Início » Brasil » Urnas eletrônicas têm duas falhas de segurança em teste para eleições

Urnas eletrônicas têm duas falhas de segurança em teste para eleições

O TSE afirma que as falhas encontradas não afetam a votação, mas promete corrigi-las em breve

Victor Hugo Silva Por

A menos de um ano das eleições, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) fez uma nova rodada de testes de segurança em urnas eletrônicas. O evento é realizado desde 2009 e, desta vez, permitiu encontrar duas falhas no sistema eletrônico de votação.

TSE encontra falhas em urnas eletrônicas (Foto: Elza Fiúza/ABr)

Segundo o UOL, uma delas permitiu burlar barreiras de segurança do sistema voltado para incluir dados como a lista de candidatos e de eleitores nas urnas. Outra deixou alterar informações secundárias no sistema, sem interferir em registros de candidatos e eleitores.

O TSE garante que as falhas não comprometem o sigilo do voto ou a segurança das eleições. Elas foram encontradas em dois planos de ataque realizados por um grupo de investigadores da Polícia Federal. Ao todo, o teste de segurança contou com 13 planos de ataque às urnas eletrônicas.

O evento teve a participação de 22 investigadores divididos em cinco grupos, além de três investigadores individuais. Os técnicos da Justiça Eleitoral vão trabalhar para corrigir as vulnerabilidades e, em 2020, as urnas voltarão a ser testadas pelos investigadores da Polícia Federal.

O objetivo é verificar a efetividade dos reforços implementados no sistema eletrônico. O coordenador da Comissão Reguladora do Teste Público de Segurança do TSE, Giuseppe Janino, afirma que pontos com falhas em edições anteriores do evento foram corrigidas e, agora, se mostraram seguros.

"Houve achados importantes", diz Janino sobre as vulnerabilidades encontradas este ano, de acordo com o UOL. "Vamos trabalhar no fortalecimento dessas barreiras e vamos chamá-los novamente para testar a eficácia. O sistema vai para a eleição muito mais fortalecido".

