Início » Celular » Samsung Galaxy Note 10+ e Galaxy Buds ganham edição de Star Wars

Samsung Galaxy Note 10+ e Galaxy Buds ganham edição de Star Wars

Galaxy Note 10+ comemora filme Star Wars: A Ascensão Skywalker; celular de 512 GB vem em kit com fones de ouvido Galaxy Buds

Felipe Ventura Por

A Samsung anunciou nesta segunda-feira (18) uma edição especial do Galaxy Note 10+ para comemorar o lançamento do filme Star Wars: A Ascensão Skywalker em dezembro. Trata-se da versão de 512 GB na cor preta, acompanhada por uma S Pen vermelha e fones de ouvido Galaxy Buds personalizados. O kit será vendido em quinze países; o Brasil não está na lista.

Samsung Galaxy Note 10+ Star Wars

O Galaxy Note 10+ Star Wars Special Edition tem 512 GB de armazenamento, 12 GB de RAM e processador Exynos 9825 em quase todos os países; o modelo dos EUA vem com Snapdragon 855.

O celular vem na cor preta com detalhes em vermelho nos botões e ao redor da câmera; na traseira, fica o emblema da Primeira Ordem. A S Pen vermelha é inspirada nos sabres de luz.

A caixa também acompanha uma capa de couro com referência a Kylo Ren; Galaxy Buds pretos com um case vermelho por dentro; e um “distintivo de metal” como item de colecionador.

O Note 10+ traz conteúdo exclusivo de Star Wars, incluindo papéis de parede, animações de desligamento, ícones e sons. Trata-se de uma parceria entre Samsung e Lucasfilm.

A edição especial será vendida a partir de 10 de dezembro nos seguintes países: Alemanha, Austrália, Coreia do Sul, Dinamarca, Emirados Árabes Unidos, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, França, Hong Kong, Noruega, Reino Unido, Rússia, Suécia e Turquia. Nos EUA, ela chega no dia 13 de dezembro por US$ 1.299,99.

Samsung Galaxy Note 10+ Star Wars

Samsung Galaxy Note 10+ Star Wars Special Edition – ficha técnica:

  • Tela: 6,8 polegadas, Quad HD+ (3040×1440 pixels), entalhe Infinity-O, painel AMOLED Dinâmico com HDR10+, redução de luz azul, brilho de até 1.200 nits e proteção Gorilla Glass 6
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 855 (Estados Unidos), Samsung Exynos 9825 (outros países)
  • RAM: 12 GB LPDDR4X
  • Armazenamento interno: 512 GB UFS 3.0, microSD de até 1 TB
  • Bateria: 4.300 mAh, com carregamento de 25 watts (padrão) ou 45 watts (adaptador de tomada vendido separadamente)
  • Câmeras traseiras:
    • Telefoto: 12 megapixels (f/2,1), com estabilização óptica de imagem e campo de visão de 45 graus
    • Grande angular: 12 megapixels (f/1,5 ou f/2,4), com estabilização óptica de imagem e campo de visão de 77 graus
    • Ultrawide: 16 megapixels (f/2,2), com campo de visão de 123 graus
    • Sensor de profundidade: VGA
  • Câmera frontal: 10 megapixels (f/2,2)
  • Sistema operacional: Android 9 Pie com interface One UI
  • Mais: porta USB-C, leitor de impressões digitais ultrassônico, resistência IP68 contra água e poeira, Gorilla Glass 6 na traseira, compartilhamento de bateria sem fio
  • Dimensões: 162,3 x 77,2 x 7,9 mm
  • Peso: 196 gramas

Com informações: XDA Developers, The Verge.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

RODRIGO

No antutu ele atingiu mais ou menos 26000 pontos, no qual os smartphones mais básicos fazem, aproximadamente, 40000-50000 pontos tranquilo hoje em dia!

André G

Deve ter algumas ROMs, mas certos aplicativos não rodam se eles verificarem que o SO não é original ou tem root.
Aplicativos de banco por exemplo, ou alguns jogos online, eles simplesmente bloqueiam o seu acesso.

Vale lembrar também que com o tempo o hardware vai perdendo eficiência, principalmente a bateria. A bateria dele é removível, mas se você comprar uma pirata pode durar menos de 6 meses e uma original talvez vc nem consiga achar. Mas os demais componentes internos também perdem eficiência com o tempo, o processador começa a esquentar mais, a memória interna não é lida e gravada tão rapidamente, até a câmera vai perdendo qualidade com o tempo. A tela é uma AMOLED antiga, pode ser que tenha burning.
Ainda tem o fato de que smartphones atuais tem mais cobertura da rede, oscilam menos e o 4G acaba sendo mais rápido, processadores mais novos também são mais eficientes, gastando menos energia.
Eu não compraria um S4 hoje em dia, eu iria preferir pegar um smartphone básico mais recente. E o S4 só tinha 2gb de ram com 16gb, o processador era um Snapdragon 600, para os dias de hoje isso é bem fraco.

Rookie naz

A não ser que o valor a ser pago seja muito baixo (máximo 200 reais e olhe lá), não acho que vale a pena não, além de ser um aparelho de 6 anos, os lotes mais novos devem ser de 2014 no máximo, o que faz o aparelho ter no mínimo uns 5 anos de idade.

RODRIGO

Mas, o povão fala dele bem de boas em utilizá-lo! Não entendi essa muito bem!! Será que suporta TWRP e Lineage OS para deixá-lo mais modernizado???

Pedro Resende

O S4 é um aparelho de 6 anos de vida, não tem como ele ser bom atualmente. Não existe milagre que o faça funcionar bem

RODRIGO

Queria fazer uma pergunta: estou pensando em comprar o galaxy S4, valerá a pena tê-lo hoje em dia, apesar de ser um produto antigo??? Ouvi por aí que dá um bom caldo contra muitos smartphones modernos por aí... espero por gentileza pela resposta!!!

André G

O mais legal é a S Pen inspirada nos sabres de luz, podiam aproveitar que agora ela tem controle de gestos e fazer os sons do sabre quando mexe a caneta.