociedade de merda que se tem atualmente.
©yßë® V¡¢¡öµ§
Deveria ter a opção para motoristas casados aceitarem apenas homens ou passageiras igualmente casadas e passageiros homens aceitarem apenas motoristas homens
Jarbas Coqueiro
Também deve ter uma também para passageiros bloquearam motoristas mulheres que te fazem perdem um tempão com inúmeras perguntas antes de se dirigirem ao local de partida.
Eduardo
Eu só viajei uma vez com motorista uber mulher, uns 4 meses atrás(Baita loira digassidipassagi) e ela me falou que tava pensando em parar pois a cada 10 viagens com homens, umas 8 eram com caras inconvenientes.
elliot filho de alder 🎃
devia ter o contrario tambem. mulheres poderem escolher apenas motoristas mulher.