Em seu teste, o TSE retira as 30 barreiras de segurança das urnas para simular um cenário com falhas que podem expor o sistema. O evento tem foco nas eleições marcadas para outubro de 2020, que ajudarão a escolher novos prefeitos e vereadores em todo o país.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Frederico Martins
Fale por vc.
Frederico Martins
Não cara. Deixa.... Realmente não são seguras.
wuhkuh
Então por favor fique na minha vaga de mesário, senhor trabalhador!
Luigi Lambri
mas e ai se foram modificadas antes, não é pq vc bateu na maquina e deu zero votos que ta tudo certo.
Frederico Martins
Num cofre não. Mas a partir do momento que são zeradas e carregadas com as informações em época eleição, sim. (Não num cofre, claro, mas com escolta 24h). Ou vc acha que ficam num galpão à exposição de portas abertas ?
Rodrigo
Devia ser seguro mesmo, quando o coroné de determinada cidade/estado mandava queimar as urnas na estrada ou quando o fiscal ideológico marcava um X no papel em branco de algum eleitor
Rodrigo
Prefiro urna eletronica que papel... agilidade na votação e melhor na contagem de votos...e menos suscetível a fraudes...
Rodrigo
Prefiro urna eletronica que papel... agilidade na votação e melhor na contagem de votos...e menos suscetível a fraudes...
Lancelot Camarini
Esse é o típico brasileiro, vagabundo, não importa se o resultado é uma fraude, desde que não tenha que trabalhar. É uma vergonha
Pepe
tem um caso famoso de um fiscal de las vegas que devia auditar os chips das maquinas para garantir que elas dessem o premio segundo a lei. Ele mesmo mudou a rom para dar premio quando uma sequencia exata fosse executada. foi pego por vencer 2x na mesma noite e por muito azar. Resumo. nada tao importante como a urna não pode ter com ser auditavel e recontavel. offline ou não.
mc
Concordo com essa linha de raciocínio,porém lembra do carro da Volkswagen que detectava quando era teste em laboratório e alterava os parâmetros do motor para fraudar as emissões de gás e passar nos testes?Sinceramente,basta aqueles chips das urnas ter background para manipula os dados,como os chips não são fabricados por nós,um país se querer fraudar eleição(EUA ou CHINA) nossa,seria bem factível.
Vc citou sistemas que estao sempre disponíveis e 100% integrados a internet. não da pra comparar amigo.
E é. Meu ponto foi em relação ao equipamento e seu uso. Do jeito que o colega acima escreveu, da a entender que é algo que todo mundo pode brincar de hackear a qualquer momento.
DeadPull
"Em seu teste, o TSE retira as 30 barreiras de segurança das urnas para simular um cenário com falhas que podem expor o sistema." Se disponibilizarem o sistema da urna eletrônica brasileira pra hackers profissionais em vez de "investigadores da polícia federal", em alguns minutos encontrarão uma biblioteca de Alexandria de vulnerabilidades, e nem precisa desativar as tais 30 barreiras de segurança.
Pepa
É voto eletronico com recontagem em papel se necessário. Caracas como tem anta comentando aqui.
Pepa
o misto, previsto da lei, é ainda melhor
Pepa
E por isso TEM que ser auditavel e permitir recontagem.
Fabio Santos
Quem garante que a falha não ocorra apenas na versão full do software e quando se coloca o pendrive na retirada das informações, sem contar que praticamente e digo já trabalhando nas eleições e vi duas vezes o espelho de voto com falhas ao fixar na parede do TSE local isto quando fixam.A verdade que o povo pouco liga pra isto desde que tenha cerveja, churrasquinho e futebol.Vivemos uma geração burra mais tecnologia que não questiona.
Fabio Santos
se for pro bem na nação duvido que falte pessoas dispostas a contar, diferente de você vagabundo.
doorspaulo
Voto eletrônico é "seguro o suficiente". É impossível ter um sistema à prova de falhas, e o voto eletrônico ainda é o menos suscetível a fraudes.
Ricardo Cubas
O resumo é entidades da sociedade civil organizada fazer, no dia da eleição, votação paralela em 2% de urnas escolhidas aleatoriamente, sem voto impresso e com custos mínimos que garantiria confiabilidade às urnas eletrônicas de 95%, com margem de erro de 1%. Simples assim.
