Início » Celular » Xiaomi Redmi Note 8 e Note 8 Pro chegam ao Brasil com preços a partir de R$ 1.799

Xiaomi Redmi Note 8 e Note 8 Pro chegam ao Brasil com preços a partir de R$ 1.799

Novos celulares intermediários Xiaomi Redmi Note 8 e Redmi Note 8 Pro estão disponíveis no Brasil com vendas da DL

Paulo Higa Por

A DL Eletrônicos anunciou nesta quinta-feira (7) dois novos smartphones intermediários da Xiaomi para o mercado brasileiro: Redmi Note 8 e Redmi Note 8 Pro. Os modelos custam a partir de R$ 1.799 e se juntam à linha de celulares da Xiaomi vendidos pela empresa brasileira, incluindo o recém-lançado Mi 9T com câmera retrátil.

Redmi Note 8

O Redmi Note 8 tem câmera traseira quádrupla com sensor principal de 48 megapixels. Ele mantém a bateria de 4.000 mAh presente em seu antecessor, assim como o leitor de digitais na traseira e a tela LCD de 6,3 polegadas com notch em formato de gota.

Por dentro, temos o processador Snapdragon 665, 4 GB de RAM e 64 ou 128 GB de espaço. O modelo estará disponível nas cores azul, preta e branca, custando a partir de R$ 1.799. A DL diz que terá preços promocionais nesta sexta-feira (8), vendendo uma quantidade limitada de unidades por R$ 1.299.

Redmi Note 8 Pro

Redmi Note 8 Pro

Enquanto isso, o Redmi Note 8 Pro traz o processador MediaTek Helio G90T voltado para gamers, acompanhado por uma tecnologia de resfriamento líquido, 6 GB de RAM e 64 ou 128 GB de armazenamento interno, com possibilidade de expansão. A câmera traseira é quádrupla, com sensor Samsung Isocell Bright GW1 de 64 megapixels. A bateria tem 4.500 mAh e carregamento rápido de 18 watts.

Nas cores verde, cinza e branco, ele será vendido por R$ 2.299 na versão com 6 GB de RAM e 64 GB de memória interna.

Junto com os aparelhos, a DL revelou que fechou um acordo com a Vivo para vender os produtos da marca Xiaomi nas mais de 1,6 mil lojas da operadora. Os celulares também continuam sendo comercializados na loja online da fabricante e na loja física no Shopping Ibirapuera, em São Paulo (SP).

Xiaomi Redmi Note 8 - ficha técnica:

  • Tela: IPS LCD de 6,3 polegadas com resolução de 2340x1080 pixels (Full HD+)
  • Processador: octa-core Qualcomm Snapdragon 665 de até 2,0 GHz
  • Bateria: 4.000 mAh com carregamento rápido de 18 watts
  • Câmera frontal: 13 megapixels (f/2,0)
  • Câmeras traseiras:
    • Principal: 48 megapixels (f/1,8)
    • Ultrawide: 8 megapixels (f/2,2)
    • Macro: 2 megapixels (f/2,4)
    • Profundidade: 2 megapixels (f/2,4)
  • Memória interna: 64 ou 128 GB
  • RAM: 4 GB
  • Dimensões e peso: 158x75x8,4 mm e 190 gramas

Xiaomi Redmi Note 8 Pro - ficha técnica:

  • Tela: IPS LCD de 6,5 polegadas com resolução de 2340x1080 pixels (Full HD+)
  • Processador: octa-core MediaTek Helio G90T de até 2,0 GHz
  • Bateria: 4.500 mAh com carregamento rápido de 18 watts
  • Câmera frontal: 20 megapixels (f/2,0)
  • Câmeras traseiras:
    • Principal: 64 megapixels (f/1,9)
    • Ultrawide: 8 megapixels (f/2,2)
    • Macro: 2 megapixels (f/2,4)
    • Profundidade: 2 megapixels (f/2,4)
  • Memória interna: 64 ou 128 GB
  • RAM: 6 GB
  • Dimensões e peso: 161x76x8,8 mm e 200 gramas
Mais sobre: ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Michel
Então não vale a pena comprar aqui, melhor comprar fora, já que o aparelho vai continuar sendo incompatível com algumas frequências do Brasil.
Bráulio Pinto de Carvalho
Nonono
doorspaulo
Kek.Fui no PY semana passada, e peguei um Redmi Note 8 por R$ 790,00 mangos. No ML deve estar saindo menos de 1k...
Antony
Esse processador é ótimo. Dá uma olhada nos reviews dele, eu fiz isso muito antes de comprar, bate o SD730. A única coisa que jogo é Call of Duty atualmente, e roda tudo no máximo, coisa que no meu S7 ficava tudo no mínimo.
José Vieira
Pela metade do preço no chinês mais próximo, rs...
Lobo Solitário
Valeu.
Zé Colmedia
Tem vídeo dele no youtube demonstrando como esse Mediatek tá um pouco abaixo dos SD série 800. Testes gráficos comprovam que ele é ótimo pra jogos.
Lobo Solitário
Dúvida legítima: o processador MediaTek não é ruim, não? Pra ser um celular “gamer” não teria sido melhor usar o SnapDragon mesmo?
Fabio Santos
Tenho um Mi9 que uso como segundo aparelho gosto dele comprei no ML pois não tenho paciência de importar, ótimo aparelho não me dá problema mais é fato revelar o que pode ocorrer é isto foi com pessoa próxima.
Hand Drawn Camera
Eu estou no terceiro Xiaomi já. Desde o antecessor ao meu Note 4 atual, que já está com dois anos de uso, utilizo um conector magnético na porta micro usb dele. Dessa forma sei que pelo menos sem poder carregar o bendito nunca vou ficar. Mas pra falar a verdade, até hoje nenhum Xiaomi meu deu nenhum problema, só troco quando a bateria passa a mostrar sinais de cansaço. Todos com Cyanogen/Lineage instalado, rodando levezinhos que é uma beleza e maximizando hardware e bateria.
Antony
O Pro está oscilando entre 1400~1600 (mais ou menos o valor de importar e ser taxado) nas importadoras, provavelmente lançaram com esse preço já se preparando para fazer uma "promoção" na Black Friday. Mas é um ótimo aparelho, recomendo fortemente pra quem costuma jogar no celular e não pode gastar mais de 2k em um celular.
Fabio Santos
O problema não é só imposto a fabricante quando oficial tem que pensar que terá pós venda, o Redmi Note 7 que uma amiga comprou no ML deu pau no conector de carga ela conseguiu um técnico não oficial na santa Efigênia ficou 300 reais mão de obra mais peça que teve que soldar.No final ficou uma dor de cabeça crônica pra ela primeiramente achar a peça e segundo que nunca ficará mais aquela impressão de confiança.Eu claro ainda acho mais viável comprar por meios como ML e até importar, mais tem lá estes problemas t
Michel
Terá suporte ao VoLTE?
Terá suporte as 700Mhz brasileiro?
Michel
Terá suporte ao VoLTE?Terá suporte as 700Mhz brasileiro?
Ramon
Eu queria ser tão rico, mas tão rico, a ponto de não me importar em pagar 50% a mais por um produto que eu posso comprar por 50% menos.
Zé Colmedia
Agora entendo porque alguns sites tão vendendo Xiaomis sem notas fiscais. Vender no precinho passando a perna no 'César' é izi pizi.