Início » Antivírus e Segurança » Google Home e Amazon Echo podem ser hackeados com lasers

Google Home e Amazon Echo podem ser hackeados com lasers

Lasers que fazem a membrana do microfone vibrar são capazes de atacar silenciosamente alto-falantes inteligentes

Paulo Higa Por

Ok, é pouco provável que alguém tenha tanto tempo livre para fazer isso com você, mas eis o fato: pesquisadores dos Estados Unidos e Japão descobriram que é possível controlar alto-falantes inteligentes, como Google Home e Amazon Echo, por meio de um laser. O truque funciona de maneira silenciosa e à distância, podendo desbloquear fechaduras, fazer compras e abrir portas de carros.

Amazon Echo Plus

O pesquisador de segurança Takeshi Sugawara, da Universidade de Electro-Comunicações em Tóquio, e o professor Kevin Fu, da Universidade de Michigan, demonstraram o envio de comandos de voz (?) por meio de um laser. Ao modificar a intensidade da luz do laser, simulando uma onda senoidal, é possível vibrar a membrana do microfone de um alto-falante inteligente, imitando a fala de um humano.

Isso acontece porque, ao ser atingindo por um laser em frequências específicas, o microfone interpreta a luz como se fosse som — só que sem fazer nenhum barulho. Durante os experimentos, um laser de 60 miliwatts conseguiu comandar 16 dispositivos, entre smartphones, alto-falantes inteligentes e outros gadgets com suporte a voz, em diferentes distâncias.

Os celulares foram os mais difíceis de serem controlados: dois smartphones Android só interpretaram o laser como um comando de voz a cinco metros de distância, enquanto um iPhone pode ser atacado a dez metros. Já os alto-falantes inteligentes receberam os comandos a 50 metros da fonte. Eles também testaram um laser menor, de 5 miliwatts, para controlar um Google Home dentro de um prédio a 76 metros de distância (!).

Não é tão simples explorar a falha à distância porque seria necessário apontar o laser com precisão. No site do Laser Commands, nome dado à vulnerabilidade nos microfones, os pesquisadores explicam: “Para focar o laser em grandes distâncias, pode-se usar uma lente telefoto disponível comercialmente. A mira pode ser feita com um tripé, o que aumenta significativamente a precisão. Um invasor pode usar um telescópio ou binóculos para ver as entradas do microfone do dispositivo em grandes distâncias”.

Ataque à laser em dispositivos inteligentes

A falha poderia ser mitigada se as fabricantes reprojetassem os dispositivos. Os pesquisadores sugerem o uso de múltiplos microfones para captar o áudio do ambiente; assim, se apenas um dos microfones receber o comando, é provável que se trate de um ataque com laser. Além disso, uma capa não transparente sobre o microfone poderia diminuir os riscos — ainda assim, como o invasor pode simplesmente aumentar a potência do laser, este seria apenas um paliativo.

O Google e a Amazon já estão revisando o estudo. O Facebook e a Apple não se pronunciaram.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

zephyr1an

gente fina é outra coisa :)

Zanac_Compile

Obrigado ! :D
Tenho total noção disto, porém aqui, respondo caminhando na rua, no elevador, servindo no buffet do almoço, fazendo coisas juntos.... kkkk da tela do celular, com o corretor corrigindo quase todas as palavras que vou tocando na tela e saindo várias letras juntas... daí do monstrinho que escrevi, o corretor sugere uma correção e toco ficha... :D

Não havia percebido, ótimo o teu alerta :)

Higo

Uma crítica construtiva...
"Ascender" = elevar
"Acender" = o oposto de apagar

Rodrigo Gomes

Comunidade no Orkut: Hackers with lasers

Keaton

Imagina o tempo para armar toda a estrutura necessária...

Gabriel Antonio
mitos
Gabriel Antonio

mitos

Caleb Enyawbruce

É muito inacreditável o nível de “nerdice” que os maluco chega. Pode trazer um mito pra esses troféus...

zoiuduu .

se alguém conseguir hackear meus dois, olha que eu dou um pra ele, pq nem eu consigo achar eles

Zanac_Compile

Se alguém apontar o laser para o meu Echo Show 5 ou para um dos dois DOTs espalhados pela casa, pode hackear também, vai conseguir acender uma lâmpada, aumentar o volume da TV ou o mais aterrorizante, esfriar a sala a 18C.

Episódio do Mr. ROBOT que o diga....

Vitor Gyn

Isso pode ser bem perigoso... daqui uns 500 anos.

Renan Rufino

Eu vi isso hoje! Que fase meus amigos

TJ Lopes

Se alguém conseguir apontar um laser pra meu Echo Show 5 pode hackear que merece.