Ricardo Cubas
Uma pessoa superficial dá muito mais valor à estética e muito menos valor ao conteúdo. A ideia do vídeo é, simplesmente, majestosa.
wuhkuh
Pra quem pede voto impresso, vai tomar no cu, não é você que vai ficar contando voto depois e pra se livrar de ser mesário é um inferno!
Não disse que é infraudável.
Pepa
Explique a fraude na bolivia então.
Pepa
Trabalho em um escola, véspera de eleição fica um policial pra cuidar de todas a urnas que já estão no local, fazendo ronda... ( a maior parte do tempo bem longe das urnas, mesmo como pessoas como eu ainda trabalhando no local) só que ele vai ao banheiro, sai pra jantar, etc etc etc. Imagine antes de chegar na escola. Fraudes semelhantes já foram feitas nos chips de maquinas de Las Vegas, por que não se precaver quanto a isso?
Marco Pacheco
Mas as urnas podem ser auditadas!!A informação de que a urna não pode ser auditada deve ter vindo do mesmo grupo de WhatsApp com a tal mamadeira!
Pepa
Se ele te bloqueou por isso ele não merece meu tempo perdido.
Pepa
Sim sim claro, esse é o melhor sistema e utilizado onde existe democracia de verdade.
Pepa
O tribunal eleitoral é uma fraude por sí só.
Pepa
Quanta gente burra... o voto é eletrônico. o Papel fica lá para auditoria e recontagem.
Luigi Lambri
Explica pro Andrei isso, o idiota me bloqueou.
Pepa
Exato!
Pepa
Existem fiscais que de qualquer partido que queiram que ficam na contagem e ela só ocorre quando há suspeita de fraude. Se o numero não bate a fraude foi exposta.
Luigi Lambri
Sim, é isso que é uma recontagem, não vai ser uma pessoa né cara, serão varias e com outras pessoas reconferindo, do jeito que vc fala parece que alguem vai levar os votos pra casa e depois falar o resultado.
Andrei
Melhor nem comentar, já vi que é retardado que fica spamando em qualquer comentário. Bloqueado.
Pepa
Eu não desconsidero, nem ao menos acho que ela não seja bastante segura. Não Basta! Estamos falando de democracia, algo quase sagrado, e um sistema que não pode ser auditado e recontado não é o suficiente.
Daniel
Você que vai lá contar um a um depois? Ou vai confiar em alguma pessoa para isso, assim como confiaram em pessoas para projetar a urna?
Antony
Também já fui mesário duas vezes e não conhecia
Cléber
já fui mesário 4x, não conhecia essa lista. Não precisa por 1 a 1 na reportagem, entretanto,deixar vago do jeito que está é coisa de estagiário!
Henrique
Primeiramente, acho que a questão não é se a urna eletrônica é segura ou não.Mas sim, se a tecnologia adotada pelo Brasil, que não permite ser auditado, é seguro.Dos países que adotam a "votação eletrônica:https://www.idea.int/news-m...O Brasil é um dos poucos que ainda adota um sistema não auditável:http://www.ilisp.org/artigo...E recebe críticas de muitos técnicos e comentaristas políticos, que teme-se pela vulnerabilidade das urnas eletrônicas adotadas pelo Brasil.https://jornal.usp.br/artig...https://veja.abril.com.br/b...Portanto, cabe repetir a pergunta: Se a urna eletrônica usada no Brasil é tão segura, então, qual é o temor por ter um sistema de auditoria e de conferência dos votos?
Luigi Lambri
claro.
Matheus
ficam...
Matheus
Em "qualquer ferramenta", inclui-se martelo, serra tico-tico e cola? A maioria das barreiras de segurança da urna são FÍSICAS.
Matheus
Queria a listagem dos 31 itens num artigo? Se você já tivesse sido mesário você teria conhecido algumas.https://tv.estadao.com.br/p...
Luigi Lambri
tem meia duzia de urna que pega fogo, logo não tem como fazer voto impresso, JENIAL.
Matheus
São milhões de votos, a galera bota fogo em urna eletrônica toda eleição, o que não faria com papeis?
Luigi Lambri
Queria entender pq a galerinha que defende mais democracia é tão contra assim ter voto impresso?Pros desavisados o voto vai continuar com a urna eletronica, só que será impresso e vc pode conferir se o voto foi efetuado de forma correta no papel, no qual vc não vai pode pegar, ja cai direto na urna.
Luigi Lambri
Queria entender pq a galerinha que defende mais democracia é tão contra assim ter voto impresso?

