Início » Aplicativos e Software » Microsoft enfim corrige busca do Windows 10 para evitar alto uso de disco

Microsoft enfim corrige busca do Windows 10 para evitar alto uso de disco

Windows 10 pode ficar lento em computadores com disco rígido; indexação da busca poderá ser desativada durante alto uso de CPU

Felipe Ventura Por

Nos posts que publicamos sobre o Windows 10, notamos vários relatos de que o sistema pode ficar muito lento em computadores com disco rígido (em vez de SSD) por causa da indexação da busca. Bem, finalmente a Microsoft está fazendo algo a respeito: esse recurso do Windows Search poderá ser desativado se outros programas estiverem consumindo muita CPU, se a bateria estiver fraca, ou se a economia de energia estiver ativa.

Windows 10

Essas mudanças estão valendo desde a build 18945, disponível para participantes do programa Insider. Se tudo der certo, elas serão expandidas para todos os usuários do Windows 10 na atualização do primeiro semestre de 2020.

O indexador da busca perderá prioridade ou será interrompido em uma dessas situações:

  • o uso de CPU ultrapassa 80%;
  • o uso de disco ultrapassa 70%;
  • a carga da bateria é menor que 50%;
  • no momento em que o dispositivo é desconectado da tomada para funcionar na bateria (ou seja, quando passa de corrente alternada para corrente contínua);
  • o modo de economia de bateria está ativado;
  • o modo de espera conectada (connected standby) está ligado;
  • o Modo de Jogo está ativado;
  • no momento em que a tela for desligada;
  • o dispositivo está acordando depois de estar no modo de baixa energia ou após o login.

O indexador do Windows Search vasculha o nome e conteúdo de seus arquivos para reunir informações como palavras e metadados. Dessa forma, o Windows 10 consegue exibir resultados mais rápido na busca do Explorador de Arquivos, Outlook, Linha do Tempo (Win + Tab) e em aplicativos universais (UWPs).

Windows 10 usa novo algoritmo para desativar indexação

Em 2018, a Microsoft fez um experimento entre usuários do programa Insider. Sempre que alguém desativava o indexador, o sistema exibia uma notificação perguntando o motivo. As principais justificativas eram: uso excessivo de disco e CPU; problemas gerais de desempenho; e baixo valor percebido desse recurso de busca.

Então, em julho de 2019, o Windows 10 ganhou um novo algoritmo que diminui a atividade de indexação avaliando diversos sinais, como alto consumo de disco. O Windows Search também deixou de vasculhar repositórios como o Git, que geralmente têm seus próprios indexadores; e parou de acompanhar as pastas de projetos do Visual Studio.

Ainda assim, a indexação acaba sendo desligada em alguns PCs. Desde a build 18945, o principal motivo é: “feito sem a intenção do usuário”. Ou seja, algum aplicativo desativou automaticamente esse recurso do Windows Search. “Nosso palpite é que, à medida que nossos parceiros descobrirem como o indexador evoluiu, desabilitá-lo pode não ser mais necessário”, diz a Microsoft.

O segundo principal motivo é “proteger o SSD de desgaste”, algo que a Microsoft não comenta. Ainda não existe um consenso sobre isso: os drives de estado sólido não são tão frágeis como antigamente, mas têm suas limitações. Um teste do Tech Report descobriu que eles podem escrever 300 terabytes ou mais antes de apresentarem falhas — é o bastante para gravar 100 GB todo dia por 8 anos.

Com informações: Microsoft.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Adrian Dérick

Incrível, tenho um note com Celeron e HD e ele nunca apresentou lentidão na pesquisa, e eu não fiz nenhum ajuste no Windows.

Wesley

Por que linux não é solução

Wesley
Por que linux não é solução
Credulos

O software do meu Kingston é bem básico, é informativo apenas.

Baidu feat MC Brinquedo

NVMe é o acrônimo de
“Non-Volatile Memory express” usado para designar um padrão desenvolvido
por um grupo de trabalho criado especificamente para permitir a conexão
direta de SSDs ao barramento PCI.

Resumindo: É um novo tipo de SSD que costuma ser, em média, de 5 a 7 vezes mais rápido que um SD tradicional (SATA). E olha que o SATA já é rápido, mas os NVMEs da Samsung, por exemplo, são insanamente superiores.

José Renato De Souza

Inclusive por software do fabricante do SSD!

José Renato De Souza

E mesmo assim essa bosta acaba com a vida útil do SSD!

José Renato De Souza

🤣🤣🤣🤣

José Renato De Souza

Porque ele é complicado, tem problemas que nem quem criou resolve e não tem suporte a jogos e programas, só serve pra instalar e navegar!

Felipe Liʍa

Mas isso q o amigo reclamou. Mesmo ativado ele é lento na busca.

Credulos

Essa atualização é apenas para quem é Insiders (beta testes) se vc não se inscreveu então vc não recebeu essa update.

Marmota Marota

Depende. Pra trabalhar com dev eu prefiro muito mais um Linux.

Mas em casa é steam e eventualmente alguma coisa d

Marmota Marota

Mas o G3 tem a opção de fábrica. Mas é mais caro.

No meu caso, comprei sem pq já tinha. Eu agradeço não ter toda a linha de fabrica, mas te entendo.

Marmota Marota

Padrão de conexao para ssds. Procura "nvme ssd"

Andrey Victor

Meu windows atualizou hj, n sei se foi essa att ai, mas continua disco 100% ja fiz de tudo e isso persiste...

Exibir mais comentários