Pros desavisados o voto vai continuar com a urna eletronica, só que será impresso e vc pode conferir se o voto foi efetuado de forma correta no papel, no qual vc não vai pode pegar, ja cai direto na urna.
Luigi Lambri
Existe sim, ninguem ta negando a questão é o que vc pode fazer com ela, vc não pode fazer 100% do que quer.
Marco Pacheco
Claro que existem! Acabou de ter um esse ano, teve ano passado e teve em anos anteriores!Voce(s) desconsideram o fato da urna ser totalmente off-line.
Luigi Lambri
é só vc ver o papel antes, vai ser impresso vc olha e confirma que ta certo, qual a dificuldade?
Luigi Lambri
Nada é 100% seguro, sempre tem a chance de se hackear, ninguem ta falando que vai ser um primo, centenas de milhões são gastos em campanhas presidenciais, da pra contratar o melhor hacker do mundo pra isso.Se os votos forem destruidos é um crime bem grave e tem que ser apurado, não querer voto impresso pq pode dar merda é idiotice.
shinodaluk
As pessoas que pedem o voto impresso por ser possível "auditar" (como se fosse possível garantir que todos os papéis impressos vão ser preservados nesse processo de milhões de votantes) certamente não entendem nada de criptografia e não vão atrás de ver o quanto de estudos, esforço e ciência de dados e computação foi aplicado nisso. Não é algo que um primo fez, é algo que envolveu várias pessoas de todas as áreas da computação.
E se há vulnerabilidades? Claro que há, até nos bancos há e eles investem bilhões de reais em tecnologia e segurança. Porém, essas são muito obscuras que estão em um ponto que só uma pessoa de dentro, muito especializada e com acesso a todo o sistema e hardware poderia encontrar.
shinodaluk
As pessoas que pedem o voto impresso por ser possível "auditar" (como se fosse possível garantir que todos os papéis impressos vão ser preservados nesse processo de milhões de votantes) certamente não entendem nada de criptografia e não vão atrás de ver o quanto de estudos, esforço e ciência de dados e computação foi aplicado nisso. Não é algo que um primo fez, é algo que envolveu várias pessoas de todas as áreas da computação.E se há vulnerabilidades? Claro que há, até nos bancos há e eles investem bilhões de reais em tecnologia e segurança. Porém, essas são muito obscuras que estão em um ponto que só uma pessoa de dentro, muito especializada e com acesso a todo o sistema e hardware poderia encontrar.
Pepa
E como comprovar que o voto foi registrado em quem eu realmente queria? O pessoal desbloqueia iphone, invade a Nasa, rouba dados do exercito americano imagine urna eletrônica (Claro que exagerei no argumento, mas declarar a urna como 100% segura é uma farsa). Não existe possibilidade de auditoria e recontagem do votos.
Pepa
Não existem teste públicos de fato... são todos meio capados. , o mais obvio, quem descobre uma eventual falha não é sempre o cara bonzinho que vai la contar.
shinodaluk
Eles fazem esses testes, além de testes envolvendo pessoas de fora e voluntários, para justamente aumentar a confiabilidade. Atualmente eu não creio que seja possível uma fraude sem uma grande quantidade de pessoas envolvidas, em praticamente todos setores do tribunal eleitoral e polícia.
Rafael Leite de Freitas
Supostas fraudes numa eleição com voto no papel, o que teria a ver como nosso caso?
Pepa
Retardados estão em todo lugar
Pepa
O problema da urna é que não é possível audita-la e pior, não é possível garantir que o seu voto foi registrado da forma correta. O voto impresso como estabelecido em lei resolveria essas questões. O incidente de fraude na Bolivia nos mostrou que precisamos evoluir o sistema até o ponto em que o processo tenha a maior legitimidade possível.
Luigi Lambri
os caras acham que querem que voto seja em cedula, dai vc vai marca no papel e coloca na urna...
Pepa
A ignorância é uma dádiva... A evolução do voto eletrônico é o voto eletrônico auditavel. É um passo pra frente não pra trás.
Pepa
As pessoas pedem uma forma de auditar a urna, não a volta do voto em papel como ele já foi.
Luigi Lambri
Sim tem que deixar fazer todos os testes possiveis.
Marco Pacheco
É pra isso que existem os testes públicos de segurança!!
Trovalds
Os dados são criptografados e transmitidos via VPN. A não ser que você tenha a chave de ambas pra passar pela VPN e descriptografar os dados é quase impossível vencer a criptografia. Quer dizer, ela pode ser vencida por força bruta, mas você precisaria de um supercomputador e alguns meses (ou anos dependendo do tamanho da chave) pra isso.E a transmissão não ocorre da urna diretamente pro TSE. Tem um mini datacenter que é montado onde ocorrem as apurações (em lugares com muitos eleitores) e os dados primeiro são validados ali antes de serem de fato computados e transmitidos. Nos locais remotos os funcionários do TSE tem notebooks e equipamentos de transmissão via satélite pra transmitir os dados.
Luigi Lambri
Como que vc acha que seria os votos de papel,só por curiosidade.
Cléber
"o TSE retira as 30 barreiras de segurança"Aula de produção de texto básica: que barreiras são essas?!
Andrei
Em um blog de tecnologia as pessoas pedindo a volta do papel. Lamentável.
Luigi Lambri
Imagina que a urna esteja modificada, claro que ira apresentar zero votos, muda os dados na hora e quando envia já envia os dados modificados, a contagem sai modificada, não tem como conferir se foi mudado ou não.
Luigi Lambri
Me sinto até mais seguro depois disso.
Trovalds
Isso quando a zona eleitoral tinha 500 eleitores e na hora da apuração tinham 600, 700 votos na urna.
Antony
Antigamente quando a votação era em papel era bem mais seguro. Vinha gente até do cemitério votar.
Marco Pacheco
Ao ligar a urna, tem um procedimento a se fazer para verificar que não voto computado. Ao término da eleição, é emitido um boletim com os votos. Os dados que são enviados ao TSE devem ser os mesmos que foram impressos ao término da votação.Além disso, se ler a matéria verá que as falhas encontradas não permitiram alterar os dados da urna e que, o teste foi feito retira do-se duas dezenas de camadas de segurança. (Justamente para que se pudesse encontrar falhas).
Trovalds
Só alguns funcionários tem a chave que abre a urna. Não é uma trava que qualquer um vai, tira e acessa o cartão. E os dados tem uma assinatura eletrônica (tipo um MD5 hash) que é validado na hora em que os dados são enviados ao TSE para apuração. Se houver alguma discrepância o sistema acusa na hora, os dados não são validados e a urna vai pra investigação. Fora isso, a urna tem (pelo menos até a época que trabalhei na Justiça Eleitoral) 4 cópias de segurança internas fora o próprio cartão, que é a mídia principal. E cada cópia tem uma camada de segurança mais forte que a outra. Dependendo de onde tem que se recuperar dados da urna, apenas alguns funcionários do TSE em Brasília conseguem acessar.EDIT: não estou falando que concordo ou discordo do sistema eletrônico.
Ricardo - Vaz Lobo
DEsculpa a pergunta burra, mas um gadget emitindo sei lá raios gama, impulsos magnéticos, incenso, sei lá... poderia mudar alguma coisa na urna? Outra coisa, quando a urna passa a votação pra central, via rede, ela não fica vulnerável?
Luigi Lambri
E como vc acha que é feito? questão que dados podem ser alterados.
Mauricio Carrion
a contagem é feita pelo sistema do TSE, os cara acha que os votos vão pra um bloco de notas e lá é feita a contagem na calculadora hahahaha
Ricardo - Vaz Lobo
Pela lead, vi logo que ia dar treta politiquista. Daí o povo pula logo pros comentários e nem olhou o mais importante, que é a sublead...
Mauricio Carrion
Cara primeiro uma urna nem placa de rede tem, impossibilitando acesso a internet da msm, um hacker teria que arrombar um cartório eleitoral pra poder acessar uma urna.
Luigi Lambri
É possivel, ou vc acha que as urnas ficam em um cofre com escolta policial 24h por dia?
Frederico Martins
E que hackers tem as mesmas condições fera? Ficar 24h com a urna? 🤣
Guilherme Polonca
meu deus do céu, mas que vídeo feio
Luigi Lambri
É retardado falando do deficiente mental, disputando pra ver quem fala mais merda.
Luiz Henrique
Sério mesmo que você acha que esses dois caras são referência pra alguma coisa?
Luigi Lambri
nenhum, o problema não é o eleitor são os hackers né fera.
Luigi Lambri
Serio mesmo? Felipe Neto é um Nando Moura da esquerda lacradora, 2 idiotas.
ochateador
Mas seria uma forma de tentar otimizar a coleta de resultados.Pois hoje é colocado um cartão na urna e esse cartão vai até o cartório eleitoral, e aí sim será contabilizado. Quem garante que o conteúdo do cartão não será alterado (na hora da gravação ou leitura) ?
Frederico Martins
E que eleitor tem as mesmas condições??? Kkkkkk
Michael Loeps™
O velho, não força o rapaz que comentou a descrever o link que ele postou, vai que aciona um gatilho.
RODRIGO
Já, já os bobominions gritarão pela urnas em papel em 3, 2, 1...P.S: galera adoradora do Nando Moura, tenho uma informação: Felipe Neto escracha a verdade na forma dura e dolorida a este mencionado, terminando... ele é o filhinho da mamãe!!!! KKKKKKKK!! Vejam lá no YouTube!
RODRIGO
Já, já os bobominions gritarão pela urnas em papel em 3, 2, 1...
P.S: galera adoradora do Nando Moura, tenho uma informação: Felipe Neto escracha a verdade na forma dura e dolorida a este mencionado, terminando... ele é o filhinho da mamãe!!!! KKKKKKKK!! Vejam lá no YouTube!
uB.
Resume aí, vai!Ter q ver vídeo pra cada comentário q o povo escreve.... a internet ia travar!
Ricardo Cubas
A solução definitiva para a resolver a confiabilidade das urnas eletrônicas, sem voto impresso e custos mínimos está no Canal OBTJ do youtube... https://www.youtube.com/wat...
Sim mas essa é a questão. A urna não é um aparelho que fica conectado a internet sempre e pronta pra qualquer um poder hackear quando quiser.
raphaela1
O título deveria ser: "Urnas eletrônicas têm duas falhas de segurança de baixo risco em teste para eleições"
ochateador
Se fizer um teste público com 24 horas de duração, um máximo de vinte pessoas por equipes e liberdade em usar qualquer ferramenta, acho que conseguem passar qualquer "proteção da urna".